Denise Gurgel
  • Por Denise Gurgel
  • Leia em 8 min.
  • 04/10/2010
  • Atualizado em 04/10/2010 às 16:26

Quando o sono não vem

Aprenda a criar uma rotina noturna para a criança dormir tranquila

Aprenda a criar uma rotina noturna para a criança dormir tranquila

Quando o sono não vem

Socorro, eu preciso dormir! O que fazer quando o sono da criança não vem? Quem já passou por essa situação sabe o quanto é estressante para a família. Como tranquilizar os pequenos e garantir algumas horas de descanso?

Os recém-nascidos dormem em média 16 horas por dia, sem diferenciação entre dia e noite. Esse ciclo é interrompido a cada três ou quatro horas para higiene, amamentação e necessidade de contato físico. Por volta do terceiro mês, o bebê começa a diferenciar o dia e a noite, sendo importante para os pais adequarem uma rotina desde então.

Geralmente o comportamento noturno da criança tem influência direta no seu comportamento e dos pais durante o dia. São poucas aquelas que possuem problemas orgânicos que as impedem de dormir. Cada criança possui o seu padrão de sono, mas nós podemos ajudar nessa organização.

Cada criança possui o seu padrão de sono, mas nós podemos ajudar nessa organização.

Estabelecer a rotina do sono é uma das tarefas mais desafiadoras para os pais. Confira algumas dicas preciosas para a criança dormir bem:

  1. Manter uma rotina fixa – a repetição é tranquilizadora para o pequeno. O ideal é que esse momento siga um ritual (jantar, banho, desligar a TV, apagar as luzes, entre outros) que deve ser repetido sempre da mesma forma e no mesmo horário. A rotina também ajuda você a entender melhor em qual horário o pequeno está mais cansado, com fome, entre outros;
  2. Sono do dia e da noite – o sono durante o dia deve ser à meia-luz, com a porta semi-aberta e com o barulho natural da casa. É importante que os pequenos durmam durante o dia para reabastecer a energia. Já o sono da noite deve ser tranquilo, livre de ruídos e luminosidade;
  3. Amamentação noturna – quem ainda amamenta, deve fazer isso no escuro, para estimular o bebê;
  4. Primeiro sinal de cansaço– muitas vezes os pais esperam tempo demais para colocar o pequeno para dormir. Adiando o sono, a criança ficará mais cansada e terá mais dificuldade para adormecer;
  5. Shantala – a massagem ajuda a criança a relaxar o corpo e a liberar melatonina, levando a uma melhor qualidade do sono;
  6. Banhos de imersão – depois da Shantala ou antes de dormir, o banho é indicado por promover relaxamento corporal;
  7. Bichinhos– a partir dos cinco meses o bebê poderá ter um objeto de transição, um bichinho, por exemplo (lavável e sem pêlos). Esse objeto será significativo e representará segurança de que ele não está sozinho;
  8. Canção de ninar -a associação da música suave ao sono também é recomendada. O ideal é que seja sempre a mesma música (pode ser cantada pelos pais ou utilizado um cd).
Olá, essa matéria foi útil para você?
Denise Gurgel

Denise Gurgel

Fisioterapeuta materno infantil, especialista em Shantala, consultora do sono e de desenvolvimento motor dos pequenos. Atende em São Paulo e no Rio de Janeiro. Saiba mais