Pesquisar
Loading...

Previsões do Tarot para julho de 2022

Representado pela Roda da Fortuna, julho promete ser um mês de agitação, surpresas e instabilidade

A roda gira e nada fica parado. Representado pela carta Roda da Fortuna, julho promete ser um mês de agitação, surpresas e instabilidade. A seguir, vamos detalhar as previsões do Tarot para julho de 2022.

No Arcano X, temos uma roda que ao girar faz as figuras que estão ligadas a ela, se alternarem num incessante sobe e desce. Quem está em cima cai, e quem está embaixo sobe, e então, tudo se repete. Nada se mantém onde está e nada é certo. 

Como turbilhões, os giros da roda representam situações inesperadas ou fora do normal que nos obrigam a alterar nossas rotinas. Exigem de nós flexibilidade, capacidade de adaptação e muito jogo de cintura. 

Este momento faz parte de um longo período de crise e instabilidade que se iniciou em março deste ano, mês representado pelo Arcano XIII, A Morte, passando pelo mês de maio, representado pelo Arcano XVI, A Torre, vindo a encontrar seu auge neste mês de julho, com a carta da Roda da Fortuna. 

Ao contrário do que vivemos em 2020, que foi o início de uma grande e catastrófica crise planetária, temos agora o início do seu fim e o caminhar lento para um momento mais estável, que vai se consolidar aos poucos e só se estabelecerá depois de 2023. Até lá, ainda tem muita água para rolar. 

A seguir, veremos as previsões do Tarot para julho de 2022 nas áreas de trabalho, dinheiro, saúde e espiritualidade. Mas se você tiver alguma questão pontual, o Tarot Direto (experimente aqui) pode ajudar de forma objetiva.

E se quiser ir além nos estudos de Tarot e tirar as próprias cartas ou de outras pessoas, conheça aqui o Curso Básico de Tarot.

Roda da Fortuna: as previsões do Tarot para julho em 5 pontos

1. Escândalos políticos

Quando falamos da Roda da Fortuna, um dos seus temas é a instabilidade das posições de poder. O movimento da roda faz “o rei virar mendigo, e o mendigo virar rei”.

Essa relação com figuras de poder chama nossa atenção para o campo da política, colocando nos holofotes escândalos envolvendo figuras públicas ou em posições importantes de poder e autoridade

Elas podem ter seus status ou cargos ameaçados ou, literalmente, serem destituídos deles, ao mesmo tempo em que outras pessoas com importância social e política ocupem cargos de poder ou alcancem notoriedade gerando comoção e impacto social. 

Num momento polarizado e sensível como o atual, isso já é muita coisa. 

2. Agravamento da pandemia

A Roda gira a seguir a Torre, portanto, é como se ela ainda fosse uma reverberação do impacto do Arcano XVI, os eventos de maio ainda repercutindo no mês de julho. 

Um deles é o agravamento da pandemia de coronavírus, que já vinha ocorrendo e agora pode virar o jogo, trazendo de volta as restrições que estavam flexibilizadas. Quanto a isso, como na Roda da Fortuna, nada dura muito. 

Provavelmente, essa onda não terá uma duração tão longa quanto as outras, tendendo a acabar em menos tempo, seja por um ciclo de vida mais curto da nova variante, por medidas sanitárias bem aplicadas ou por algum tratamento eficaz administrado. 

De qualquer forma, precisamos fazer a nossa parte: usarmos máscara, álcool gel, mantermos distanciamento social, usarmos ventilação natural e vacinar-nos. 

3. Alerta para saúde pública

Junto com a pandemia de Covid-19, temos a temporada de síndromes respiratórias, que podem representar um problema de saúde pública num mês de Arcano X. Corre lá para se vacinar, se ainda não se vacinou contra a gripe. E veja aqui 5 segredos para aumentar sua imunidade!

4. Riscos na Natureza

Com relação à natureza e ao meio-ambiente, ainda há riscos de acidentes, mesmo que com menos intensidade que em maio, com A Torre. A Roda da Fortuna também traz seus riscos, portanto, todo cuidado é pouco. 

5. Economia

Outro campo que acaba por não ser beneficiado pelo Arcano X, no contexto que ele está inserido é a economia que tende a grandes oscilações e escândalos. 

Trabalho em julho de 2022

Ganhos e perdas, grandes reviravoltas. 

Para os que estão desempregados:

  • Pode tudo, menos ficarem parados. Há possibilidade de aparecimentos de trabalhos temporários que podem dar uma ajuda, de trabalhos que comecem temporários e, de repente, se tornem fixos ou de trabalhos que já cheguem com uma proposta de estabilidade. 
  • O que é importante num mês de Roda da Fortuna é não perder a oportunidade, não deixá-la passar. Portanto, olho vivo! 
  • Já fez seu Mapa Profissional? Acesse aqui e tenha grandes insights!

Para quem já está tem emprego:

  • Pode ser um período de certa instabilidade passageira, alguma confusão ou de muito trabalho. 
  • Nesse período onde tudo pode, oportunidades de crescimento andam junto com as de perda, não dá para ter muito controle sobre isso. 
  • O que se pode fazer é ter atenção e lembrar que os ganhos nessa fase não são tão grandes e as perdas também não, sendo reversíveis. 

