Roberta Struzani
Diminuição da libido após o casamento

Diminuição da libido após o casamento

Entenda por que algumas mulheres perdem o interesse por sexo

É muito comum a diminuição do desejo sexual entre mulheres de todas as idades. Mas antes de se punir por já não ter mais aquela vontade de quando era jovem, é preciso descartar as possibilidades orgânicas.

Afinal, existem muitas causas para a diminuição da libido e dentre elas estão as questões hormonais, muito comuns, por exemplo, em algumas mulheres que não amamentam mais seus filhos, mas continuam produzindo leite e não procuram interromper esse processo.

Nesses casos, a produção de prolactina inibe a dopamina, que é uma substância química liberada pelo cérebro que desempenha diversas funções, dentre elas o prazer. O uso de antidepressivos atua da mesma forma, sendo um grande supressor da libido feminina.

Além da causa hormonal, também existem outros fatores que ajudam a diminuir o desejo sexual, como medicamentos, filhos, excesso de responsabilidades, deveres, cabeça cheia de problemas, baixa autoestima, falta de novidade na cama e excesso de intimidade entre o casal.

Os anticoncepcionais hormonais, como pílula, anel vaginal e adesivos cutâneos, também podem ser vilões desse mal, pois inibem a ovulação, que está intimamente ligada à liberação de diversos hormônios sexuais.

Mudança de hábitos pode ajudar a resgatar desejo sexual

No entanto, geralmente a diminuição da libido em mulheres está relacionada a fatores externos. Por isso, uma mudança de hábitos e novas ideias em relação ao sexo são fundamentais para forçar a cabeça a funcionar novamente a favor da boa performance na cama.

É bem comum a mulher começar a ter problemas sexuais no terceiro ou quarto ano de namoro ou casamento, quando a relação já alcançou seu auge de intimidade e não há mais novidades.

É bem comum a mulher começar a ter problemas sexuais no terceiro ou quarto ano de namoro ou casamento, quando a relação já alcançou seu auge de intimidade e não há mais novidades.

Muitas brigas que ocorrem nos casamentos estão ligadas a diminuição da libido, problemas no sexo ou ciúmes – este último também ligado a dificuldades sexuais, pois uma mulher que tem menor libido se sente mais insegura com o seu parceiro e, consequentemente, pode ficar mais ciumenta.

O casal que estiver sofrendo desse mal deve procurar ajuda. E a mulher deve contar com o apoio do parceiro, pois essa cumplicidade torna o tratamento muito mais eficaz. Indico que em primeiro lugar um médico endocrinologista seja consultado, para descartar a possibilidade hormonal.

Depois, converse com um ginecologista ou fisioterapeuta ginecológico para maior esclarecimento sobre o tema. A visita a um psicólogo também pode ser feita, para realizar uma terapia de casal ou mesmo somente com a mulher, se for o caso.

Despertando a Deusa Afrodite em você

Como foi citado, existem diversas causas para diminuir a libido, mas nenhuma delas ganha do marasmo na relação, do comodismo de não querer mais conquistar o parceiro. Portanto, para ressuscitar sua Afrodite, a deusa do amor, é preciso usar a criatividade.

Programe viagens com seu par, experimente algumas brincadeiras de amor para seduzir ou mesmo aprenda alguns exercícios de pompoarismo para colocar em prática na cama.

Olá, essa matéria foi útil para você?
Roberta Struzani

Roberta Struzani

Terapeuta especializada em sexualidade e saúde ginecológica. Realiza atendimentos presenciais e online focados no autoconhecimento, na elevação da autoestima e na saúde do aparelho reprodutor feminino. Sua principal ferramenta de trabalho é o Pompoarismo. Saiba mais