Pesquisar
Loading...

Plutão e o lado ruim que você tem: é hora de lidar com isso

Entenda como o trânsito Plutão nos faz lidar com nosso lado ruim, mas pode nos ajudar a vermos o lado bom disso

Atualizado em

Quando escuto Plutão, o planeta da morte e renascimento, a primeira coisa que me vem à cabeça é desestruturação da minha paz, do meu lugar de conforto. Isso porque a energia de Plutão pede que você lide justamente com o seu “lado ruim”.

Mas eu dou risada, pois já me condicionei a rir sempre que algo me traz medo e desconforto. E, sim, o novo trânsito de Plutão em Aquário, que começa em 2024, pode ser desconfortável.

Após muitas décadas de pesquisas e experiências, a vida me mostrou que meu lado ruim é essencial para o meu “lado bom” ser ainda melhor. Como assim, Regina? E eu respondo com toda certeza que é isso mesmo.

Não foi um erro de digitação. Facilita muito quando compreendemos como isso funciona. Acompanhe meu raciocínio.

Plutão, seu lado ruim e… bom

A dualidade faz parte do universo em que estamos vivendo neste momento. Afinal, tudo tem seu oposto e eles são complementares. Pense numa pilha. Sem os lados positivo e negativo juntos, ela não funciona. Portanto, não gera energia.

Nós somos exatamente assim. Somos literalmente formados de pequenas partículas: os átomos. Por sua vez, eles são formados por partículas ainda menores: Prótons, que tem carga elétrica positiva, e Elétrons, com carga elétrica negativa. Como resultado, isso provoca força de atração.

Mas vamos sair da aula de física e aterrissar na nossa vida diária. Se o pior de nós, a parte negativa, está escondida no inconsciente, como faremos para equilibrar nossas emoções e ações?

Se, no Universo, o positivo e o negativo juntos geram energia de vida, devemos integrar em nosso sistema nervoso autônomo o negativo que escondemos com nossa consciência positiva.

Respire e dê espaço em sua mente para esta ideia

Como fazemos isso? Desenvolvendo autoconhecimento. Todos os nossos traumas e dores estão presos no calabouço do inconsciente.

Portanto, com ajuda adequada podemos acelerar este processo de integração. Afinal, quando reconhecemos as vivências negativas, trazemos elas para a mente consciente.

E o Plutão nesta história? O Plutão vem para iluminar o inconsciente. A energia de Plutão ilumina os segredos, o tal “lado ruim”. Traz à tona tudo aquilo que está passando batido sem a nossa atenção.

O trânsito de Plutão em Aquário

O trânsito de Plutão em Aquário promoverá o impulso de nos fazer sair da zona de conforto. Assim, olhamos para o medo de mudança que está guardado em nossas memórias. Isso nos faz mudar para uma nova fase no jogo da vida.

Na verdade, Plutão faz um serviço precioso nos impulsionando quando estamos estagnados na evolução natural de nossa essência. A energia de Plutão é puro fluxo de evolução e mudança.

Portanto, quando Plutão exige que olhemos para o “lado ruim”, é a vida nos pedindo mais atenção para rever tudo que não faz mais sentido, nos oferecendo de bônus um grande fluxo de transformação necessária.

Perceba que é um trânsito onde terapeuticamente teremos a oportunidade de olhar profundamente para o que está escondido. Também é a oportunidade de rever necessidades.

Se você não briga com o fluxo, ele te leva de forma mais suave para integrar o negativo e positivo em você. Assim sendo, gera uma nova energia de amadurecimento e evolução.

Como lidar com a energia de Plutão

Respeite Plutão. Ele estará estacionado nos próximos 20 anos em Aquário. Isso vai nos levar a temas como obsessões por mais liberdade e independência, incluindo novas formas de nos relacionarmos com as tecnologias e com novas necessidades.

Nada será imediato, mas construiremos possibilidades que nem conseguimos imaginar agora. Como resultado, isso pode promover muitas inseguranças e instabilidades. Afinal, as mudanças dão muito medo e devemos ficar atentos a teimosias e apegos.

Veja onde Plutão está atuando mais fortemente em seu Mapa Astral, se informe melhor e entenda como pode tirar mais proveito da energia de Plutão. Afinal, isso pode facilitar sua compreensão no trabalho de transformação e acelerar conscientemente esta evolução necessária.

Mas cuidado. Se você escolher brigar com ele, lembre-se que mudanças pela metade não vingam num trânsito de Plutão. Se observe com cuidado, pois ficar no apego e no medo poderá gerar uma fase de mais sofrimento. Procure ajuda, se necessário.

Uma nova oportunidade

Se você compreender a força de um trânsito como este em sua vida, apesar do medo de mudança, o dia a dia de maturação para uma nova oportunidade pode se tornar uma vitória instigante.

Por experiência própria, aviso que se houver muita resistência em mudar, o próximo ciclo pode vir ainda pior. Não se distraia com reclamações e dramas. Aceite e participe com consciência deste processo de sombra e luz, bom e ruim — eles são apenas complementos de sua história. Fica a dica!

Regina Restelli

Regina Restelli

Criadora da Terapia dos Chakras, que promove autoconhecimento e expansão da consciência amorosa. Faz atendimentos online no Personare. Suas consultas limpam as crenças no campo energético, trazendo bem-estar e energia para autotransformação.

Saiba mais sobre mim