Logo Personare vertical
Pesquisar
Loading...

Como funciona Tameana para autoaplicação

Uma prática pessoal para colocar você na frequência mais alta e coerente com seu momento.

Como funciona Tameana para autoaplicação

A Tameana é um tipo de terapia vibracional com diferentes formas de aplicação: individual, em grupo, à distância e também em si próprio. A autoaplicação é chamada de H’Ama e você pode aplicar a qualquer momento para aumentar sua vibração.

H’Ama Autoaplicação é uma prática pessoal que consiste em montar uma plataforma de cristais de quartzos posicionados à volta do corpo e em alturas específicas. Você sabia que esses cristais vibram em uma frequência tão alta que possibilita a dissolução e liberação de energias mais densas? Leia mais sobre eles nesse artigo.

A prática também utiliza símbolos escolhidos de forma intuitiva, mas dentro do padrão de trabalho H’Ama, e um áudio específico. Como todas as Terapias Vibracionais, o objetivo é colocar você na frequência mais alta e coerente com seu momento.

As práticas de Tameana são vibracionais, ou seja, o objetivo é melhorar a nossa vibração. E com ajuda da equipe extrafísica, em Tameana, a conexão pleiadiana fornece as condições de aumento de nossa frequência.

H’Ama Autoaplicação pode ser feita diariamente

H’Ama Autoaplicação é uma ferramenta, de uso pessoal, que é ensinada para que você utilize quando precisar, sem contraindicação ou mesmo excesso. Ou seja, pode ser usada todos os dias, se assim você desejar, e em quaisquer condições: enfermidade, gravidez, junto com remédios, em crise, com dor, desconforto etc.

Em nossa rotina, independente de estarmos em crise pessoal, familiar ou global, precisamos com frequência buscar viver bem e sair de lugares mentais, emocionais e físicos cheios de desconfortos e desequilíbrios. Em alguns momentos, percebemos que precisamos mudar a nossa vibração.

Da mesma forma, quando estamos em crise e passando por momentos de transmutação e transformação, sentimos que é necessário mudar a nossa frequência, vibrar mais alto.

Mas, afinal, como exatamente se faz isso?

Primeiro é importante reconhecer o que geralmente causa desconforto e desequilíbrio. Tudo que incita vergonha, culpa, apatia, tristeza e medo nos coloca ou mantém em faixas densas de vibração e campos atratores.

Estes campos são formados a partir do que você sente, pensa e de como age. Ou seja, o campo e a realidade se interligam com outras experiências, que também farão você sentir, pensar e agir da mesma forma, que podem ser potenciais positivos, negativos e neutros – ou emoções de frequência semelhantes.

Com discernimento e muito respeito às dores sofridas, perdas e tempos pessoais, vamos utilizar ferramentas e técnicas de terapia vibracional para sair desse patamar frequencial mais denso para um mais alto.

Com uma prática mais constante é perceptível a mudança na nossa realidade, com mais paz interior, clareza mental e autoconhecimento.

Conexão Pleiadiana: quem são os pleiadianos?

Estamos (e sempre estivemos) conectados ao Kosmos e aos seres extra-físicos. Os queridos pleiadianos e a Hierarquia de Luz, por exemplo, estão aqui prontos e dispostos a nos apoiar no nosso caminho de evolução, mas nossa vontade, o livre arbítrio, é respeitado.

Como e quando cada um decide: caminhos mais pesados ou leves, tortuosos ou não, somos Um com Tudo.  O que podemos é escolher melhor para que esse caminho seja prazeroso, alegre e com a ajuda desses Mestres.

No geral, os autores relatam que os pleiadianos têm uma aparência “nórdica” ou escandinava distinta, com expectativa de vida de 700 anos e, embora estejam evoluindo, são muito mais desenvolvidos emocional e espiritualmente do que nós, seres terrestres. A presença deles foi relacionada a anjos, pois sendo seres de alta frequência, sua emanação energética e campo pareceriam com asas.

O argentino Juan Manoel Giordano, canalizador da prática Pleiadiana chamada Tameana, lidera o projeto Human Vortex em diferentes países e organizou as técnicas de Tameana para que fosse de fácil aplicação e muito efetiva. Por essa razão, a técnica se espalhou em diversos locais. Atualmente temos vários terapeutas de Tameana em muitos países e a sistematização vem sendo feita com orientação de Juan Manoel para maior coerência entre práticas e técnicas.

Recomendo, como em toda técnica de terapia holística e vibracional, a busca de referência sobre o profissional tanto para o ensino como para a aplicação.

Minha experiência com os pleiadianos

Os pleiadianos foram os primeiros seres extra-físicos fora da minha religião, ou seja, fora da minha caixinha de entendimento, que tomei conhecimento consciente. Isso quando fui fazer iniciação em Reiki há 20 anos. Para mim, o trabalho com os pleiadianos é leve e fluido. Não é obrigação, fórmula ou protocolo. Naturalmente no meu trabalho de terapia holística e vibracional, ativo cristais de uma forma ou de outra, dependendo da situação, pessoa ou tipo de atendimento, faço uma plataforma ou não, uso da geometria, símbolos, eles trabalham e pronto.

Até hoje eu trago essa influência, que foi o que me interessou em Tameana, que é uma técnica canalizada de conexão pleiadiana, bem simples, que utiliza cristais, geometria, símbolos e linguagem de luz e extremamente eficaz que funciona independente da distância.

Em atendimento a pessoas em outros continentes e simultaneamente elas relatam o que sentiram, perceberam, as reações energéticas e até a mudança de sabor na água que deixaram ao lado durante a prática.

Olá, essa matéria foi útil para você?
Simone Kobayashi

Simone Kobayashi

Terapeuta Holística atuante em São Paulo e OnLine. Dedica sua vida profissional à junção de técnicas terapêuticas como o Reiki, Florais, Acupuntura, Análise Energética, Limpeza Energética, Harmonização, Barras de Access e Cura quântica. Saiba mais