Vanessa Tuleski
Por Vanessa TuleskiLeia em 3 min.28/01/2019 

Previsões astrológicas de 28 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019

Céu estimulante e aberto a trocas, mas é preciso cuidado com explosividade

Com base no céu astrológico geral, confira as previsões coletivas para 28 de janeiro a 3 de fevereiro de 2019. Essas são tendências que podem ser sentidas por todos. Para entender também suas tendências particulares, após a leitura consulte seus trânsitos personalizados, no Horóscopo Personare.

O Sol em conjunção com Mercúrio ativa a expressão e a criatividade, com a renovação do nosso olhar e uma troca com amigos, por transitarem em Aquário.

Da metade da semana em diante, Mercúrio em harmonia com Júpiter e Vênus em sinergia com Urano favorecem passeios, trocas, cursos e estímulos na rotina e nas relações.

Depois de uma temporada em um signo descontraído como Sagitário, curtindo um pouco de liberdade, Vênus ingressa em Capricórnio no domingo (03), pedindo mais investimento e seriedade nas relações. Pode ser uma boa época para solteiros que buscam potencial de compromisso.

O aspecto difícil da semana fica por conta de uma quadratura Marte/Plutão, que pede cuidado com situações de risco e questões de poder. Há explosividade no ar. Por isto, refletir e ter estratégia pode fazer a diferença.

Inteligência ampliada

Sol e Mercúrio caminham juntos até 03/02, no signo de Aquário, despertando novas ideias, estimulando a expressão e a criatividade. Se puder, encontre com grupos e amigos, algo ligado a este signo. De sexta (01) até terça-feira da próxima semana (05), um sextil entre Mercúrio e Júpiter alarga a inteligência, a capacidade de raciocínio e debate.

Favorece enormemente, por isto, os estudos, a participação em palestras e inícios e matrículas de cursos.

O aspecto é ótimo para dar andamento a documentos, inclusive de natureza jurídica. A visão mais ampla propiciada por este contato ajuda a esclarecer questões. Bom momento, assim, para fazer trocas, reuniões e processos terapêuticos. E propício, ainda, para passeios, vida cultural, social e viagens, que vão ter um efeito expansivo.

Abertura a novidades

De quinta-feira (31) até terça-feira (05), Vênus em harmonia com Urano favorece renovações estéticas, seja da casa, aparência, guarda-roupa. Ótimo para comprar acessórios e objetos mais modernos e criativos.  

Nas finanças e compras, podem surgir oportunidades interessantes de última hora, por isto fique ligado.  

Além disso, o contato traz um novo ar para as relações, com encontros que podem ser estimulantes. Dica: que tal aproveitar os ares uranianos para variar e procurar novidades, como conhecer um novo barzinho ou restaurante?

Nas relações afetivas, momento de maior liberdade, como, por exemplo, sair um pouco com seus amigos, abrindo espaço para a criatividade e a quebra na rotina.

Para quem está paquerando, a dica é se abrir ao novo, seja para virar a página de um relacionamento que já terminou e/ou conhecer pessoas diferentes do habitual, que podem se revelar como mais interessantes do que o esperado, ou, ainda, lugares novos.

Busca por mais comprometimento nas relações

No final do domingo (03), Vênus passa a transitar por Capricórnio, onde fica até 1º de março. Afetivamente, o posicionamento tende a trazer mais estabilidade, seriedade e comprometimento para as relações, mas é possível que, em alguns casos, possa haver mais cobranças de posturas também.  Bom momento para rever velhos amigos, visitar pessoas que você considere importantes na sua vida. É hora de dedicar tempo e mostrar com atitudes concretas que se gosta de alguém.

As cobranças e revisões vão se tornar mais presentes na segunda quinzena de fevereiro, quando Vênus faz conjunção com Saturno e depois com Plutão. Há potencial de crises, também.  

Com Vênus em Capricórnio, relações informais também podem ser definidas nesta fase, seja para formalizarem ou para se decidir por não mantê-las (definições propensas a ocorrer especialmente na segunda quinzena de fevereiro).

Para quem está paquerando, a época ajuda para encontrar pessoas dispostas a terem algo mais sério ou então que são mais claras e objetivas sobre o que desejam do amor.

Nas finanças, a fase é de pesquisa, racionalidade e economia. Bons e duradouros investimentos podem ser fechados desta forma, como transações imobiliárias.

Céu pede cuidado com riscos

Até quinta-feira (31), Marte em trígono com Júpiter traz mais arrojo e otimismo para as ações. Contudo, Marte faz um complicado aspecto com Plutão até 06/02, que requer muito cuidado com riscos e perigos. Não é tempo de confrontar pessoas em posição de maior força e/ou poder, devendo-se também evitar transitar por zonas de risco.  

O aspecto é tenso, podendo indicar explosividade, como brigas. Também pode remeter a ações radicais e/ou autoritárias. Contudo, tem também um potencial de transformação, como, por exemplo, uma pessoa que faz uma cirurgia bariátrica. Há uma determinação positiva, que, porém, se excessiva, como, por exemplo, um atleta que força muitos seus limites no treino, pode ser danosa.

Talvez você seja chamado a se posicionar, agir, como tem ocorrido desde que Marte entrou em Áries, já no início do ano, mas nas duas semanas anteriores uma quadratura deste astro com Saturno trouxe obstáculos, encargos e demoras, e agora, com ele quadratura com Plutão, sua energia vai continuar a ser exigida. Saber se posicionar, mas ser estratégico, frio, será fundamental. E encontrar meios de repor o gasto energético, que eventualmente pode ser elevado até 06/02.

No plano coletivo, acidentes e eventos climáticos ou com violência podem ocorrer até meados de fevereiro, pois, depois que termina a quadratura Marte/Plutão, começa uma conjunção de Marte com Urano, que também é um aspecto de turbulência.

Foto: Unsplash

 

Vanessa Tuleski

Vanessa Tuleski

Vanessa Tuleski mora no RJ e dá consultas astrológica-terapêuticas pessoalmente ou à distância, focando no que o céu tem a dizer, mas também no que o livre arbítrio pode fazer.