Dinheiro nas previsões do Tarot

Dinheiro entra e sai. Como num Cassino, a empolgação com o ganho pode levar à perda, então, se for arriscar em apostas ou investimentos, tenha como limites os primeiros ganhos

Crie uma margem de investimento para que não se perca e não comprometa o que vier a ganhar. Evite gastar por impulsividade e cuidado com promoções. 

Mas a Roda da Fortuna não é uma carta boa para o jogo? É, sim. Muito! Mas quem não sabe jogar, perde até o que não tem. Por isso que antes da Roda da Fortuna, o Arcano X, passamos pela experiência do Arcano IX, o Eremita, que é o Arcano da Prudência. 

Vale à pena terem atenção ao que está à volta, pois pode ser que encontrem dinheiro perdido ou até oportunidades que poderiam passar despercebidas. 

Amor nas previsões do Tarot de julho 2022

Para quem está a procura do seu par:

  • Esse é um momento que pode tudo pode mudar, mas na Roda as coisas geralmente não duram muito, então, é importante que caso encontrem alguém as suas expectativas estejam alinhadas às suas perspectivas e o foco esteja no momento e não no futuro.
  • Um momento Roda da Fortuna para uma pessoa solteira pode ser de vais e vens com alguém, sem que se estabeleça um compromisso e uma boa alternância de pessoas sem que ninguém fique, como naquele ditado popular “a fila anda”.
  • Quem não curte essa rotatividade e essa instabilidade, tenha calma, é só uma fase. Tente aproveitar, até que tudo se harmonize.
  • Já quem curte, aproveite e curta as experiências. 

Se tiver questões amorosas, pergunte ao Tarot do Amor!

Para quem vive uma relação:

  • Pode passar por alguns altos e baixos, mas nada muito dramático, apenas pequenos desalinhos e descompassos normais de uma relação. Talvez, isso possa pesar se a relação já estiver desgastada, sendo gatilho para crises maiores. 
  • Outra possibilidade é uma desestabilização positiva, tirando a relação de uma rotina sufocante, levando o casal a pensar novas formas de se relacionar, a novas atividades e a rever questões importantes para o bem-estar da relação. 

Para que não procura relacionamento:

  • Temos uma fase de mudança de ciclo social e também de uma certa ansiedade que pode causar inquietação interna que refletirá na forma como a pessoa se vê, podendo levar uma mudança de visual, fruto de uma nova relação consigo mesma e uma vontade maior de estar em movimento, em circulação, curtindo a vida. 

Saúde em julho segundo o Tarot

A primeira coisa a se pensar no que diz respeito à saúde é a leitura desta carta num contexto maior que aponta para um agravamento da pandemia de Covid-19. Mais uma vez, é importante que se tomem os cuidados necessários, pois a Roda da Fortuna representa um aumento significativo no número de casos por uma força maior de contágio. 

No nível individual, o Arcano indica uma tendência maior para problemas relacionados à ansiedade e ao estresse. Uma carta não dá conta para falar de saúde coletiva, sabemos bem. Cada um tem suas peculiaridades, sua força e vulnerabilidade, mas podemos usar este Arcano como alerta.

Focar no cuidado da saúde psicoemocional, buscando formas de acalmar a mente, aliviar a tensão e aliviar o estresse é a dica de saúde de julho. 

Para quem curte meditação, o Personare tem lives de meditação no Instagram @personare, pela manhã, às 8h, que pode ser super bacana para esse momento e para vida, caso vocês se identifiquem.

Espiritualidade 

A instabilidade se apresenta no astral gerando oscilações que fazem do inesperado, regra. A Deusa Fortuna gira a sua roda e não olha de que tira e nem de a quem dá. A sorte não discrimina. É o caos. 

Num momento de caos, onde tudo se atrapalha e se mistura, é bom que a gente se proteja e crie uma sintonia harmônica para viver o melhor que ele tem a oferecer, pois caos, apesar de ser desordem, não é, necessariamente, sinônimo de algo ruim. O caos desordena para que uma nova ordem possa se estabelecer. 

Para aproveitar o melhor do período Roda da Fortuna, basta usar dois elementos simples: Rosas Brancas e Trevos de Quatro Folhas. Siga o passo a passo:

  1. Ferva meio litro de água, desligue o fogo.
  2. Pegue as pétalas de três rosas brancas e um trevo de quatro folhas, que você pode comprar num vaso e cultivar em casa, e coloque na água quente. 
  3. Deixe em infusão até chegar a uma temperatura agradável.
  4. Leve para o banheiro e jogue no corpo da cabeça aos pés após o banho e, de preferência, antes de dormir. 
  5. Faça esse banho uma vez por semana, durante todo o mês de julho. 

Boa sorte!

Alexsander Lepletier

Alexsander Lepletier

Alexsander Lepletier é formado em jornalismo e ativista de direitos humanos. Iniciou sua carreira de cartomante e tarólogo, em Portugal. Em Portugal, realiza anualmente o Encontro Internacional de Cartomancia. Atualmente, reside na cidade do Rio de Janeiro onde dá cursos e consultas online.

Saiba mais sobre mim