Logo Personare vertical
Pesquisar
Loading...

Semana pode ser uma das mais tensas do ano; veja as previsões

Semana de forte tensão astrológica, em que brigas desnecessárias estão em alta e figuras de autoridades podem ficar mais encrenqueiras

Semana pode ser uma das mais tensas do ano; veja as previsões

Esta é uma das semanas mais tensas do ano. Os dias entre 8 e 14 de novembro de 2021 é como o paraíso dos haters e encrenqueiros, inclusive com figuras de autoridades ficando mais encrenqueiras.

É que Mercúrio e Marte fazem conjunção trazendo irritabilidade, correria e língua mais ferina. E tudo isto acontece em uma tensão com Saturno, planeta ligado a obstáculos e que suscita  em nós energia de amadurecimento e contenção.

O coletivo vai estar mais truculento e propenso a acidentes, o que, aliás, já começou a acontecer na semana passada e se estende quase até o final de novembro.

Mas, calma, existem bons aspectos! Como o jogo de cintura e a sedução nas comunicações de Mercúrio em sextil Vênus, a inspiração e conexão de Sol em trígono com Netuno e negócios e relacionamentos aquecidos com Vênus em excelente sinergia com Marte.

Mergulhe nos detalhes das previsões astrológicas para semana e entenda a tendências de tretas entre 8 e 14 de novembro para você se planejar. Aproveite e acompanhe o céu da semana personalizado para sua vida no Horóscopo Personare (é gratuito aqui!).

E mais: prepare-se para o próximo ano com as previsões astrológicas para 2022 aqui.

Mercúrio-Marte-Saturno: o grande desafio da semana

Nesta semana, Mercúrio e Marte caminham em conjunção. Os dois planetas estão em tensão com Saturno, uma combinação difícil. Veja quais os potenciais de manifestação e dicas sobre como levar melhor esses trânsitos:

  • Mercúrio em conjunção com Marte pode indicar chance de forte irritabilidade no plano mental.
  • Palavras podem ficar mais impulsivas – e até agressivas. Atenção!
  • O dia a dia – regido por Mercúrio – tende a ficar mais corrido e nervoso.
  • Há chance, no coletivo, de acidentes de trânsito ou envolvendo locomoção.
  • Por causa da quadratura com Saturno, podemos sentir mais contenção e obstáculos, problemas e empecilhos. Haja paciência, né?
  • Verbalmente, pode-se ficar dividido entre a impulsividade e se conter. O ideal seria tentar raciocinar com frieza e objetividade, mas sem agressividade, ainda que não seja fácil.
  • Classicamente, a combinação Marte/Saturno inclina a fortes disputas, o que também poderá ser visto no coletivo.
  • Ações truculentas de autoridades podem ocorrer este aspecto. O contexto coletivo vai estar bastante belicoso e perigoso. Na verdade, praticamente durante todo o mês de novembro, aliviando mais no final do mês.
  • De um lado, um nível de paciência bem baixo, e, de outro, um apelo para saber se segurar e ser mais calculado, e não se desgastar à toa.
  • No dia a dia, podem surgir obstáculos e empecilhos irritantes. E talvez nada possa ser feito na hora.
  • É comum que haja problemas com empresas que geram dor de cabeça durante o trânsito ou que começam silenciosamente por estes dias e se manifestam depois, sendo cansativos e irritantes.
  • Se você sentir tensão, correria, irritabilidade e pessimismo, encontre alguma forma de espairecer e descarregar esta energia, até para não acabar sentindo dor física, como dores, contusões, etc.

Fator surpresa no meio da semana

Mercúrio coloca lenha na fogueira em todos estes aspectos difíceis, que geram chance de correria, irritabilidade, disputas e sobrecarga. É que o planeta faz uma oposição com Urano a partir de quinta-feira (11).

Com Mercúrio-Urano começa a entrar em jogo o “fator surpresa”. Notícias inesperadas e surpreendentes poderão surgir a partir da metade da semana, causando perplexidade.

Do lado positivo, Mercúrio em oposição com Urano pode propor inovações e trazer novidades, além de aumentar a necessidade de espairecer no final de semana.

Cinco conselhos para esta semana

Considerando todos os aspectos, aqui vão cinco conselhos para você aproveitar a semana de 8 a 14 de novembro:

  1. Em assuntos importantes, faça tudo com antecedência. Por exemplo, você vai viajar no final de semana. Então, prepare-se para imprevistos, como um mega engarrafamento.
  2. Não entre em conflitos desnecessariamente. Se não for para defender um direito, tente não comprar briga. A semana vai ser o paraíso para os haters, pessoas que não estão bem (e por isto precisam brigar) e gente encrenqueira. Tente não dar corda e se desvie de possíveis provocações.
  3. Esfrie a cabeça quando estiver nervosa (o) ou reativa (o) demais. Tente conversar com outra pessoa que possa mostrar outro ponto de vista ou com quem você possa desabafar.
  4. Respeite seu descanso. Reequilibre-se dormindo bem todos os dias e fazendo atividades físicas.
  5. Avalie como comunicar, já que há mais possibilidade de agressividade e impulsividade. Pense bem no que vai publicar nas suas redes sociais, pois esta é uma semana de polêmicas.

Os aspectos “aliados” da semana

Mas há bons aspectos positivos nesta semana. Até quarta-feira (10), Mercúrio vai estar em harmonia com Vênus, o que indica a habilidade de persuasão com tato. O famoso “jeitinho” para se comunicar. O aspecto também traz leveza em muitas relações.

O Sol também vai estar em bom entendimento com Netuno, o que favorece meditação (aqui você tem um guia de meditação guiada para ajudar), espiritualidade, um olhar mais relativo e empático e coincidências e fatores que possam auxiliar. Lance mão desta boa conexão, que pode ajudar muito a lidar com desafios.

Vênus começa um sextil com Marte que vai até 10/12. Temos uma temporada quente para o amor! Este é um aspecto de química e atração tanto para pessoas solteiras como para quem está em um compromisso sério.

O sextil também é ótimo para você fechar negócios e para o comércio! Portanto, um aspecto muito próspero em uma semana – na verdade mês – com turbulências nos planos individual e coletivo.

Olá, essa matéria foi útil para você?
Vanessa Tuleski

Vanessa Tuleski

Vanessa Tuleski mora no RJ e dá consultas astrológico-terapêuticas pessoalmente ou à distância, focando no que o céu tem a dizer, mas também no que o livre arbítrio pode fazer. Saiba mais