Marcia Fervienza

Previsões para Câncer em 2018

Confira principais tendências para quem tem Sol ou ascendente no signo

Previsões para Câncer em 2018

Em 2018, alguns cancerianos sentirão que estão sendo mais cobrados pelos outros e precisarão rever os relacionamentos que construíram e a carreira. Já outros passarão por uma fase de crescimento e expansão. Abaixo, você encontra previsões detalhadas para Câncer, divididas por decanato. Mas o dia que um decanato inicia ou termina pode sofrer leves variações anualmente. Portanto, caso tenha nascido no dia de início ou término de um decanato, é importante consultar um astrólogo para tirar a dúvida.

No final do conteúdo, você também encontra as principais tendências para quem tem ascendente em Câncer.

Vale reforçar, ainda, que as previsões focam nos aspectos que o Sol (ou o ascendente) em Câncer viverá ao longo de 2018. Por este motivo, pode acontecer de um decanato ter trânsitos mais expressivos que outros.

Por último, lembre-se que você é muito mais do que apenas seu signo solar e ascendente. Portanto, para ter uma análise completa de como será seu ano, é preciso analisar outros aspectos de seu Mapa Astral.

Confira abaixo as previsões para seu signo e ascendente (caso não saiba seu ascendente, clique aqui e descubra gratuitamente).

+ Quem nasceu no primeiro ou último dia de um signo pode não ter o signo solar que imagina

Primeiro decanato – 21 de junho a 1º de julho

Depois de anos recebendo quadratura de Urano em Áries e sendo obrigados a romper com tudo que não servia mais para armar uma outra forma de viver e de se relacionar, depois de terem sido obrigados a explorar novas opções para tudo que antes lhes era familiar e conhecido, e depois de ter que aprender a conviver com o incerto ou o inesperado, os nativos do primeiro decanato de Câncer, especialmente os nascidos entre 23 de junho e 4 de julho, terão que organizar e estruturar o que ficou de todas aquelas mudanças.

Com a entrada de Saturno em Capricórnio, signo onde ficará por dois anos e meio, estes nativos estarão recebendo uma forte oposição ao seu Sol natal que, entre outras coisas, exigirá uma revisão da área profissional e de relacionamentos. Saturno sempre fala de crescimento e amadurecimento, de assumir responsabilidades e de resultados que são baseados no semeado até aqui, o que significa que este será não somente um ano de restabelecimento de estruturas após mudanças, mas também de colheita: o que quer que você tenha semeado nos últimos anos, agora verá o resultado disso, seja positivo ou não.

Este será não somente um ano de restabelecimento de estruturas após mudanças, mas também de colheita: o que quer que você tenha semeado nos últimos anos, agora verá o resultado disso, seja positivo ou não.

E o resultado será diretamente relacionado à qualidade do investido: se o investido foi trabalho duro, agora se verá reconhecimento; do contrário, Saturno fará com que o retorno seja justo.

Como o aspecto é de oposição ao Sol, a percepção é de que os outros estão cobrando mais de você, exigindo mais, sem lhe dar descanso e colocando o peso do mundo sobre seus ombros. E, em certa medida, isso é verdade. Mas como todo aspecto de oposição envolve projeção, a pergunta aqui é: por que os outros estão tendo que cobrar ou exigir de você, e porque você espera que os outros reconheçam o seu esforço? Faça o que precisa fazer com a consciência de estar dando o seu melhor e com foco em qualidade. Deixe de tentar controlar a resposta ou as expectativas alheias, porque com a oposição a Saturno pode ser que nada do que você faça jamais seja percebido como suficiente.

Segundo e terceiros decanatos – 2 a 22 de julho

Os nativos do segundo e terceiro decanatos de Câncer, especialmente os nascidos entre 6 e 22 de julho, estarão recebendo um trígono de Júpiter em Escorpião até 8 de novembro, um aspecto que favorece crescimento sustentado e expansão. Embora Júpiter expanda tudo que toque, como o aspecto é de trígono, o que ocorre aqui é uma janela de oportunidade, um favorecimento que precisa ser ativado pelo nativo.

Ou seja, agora é o momento de identificar quais projetos têm potencial para crescimento – seja um trabalho, um relacionamento ou um investimento – e se planejar para entrar em ação em 2018.

De que maneira você pode tentar expandir aquele projeto? Crescer como? Quais estratégias adotar? Pense e se planeje, porque a coisa não vai acontecer só por benevolência dos deuses: o seu envolvimento direto, utilizando este favorecimento, é crucial para colher seus benefícios. O mais interessante deste trânsito de Júpiter é que se investirmos em algo que acreditamos ter potencial de crescimento e a coisa não avançar, não continuaremos insistindo eterna e teimosamente, pois estaremos antenados o suficiente para saber quando insistir e quando desistir. E isso é muito bom porque evita perda de tempo, embora Júpiter favoreça o crescimento até dos menos favorecidos. O início de 2018 está especialmente favorecido para o lançamento ou relançamento de projetos, já que Marte em Escorpião estará conjunto a Júpiter até 13 de janeiro deste ano. Aproveite!

Ascendente em Câncer

Ano difícil para relacionamentos: tanto os nativos que estão sozinhos, quanto para os comprometidos, que passarão por uma fase de testes. Isso porque Saturno está entrando em sua Casa 7 natal e colocará estresse sobre a sua relação com o outro. Se você estiver em um relacionamento estável, o par poderá estar indisponível emocionalmente (trabalhando muito) ou fisicamente (viagens a trabalho) e será mais difícil estabelecer uma conexão saudável entre vocês.

Como Saturno fala de tempo, esse também pode ser somente um teste para uma relação que já está em curso há algum tempo e agora precisa ver se resiste à corrosão natural pela qual todas as relações passam com os anos. O outro poderá, ainda, estar mais exigente, mais chato, mais sem brilho para você. Assim, você se dá conta de que o período da paixão acabou ou está em baixa – e vocês estão se vendo sem os óculos coloridos do início do relacionamento, o que pode ser desmotivante. Mas isso não precisa significar o fim do relacionamento. Afinal, se sobreviverem a este período é porque aquilo que os une está estabelecido sobre bases sólidas, e vocês provavelmente terão mais uns bons anos juntos.

Para os que estão sozinhos, Saturno na Casa 7 pode basicamente indicar duas coisas: ou você continua sozinho (porque as opções amorosas com este trânsito não abundam) ou você conhece alguém com quem estabelecerá uma relação de longo prazo (possivelmente até um casamento), mas que começará devagar, sem grandes paixões e se fortalecerá com o passar do tempo. No caso do início de uma nova relação, este poderá inclusive ser um início difícil, no qual a coisa parece não fluir como deveria ou como ambos gostariam, mas isso não significa necessariamente que a relação não tem futuro. Pelo contrário, a recomendação é que se o outro parecer promissor sob os seus outros requisitos para um relacionamento, apesar deste início “morno”, dê tempo ao tempo, porque esta pode ser uma relação que veio para ficar.

Consulta com a autora

Se tiver interesse em se aprofundar nas suas previsões, agende uma consulta com a astróloga e autora deste artigo, Marcia Fervienza.

 

Olá, essa matéria foi útil para você?
Marcia Fervienza

Marcia Fervienza

Astróloga há mais de 15 anos e psicóloga, atua como colaboradora em Astrologia para diversas revistas e possui trabalhos publicados em vários países. Oferece atendimentos astrológicos presenciais e virtuais. Saiba mais