Vanessa Tuleski
Por Vanessa TuleskiLeia em 5 min.21/03/2018 

Lua nova de 17/03 a 15/04: sensibilidade e abertura para grupos e amizades

Mês trará contatos com efeito expansivo e proveitoso

O dia 17 de março de 2018, às 10h11 do verão de Brasília, marca o início de uma Lua Nova que ocorre no signo de Peixes. Ela dá origem a um Mapa Astral com inclinações gerais que duram cerca de 30 dias. Conhecê-las nos ajuda a compreender as temáticas que irão predominar durante o espaço de um mês para você e pessoas próximas.

Desejo de ser zen, mas com pitadas de irritação

A Lua Nova ocorre no signo de Peixes, cujo mote é “não criar resistência e deixar fluir”. Embora seja um signo com inclinações pacíficas, a quadratura do Sol e da Lua com Marte pode indicar algum potencial de irritabilidade e agitação ao longo do mês lunar. Todavia, o período também será marcado por maior sensibilidade e anseio de solidariedade.

Sociáveis e abertos para grupos e coletivo

O Sol e a Lua também ocupam a Casa 11, a mais cheia do Mapa de Lunação, tendo também Quíron, Vênus e Mercúrio. Assim, o tema central deste mês lunar será o grupo e o coletivo. Ou seja, estar com outras pessoas.

A conjunção de Sol e Lua com Quíron, o asteroide que rege as feridas, parece estar ligada, no Brasil, ao episódio de assassinato da vereadora Marielle Franco, que causou comoção (sentimento pisciano) nacional, engajamento coletivo (Casa 11), além de muitas discussões nas redes sociais.

Na vida pessoal, iremos nos envolver mais com grupos, com um grande desejo de pertencimento, ligado a Peixes.

O signo também valoriza a espiritualidade, com mais pessoas podendo se reunir para participar de cultos, procissões e retiros, trazendo uma grande força espiritual para o período que engloba a Páscoa. Atos solidários também estarão em alta.

Uma outra faceta de Peixes é a artística, com o agendamento de grandes shows, como a apresentação de artistas internacionais, como Kate Perry e o grupo Pearl Jam, além do festival Lollapallooza.

Devido à quadratura de Sol e Lua com Marte, de um lado, grupos e coletividade poderão irritar, como, por exemplo, com divergências em redes sociais por causa de opiniões políticas. Mas, de outro, também poderá haver expansão com grupos e amigos, devido ao trígono entre Sol/Lua e Júpiter.

+ Entre em sintonia com seus amigos

Ação e paciência com crises e problemas

Dois planetas ocupam a Casa 8, relacionada a lidar com crises e problemas. Um é Marte, podendo indicar a necessidade de agir rapidamente frente a crises. O posicionamento, porém, pode abrir a possibilidade de riscos, acidentes, perdas e cirurgias para mais pessoas neste mês.

Saturno na Casa 8, por sua vez, indica preocupação com crises, e necessidade de paciência para lidar com problemas como, por exemplo, alguém que precisa fazer muitos exames para um pós-operatório ou paciência para resolver outros assuntos.

Esta também é uma Casa ligada a questões financeiras, podendo indicar prejuízos e apreensão, como a necessidade de ter iniciativa para ter ganhos e maturidade para segurar gastos.

Relações espontâneas

A forma de se relacionar neste mês passará por Vênus e Mercúrio em Áries, marcando o desejo por espontaneidade, espaço, estímulo e independência. Nas relações afetivas, haverá necessidade de se relacionar com outras pessoas (devido a uma maior sociabilidade), além da pessoa parceira, já que Vênus estará na grupal Casa 11. Prender ou limitar muito o outro poderá causar brigas. Além disso, Vênus em Áries colocará a importância da quebra de rotina e novidades, que este signo ama, como algo importante para manter a chama aquecida.

+ Como ser mais feliz no amor?

Focados no prazer, manutenção e gratificação

Apesar de ser um mês pisciano, signo que nos tira um pouco do mundo concreto, dando espaço para a solidariedade, espiritualidade e envolvimento com outras pessoas, o Ascendente será Touro.

Trará, apesar de tudo, motivação para manter os pés no chão, pensar em dinheiro (ganhos e gastos), no mundo concreto e imediato.

O desejo de manter o que se tem também segurará o potencial de agravamento de conflitos, bastante alto nas duas últimas semanas de março e na primeira de abril, por conta de aspectos astrológicos que ocorrerão.

+ Ascendente em Touro: segurança e bom gosto

Proveito na relação com o outro

Júpiter na Casa 7 pode indicar grandes ganhos a partir do contato com o outro, que poderá nos ajudar em algo, abrir a visão, ou nos animar, e poderemos ter este efeito sobre ele também. O posicionamento também nos deixará mais extrovertidos e abertos para nos relacionarmos. Parcerias com tendência expansiva e a gerar algum tipo de ganho. Contudo, em relações que de alguma forma estejam limitadas, este posicionamento poderá fazer emergir insatisfações, que serão expostas.

Preparando mudanças e novidades

Finalmente, Urano na Casa 12 indica muitas mudanças que estarão sendo programadas para o próximo mês lunar. Já Plutão na Casa 9 poderá trazer crises em questões jurídicas, processos judiciais, e modificações na nossa forma de enxergar assuntos importantes na nossa vida.

+ SOBRE ASTROLOGIA

Sol em Áries: ano novo astrológico
de 2018 começa em 20 de março

 

Como usar as fases da Lua a seu
favor

 

Astrologia e amor: com quem
você quer se relacionar?

 

Vênus revela seu jeito de se vestir

 

Vanessa Tuleski

Vanessa Tuleski

Vanessa Tuleski mora no RJ e dá consultas astrológica-terapêuticas pessoalmente ou à distância, focando no que o céu tem a dizer, mas também no que o livre arbítrio pode fazer.