Maurício Salem
  • Por Maurício Salem
  • Leia em 3 min.
  • 21/06/2019
  • Atualizado em 27/06/2019 às 01:17

Yoga educativa: desenvolvimento e crescimento saudáveis

Prática realizada nas escolas traz benefícios para alunos de todas as idades

Yoga educativa: desenvolvimento e crescimento saudáveis

O número de alunos sedentários no ambiente escolar está crescendo. Esse sedentarismo, comum nas fases do Fundamental II e do Ensino Médio, desenvolve o encurtamento de músculos, perda de resistência, ganho de peso, diabetes, entre outros problemas de saúde física e mental. A prática da Yoga Educativa e do Mindfulness Educacional nas escolas é possível transformar essa realidade.

Os asanas, as posturas do Yoga, ajudam no fortalecimento dos músculos de membros inferiores e superiores, além de construírem a conscientização de contração e relaxamento do tônus muscular, ajudando no desenvolvimento do equilíbrio e das possibilidades de marcha do corpo, ou seja, a criança e o jovem aprendem a explorar as suas potencialidades durante as brincadeiras e as práticas desportivas.

Já os exercícios de solo ajudam no alongamento de várias cadeias musculares beneficiando os sedentários e também os que gostam das práticas esportivas, contribuindo assim para um desenvolvimento e crescimento saudáveis.

Através do trabalho físico,  o aluno passa a compreender a contração e o relaxamento do músculo e encontra mais facilidade na hora de descansar e dormir. Esse mesmo trabalho constrói as bases para os exercícios de meditação baseados no estado de atenção plena, técnicas fundamentais para os estudantes que possuem cada vez mais demandas de aulas, conteúdos a serem estudados, suportes audiovisuais, aumentando imensamente a carga de informações estudadas.

Conheça alguns dos benefícios da Yoga Educativa

  • Aumenta a capacidade de concentração;
  • Aumenta o desenvolvimento psicomotor e habilidades socioemocionais;
  • Promove um relaxamento profundo, em menos de 10 minutos, criando um ciclo de sono profundo que auxilia no crescimento;
  • Desenvolve o arco plantar (nos pés) criando bases para uma boa postura;
  • Desenvolve o arco palmar (nas mãos) promovendo o aprimoramento da coordenação motora fina, que ajuda nos trabalhos de desenho, escrita e postura.

Yoga: excelente ferramenta de autoconhecimento

É fundamental que a aula seja uma experiência prazerosa para a criança, por isso, não posso exigir a rigidez de disciplina de uma postura como exijo de um adulto. No Infantil e Fundamental I as aulas são mais lúdicas. É importante lembrar sempre que essas crianças e adolescentes estão passando por um processo de transformação e amadurecimento e no Ensino Médio estão entrando na vida adulta.

Os alunos buscam exercícios físicos que tenham significado. Caso contrário, eles não praticam. Nas minhas aulas, tenho o cuidado de explicar tudo. Então eles vão memorizando sequência por sequência: introdução, desenvolvimento e autonomia da série. Na fase de autonomia eles fazem sozinhos, o que dá muita segurança. Eu consigo então ir refinando e ajustando as posturas.

Yoga para alunos da Educação Infantil e Fundamental I

As atividades são baseadas na concentração dos sentidos. O trabalho com as meditações guiadas é feito com valores adequados à cultura e à realidade brasileira. Os alunos imitam os animais, trabalham em dupla, fazem danças circulares, yoga do riso, desenhos com respiração e mandalas. O trabalho de respiração e motricidade orofacial também ajudam nos pontos de articulação e da fala.

Yoga para alunos do Fundamental II

A prática de Mindfulness é uma grande aliada para essa idade de grande mudança no corpo. A prática ajuda a reconhecer esse novo esquema corporal.

Yoga para alunos do Ensino Médio

A partir do primeiro ano, eles entendem que são mais velhos e têm que fazer escolhas. No segundo, começa a pressão sobre as escolhas. No terceiro ano é chegada a hora da escolha. É muita pressão sobre eles e muitos nem conseguem escolher ao certo o que querem. O Yoga e o Mindfulness são fundamentais para lidar com o estresse e a pressão dessa fase da vida.

Nas aulas, eles trabalham com as práticas físicas, mesmo que simplificadas, e com os processos meditativos que são feitos de acordo com as habilidades socioemocionais. Por exemplo: como utilizar uma determinada respiração para lidar uma situação? Como enxergar aqueles pensamentos que sabotam suas ações durante a meditação? Essa etapa de autoconhecimento é muito importante.

Olá, essa matéria foi útil para você?
Maurício Salem

Maurício Salem

Maurício Salem é o pioneiro de sua geração a pesquisar e criar as pontes entre a tradição do Yoga e o campo da educação.Coordena programas para educadores ensinando-os como utilizar o Yoga como ferramenta em sala de aula. Criou o Centro de Estudos Yoga Educação e atualmente tem se dedicado a orientação e o desenvolvimento de programas do Yoga Educativa e do Mindfulness Educacional para crianças, adolescentes e adultos. Atualmente implantados em diversas escolas pelo Brasil, da Educação Infantil ao Ensino Médio. Saiba mais