Brincadeiras para estimular o cérebro das crianças

Algumas atividades, além de serem divertidas e aliviarem o estresse, podem ser ótimas brincadeiras para estimular o cérebro

Brincadeiras para estimular o cérebro das crianças

Você observou como uma criança se desenvolve? Cada movimento novo para ela é um aprendizado desde que está lá dentro da barriga da mãe e esse aprendizado segue a vida toda. Tudo que fazemos é absorvido pelo cérebro e entra no rol de conhecimentos apreendidos pela mente. Por isso, brincadeiras para estimular o cérebro das crianças são tão importantes.

Até mesmo ensinar a respirar pode estimular o cérebro das crianças.

Essas ações quando transportadas para analisar nosso corpo também tem efeitos benéficos. Principalmente se soubermos os efeitos. O bebê engatinhar é muito proveitoso para fortalecer os músculos do pescoço, por exemplo.

Agarrar objetos desenvolve a motricidade fina das mãos. Subir e descer de lugares pode melhorar a motricidade ampla. Cada movimento da criança cria novas sinapses, portanto aprendizados.

Ensinar às crianças movimentos que auxiliam na sua evolução física saudável terá reflexos na sua saúde física, mental e emocional. Como o simples ato de respirar devagar.

O ar enchendo o diafragma e esvaziando devagar ajuda a criança a autorregular suas emoções em momentos de estresse, como instantes de medo ou raiva.

A mobilidade de determinadas ações já são estudadas e praticadas, como as asanas do yoga ou exercícios de ginástica cerebral (Brain Gym ®), por exemplo.

Tem benefícios específicos de acordo com o uso. Muitas vezes, em conjunto com outros exercícios, seu aproveitamento pode ser exponencial.

Ideias de brincadeiras para estimular o cérebro das crianças

Postura do gato (bidalasana)

Essa postura do Yoga, além de ser divertida para a criança, ajuda a aliviar o estresse e alonga os ombros, o tórax e vários outros músculos dos pequenos.

 

Postura da árvore (Vrksanana)

Essa posição de yoga pode ser um desafio gostoso para as crianças. Se fizer com mais pessoas junto, vocês podem formar uma floresta ao encostar a mão de uma nas outras.

Ajuda a desenvolver o equilíbrio, fortalecer os músculos das articulações e a trabalhar foco e concentração.

 

 

Trataka

Temos o trataka, que são movimentos para melhorar a visão.

Essa Yoga para os olhos ajuda a relaxar e lubrificar os olhos.

 

Brain Gym®

Já o Brain Gym® tem 26 movimentos estudados para a integração do cérebro, que trazem benefícios cognitivos e melhoram a postura física e diante da vida.

Sempre se aconselha, antes de iniciar, tomar um pouco de água para lubrificar o cérebro. Veja alguns exemplos:

  • Marcha cruzada: simula um movimento exagerado do caminhar, cruzando braços e pernas. Pode ser feito como uma brincadeira ou dança. Ajuda ter melhor equilíbrio e consciência espacial e melhora a coordenação entre esquerda e direita.
  • Bocejos energéticos: pode ser muito bom para o cérebro. Massageia os músculos da mandíbula, enquanto boceja. Colabora para melhorar a expressão da fala, do canto e da escrita criativa. Se sentir vontade de bocejar de verdade é porque seu cérebro precisa de oxigenação.
  • Flexão de pé: Sentado, mova o pé para cima e para baixo. Essa ação também ajuda no foco e melhora a comunicação.

Brincadeiras servem para estimular o cérebro de adultos?

Então, já parou para pensar quais os melhores movimentos para um desenvolvimento saudável do cérebro e o quanto isso influencia na saúde.

Existem várias formas de fazermos a mesma ação. Ou por aprendermos ou por acharmos uma forma mais fácil de fazer. Normalmente escolhemos o que é mais fácil. O que tem um lado bom e outro nem tanto. Como assim? Vamos falar em rotina para explicar.

A rotina pode ser boa ou ruim, depende de como a organizamos. Repetição não cria estresse para o cérebro, pois não precisa se esforçar para aquela ação.

A questão é que se eu não mudar uma atitude, fazer sempre as atividades do mesmo jeito, pode acontecer de esquecer um detalhe, já que aquela ação é tão habitual. O famoso será que deixei o fogão ligado?

Por outro lado, ter rotina que pode ser mudada de vez em quando pode criar caminhos que ajudam o cérebro a criar mais conexões na mente.

Isso ajuda a ter mais possibilidades de resolver questões que antes eu tinha apenas um jeito de fazer.

Por exemplo, o caminho que vou para escola ou trabalho. Um dia, você pode mudar parte do percurso e criar sinapses novas. Isso é uma ótima brincadeira para estimular o cérebro.

Tenha em mente que os desafios do dia a dia são ótimos para o seu cérebro. Encare como uma brincadeira e seu cotidiano poderá ser bem mais divertido. Topa agir a partir dessa inspiração?

Estou organizando, junto com a Ana Luisa Matsubara, um evento chamado Brincando com o Cérebro. Nesse dia, teremos um momento com as famílias fazendo juntos várias atividades. Será no dia das crianças. Um momento presente. Um evento cheio de presença. 

Olá, essa matéria foi útil para você?
Andrea Leandro

Andrea Leandro

Profissional certificada pelo Selo Casa Saudável, administradora e consultora em Harmonização de Espaços. Utiliza em seu trabalho técnicas como Geobiologia, Feng Shui, Reiki, Lótus Sagrada e Florais. Saiba mais