Thaís Khoury
Por Thaís KhouryLeia em 4 min.11/01/2017 

O que significa sonhar com cobra?

Sonhos com cobra trazem reflexão sobre impulsividade, postura defensiva e estagnação, mas indicam possibilidade de desapego e renovação | Glossário Personare

Sonhar com cobra pode representar um presságio de engano e traição, tanto que há a frase “fulano(a) é uma cobra”. Apesar da imagem ser de um animal traiçoeiro e assustador, pode simbolizar elementos da área da saúde, como medicina, fisioterapia e nutrição.

Reflita sobre o contexto de sonhar com cobra

  • Como é essa cobra/serpente?
  • Qual é a ação do animal no sonho: ele ataca o sonhador, encara-o, desliza sobre ele?
  • Ela é ameaçadora, inofensiva, indiferente?
  • Que sentimentos do sonhador estão relacionados à cobra: medo, simpatia, nojo, fascínio?
  • Ela está viva ou morta?
  • É grande ou pequena?
  • Essa serpente comporta-se como um réptil ou tem ares fantásticos como comunicar-se com o sonhador ou ter poderes?
  • Eu estou sendo perseguido pela cobra ou estou fugindo dela?

Reflita sobre o que o inconsciente pode estar sinalizando ao sonhar com cobra

  • Estou com dificuldades de deixar algo no passado? Tenho reagido com apego ao que preciso me desprender?
  • Como tenho encarado essa necessidade momentânea de me abrir para mudanças?
  • De que maneira tenho reagido a uma mudança de ciclos? Há algo que realmente precisa ser concluído ou deixado para trás para que haja renascimento?
  • Estou me comportando de um jeito viciado, com algum hábito que eu nutro com teimosia, mas que tem me prejudicado? Como posso não me identificar mais com esse comportamento e desenvolver novos hábitos?
  • Preciso ser mais flexível, evitando uma atitude tão rígida, fanática ou autoritária?

Entenda possíveis aplicações de sonhar com cobra:

Sonhar que a cobra está dando o bote

Uma cobra que dá o bote no sonhador pode indicar um contato mais violento e inevitável com os instintos e reações.

Sonhar que a cobra está parada

Uma cobra enrolada e inerte pode denunciar passividade e, talvez, estagnação.

Sonhar que mata a cobra

Matar uma cobra pode estar relacionado a “matar”, livrar-se dos instintos ou possíveis medos e angústias gerados pelos instintos. Isso pode ser positivo se o sonhador tem assumido uma postura instintiva e negativa, reagindo sem pensar, prejudicando a convivência com outras pessoas e praticando autossabotagem espontaneamente, por exemplo.

Por outro lado, matar uma serpente em sonho pode ser negativo se o sonhador já é alguém que não entra em contato com essa dimensão de si mesmo, sugerindo ainda mais passividade e limites das próprias emoções.

Sonhar que é morto por uma cobra

Ser morto por uma cobra pode indicar que os instintos dominam a consciência e o sonhador toma atitudes em que “troca os pés pelas mãos”, pensando apenas em se defender e satisfazer os próprios desejos.

Sentimentos sombrios podem trazer regeneração

Cobras podem produzir um veneno mortal, mas que também se torna antídoto e pode curar a pessoa envenenada.

Do ponto de vista psíquico, podemos pensar que se trata de um aspecto em nós mesmos que é sombrio, inconsciente e reage de maneira impulsiva e defensiva, mas que ao mesmo tempo é a nossa cura.

Um aspecto que só pode se tornar antídoto de maneira consciente. O contato com a serpente poderia então ser destrutivo, como uma mordida ou um ataque, mas benéfico, representando cura e regeneração ou o restabelecimento da saúde e do equilíbrio.

Ciclo de renovação

Outro aspecto que vale destacar é a troca de pele das cobras, isto é, o ciclo de transformação e renovação, o morrer e renascer, os ciclos e as passagens. Simbolicamente, esse aspecto sugere o desapego, a capacidade de deixar para trás o que não serve mais, não é mais útil em sua vida.

Outro hábito de algumas espécies de cobra que também pode representar desapego é que elas abandonam os ovos quando estes estão prestes a eclodir, o que poderia simbolizar a busca pela independência.

Nossos especialistas

Thaís Khoury é formada em Psicologia pela Universidade Paulista, com pós-graduação em Psicologia Analítica. Utiliza a interpretação dos sonhos, a calatonia e a expressão criativa em seus atendimentos.

Yubertson Miranda, formado em Filosofia pela PUC-MG, é simbologista, numerólogo, astrólogo e tarólogo.

Thaís Khoury

Thaís Khoury

É psicóloga clínica e utiliza a interpretação dos sonhos, a calatonia e a expressão criativa em seus atendimentos. Também é vegana e fundadora do Veganíssimo, empresa que produz alimentos 100% vegetais.