Ana Paula Malagueta
Por Ana Paula MalaguetaLeia em 2 min.02/10/2018 

Primavera da mulher: 7 dicas para potencializar os ciclos femininos

Estação traz disposição física e mental para colocar a mão na massa

Aprendemos no “A mulher e seus ciclos” as correspondências entre o que acontece dentro dos nossos corpos durante um ciclo menstrual, as fases da lua e as estações da natureza. Aprendemos que tudo é igual. Que tudo aponta para uma mesma direção. E que se entendemos e nos tornamos parceiras disso, podemos encontrar o caminho para nosso mapa do tesouro pessoal. Através do nosso próprio ciclo e dos ciclos da lua e da natureza, entendemos quem somos, como funcionamos, do que precisamos e como podemos agir para viver nosso máximo potencial e de forma mais autêntica. Hoje, vamos falar da primavera da mulher.

Com todas essas questões em mente, nada mais adequado do que olharmos para a primavera que começou tanto na natureza, aqui no Hemisfério Sul, quanto para o que ela pode nos mostrar e ensinar sobre nós mesmas.

Vamos lembrar uns pontos principais! A primavera corresponde ao período da Lua Crescente, ao período pré-ovulatório e também traz as energias arquetípicas da donzela. Sendo assim, a primavera é um período propício para realizarmos algumas tarefas, bem como para colocarmos algumas coisas em prática.

A primavera é um período propício para realizarmos algumas tarefas, bem como para colocarmos algumas coisas em prática.

 

Sagrado feminino e a primavera da mulher

O arquétipo da donzela acontece na lua crescente. Associado à primavera, representa um momento de maior vitalidade, propício a iniciar novos projetos, ou seja, transformar desejos em ações, que movem a donzela. Vou te dar, então, 7 dicas de como aproveitar melhor a primavera colocando em prática alguns princípios do sagrado feminino.

  1. Leve a donzela para brincar. Uma das qualidades da donzela é conter a energia da criança interior. Então, é um ótimo momento para trabalhar com a nossa criança, indo atrás de tudo aquilo que te faz sorrir. Quando foi a última vez que você deu uma boa gargalhada? Qual foi a última vez que se permitiu brincar com a vida, como as crianças brincam, despreocupadamente? A criança pode trazer um novo frescor para a sua vida. Experimente dar espaço para ela e ser levada para brincar com a vida.
  2. Leve a donzela para explorar. Uma das qualidades da donzela é conter a energia da nossa guerreira interior. E ela gosta de desafios e novidades. Ela quer explorar a vida. Conhecer novos lugares. Enfrentar novos desafios. Se tem algo com um potencial destruidor dentro de nós, que pode te levar a ficar irritada e brava com o mundo, é não se desafiar a sair da zona de conforto e do seu esconderijo pessoal, além de viver sem novas perspectivas. Então, é hora de sair. É hora de ir atrás. É hora de ir para lugares nunca antes navegados. A guerreira vai com você. Ela gosta de novos desafios.
  3. Leve a donzela para recomeçar. Se tem uma qualidade boa da donzela é a de nos ajudar a realmente engatar algo novo que desejamos começar. Esta é a melhor forma para dar início a algo que sempre quis aprender, fazer ou realizar. Se você sempre quis aprender russo, por exemplo, a hora é agora. Se puder começar algo sincronizando a primavera com o seu período pós-menstruação, será ainda mais potente! Porque, geralmente, tudo que começamos neste período, conseguimos de fato manter e levar adiante. Então, bora começar?
  4. Leve a donzela para a rua. Se tem uma coisa que você não pode fazer aqui é ficar em casa sem fazer nada, escondida ou procrastinando. A donzela fica muito irritada, frustrada e ansiosa quando não tem um projeto no qual colocar sua imensa energia. Esta é uma fase de energia, disposição mental e física, vontades e desejos pessoais! Então, saia de casa e vá atrás dos seus sonhos!!! É hora de fazer acontecer…tudo está conspirando a seu favor.
  5. Leve a donzela para a natureza. Uma das coisas que mais nos nutrem nesta fase da primavera, seja interior ou exterior, é estar junto à natureza. Então, mesmo que você tenha pouco tempo, dá para passar no parque, sentar junto a uma árvore, brincar com seus animais de estimação ou dar um rápido mergulho. Precisamos incluir e dar espaço para a natureza entrar em nossas vida, para voltarmos a fazer parte dela. Ela está em todos os lugares, ou será que você deixou de ver? Nunca mais parou para admirar uma bela árvore? As flores que embelezam a cidade na primavera com suas cores e aromas? Acompanhar o voo dos pássaros? Sentir a terra embaixo dos seus pés? Dá tempo sim…basta você se priorizar também.
  6. Leve a donzela para ser sua prioridade. A donzela é a parte de nós que mais se prioriza. É egoísta no melhor dos sentidos. Visto que passamos grande parte do nosso tempo e às vezes, de nossas vidas, priorizando os filhos, os companheiros (as), a família, o emprego, os estudos, e qualquer outra pessoa que precise de você. Mas, preciso te dizer uma coisa, de donzela para donzela: você é a pessoa que mais precisa de você.  E é hora de se tornar sua prioridade. Porque não adianta reclamar que ninguém te valoriza ou te agradece pelos sacrifícios que faz, se você não se valoriza e coloca como prioridade na sua agenda. Tudo precisa começar com você. A donzela sabe se colocar em primeiro lugar sem dor na consciência. Deixe ela te ensinar um pouco sobre você mesma.
  7. Leve a donzela para realizar. A donzela é uma das forças mais realizadoras dentro de nós. É aquela que pega todas as sementes que plantamos, todos os sonhos que sonhamos, todos os desejos escondidos, e tem a coragem de ir atrás de formas e meios de torná-los reais e possíveis. É ela que faz acontecer. Ela tem energia. Ela tem disposição. Ele tem os meios. Ele tem a estratégia. Ela tem a coragem. Então, se você até hoje procrastinou ou se encolheu frente aos seus mais intensos desejos e sonhos, é da donzela que você precisa. Sintonize-se com sua primavera interior (período pré-ovulatório) e com a Primavera exterior e vamos atrás do que verdadeiramente importa! Você!
Ana Paula Malagueta

Ana Paula Malagueta

Utiliza diferentes formas, ferramentas e caminhos como o Yoga, Astrologia, Tarot, Danças Circulares, BodyTalk e movimentos em grupos de mulheres para acessar, desenvolver, resgatar e integrar as energias dos Sagrados Feminino e Masculino em nossas vidas.