Orgânicos são consumidos por 15% dos brasileiros

Entrevista com Diretor Executivo do Organis sobre primeira pesquisa nacional com consumidores de orgânicos

Orgânicos são consumidos por 15% dos brasileiros

De acordo com a pesquisa realizada pelo Conselho Brasileiro de Produção Orgânica e Sustentável (Organis), quando se fala em alimentos orgânicos, verduras, legumes e frutas são os preferidos pelos brasileiros. O levantamento, apresentado durante a Feira Natural Tech 2017, revela que 15% da população urbana consumiu algum produto orgânico nos últimos dois meses.

15% da população urbana consumiu algum produto orgânico nos últimos dois meses.

A maior barreira para a adesão ainda é o preço, a falta de clareza sobre os benefícios desses alimentos e a aplicação da certificação. Conversamos com o Diretor Executivo do Organis, Ming Liu para entender o crescimento desse mercado no país.

Personare – Qual é principal benefício de se consumir produtos orgânicos?

Ming Liu – Sem sobra de dúvidas, a saúde. Existe, inclusive, uma regulamentação, estabelecida em 2011 pelo Ministério da Agricultura, que certifica esse produto. Essa rastreabilidade do produto orgânico traz uma garantia para o consumidor de que aquele produto tem o seu valor. Em termos gerais, podemos dizer que o maior benefício do produto orgânico é a ausência de agrotóxicos.

Qual é a importância da certificação?

Ming Liu – : Em todos os mercados, quando se cria uma regulamentação, um selo, isso se transforma em uma garantia para o consumidor. É claro que isso tem que ser informado. Não adianta criar o selo e dizer “agora o selo está instituído e o mercado vai comprar”. Se o consumidor não entender a função desse selo, ele não tem essa percepção.

Já no que diz respeito ao setor que atua na produção (indústria, processamento, produtor), isso é um sinal de que o mercado tem uma regra e que é possível investir de forma segura.

é possível investir de forma segura.

Principalmente, para o setor secundário, o de indústrias. Nos Estados Unidos, por exemplo, foi assim que aconteceu. Grandes empresas, nos mais variados ramos, surgiram no mercado a partir do momento em que se criou uma regra. A partir do momento em que existe uma força corporativa para dar um equilíbrio às ações e para estabelecer responsabilidades junto ao consumidor, isso evita que ocorra uma disputa desleal com empresas pequenas.

Então, o selo é importante para esclarecer e dar ao consumidor a garantia de que aquele produto é regular, original e certificado (lembrando que ele tem que ser orientado para fazer essa avaliação) e, para o setor de processos, é a garantia de que há regras. Sempre que há regulamentação, há alta nos investimentos.

o selo é importante para esclarecer e dar ao consumidor a garantia de que aquele produto é regular, original e certificado

Como está a taxa de crescimento do mercado?

Ming Liu –  Nós temos monitorado o crescimento do mercado de forma não oficial. Até porque não existe estatística proveniente do ministério da Agricultura.

Nós temos atuado junto a ABRAS (Associação Brasileira de Supermercados), a APAS (Associação Paulista de Supermercados) e aos associados do nosso segmento e constatamos que, no ano passado, Quando essa pesquisa apontou apenas 15%, me dei conta do quanto a gente desconhece a realidade.

Quando essa pesquisa apontou apenas 15%, me dei conta do quanto a gente desconhece a realidade.

Normalmente, lidamos apenas com os números do nosso dia a dia, com os consumidores que estão perto de nós. Então, quando você sai disso e vai para faixas de renda diferentes, supermercados, cidades como Recife, Santa Catarina e Florianópolis, que têm uma realidade totalmente distinta, você começa a ter um número real. Não é que seja um número baixo. Era um número desconhecido.

Olá, essa matéria foi útil para você?
Equipe Personare

Equipe Personare

Nós, da equipe Personare, também estamos em um processo constante de conhecimento sobre nós mesmos, sobre o mundo e sobre as relações humanas. Saiba mais