Pesquisar
Loading...

Como usar a dúvida a seu favor em cinco passos

Encarar o ponto de interrogação como um aliado, e não um inimigo, vai ajudar você a aliviar a pressão e saber como usar a dúvida a seu favor

O que você sente quando tem uma dúvida? Quando lhe faltam as respostas? Essa situação costuma trazer algum grau de ansiedade ou angústia, não é? Mas saiba que há como usar a dúvida a seu favor!

É comum enxergar o ponto de interrogação como um inimigo e não como um aliado. Por isso, é difícil encarar a dúvida como aquele hiato necessário, uma preparação da consciência e do tempo para trazer lucidez e as melhores respostas.

Só que há um ponto importante que precisa ser dito: a “falta do saber” não é um mau sinal. Claro, ficar atento à estagnação da dúvida é necessário para evitar a terceirização das respostas e a desconfiança de nossos próprios insights. Mas a dúvida pulsante, viva, deve ter seu papel reconhecido.

Como seria olhar para os pontos de interrogação como um aviso de que há uma temporalidade para as coisas? De que só temos dúvidas graças à percepção de que a vida é abundante e nos abre diversos caminhos?

E suas escolhas não são traçadas sozinhas. As decisões são tomadas em parceria com a vida – mesmo que sejamos pró-ativos, a existência e o universo vão agindo também, sabia? Portanto, chega do Complexo de Atlas, de achar que você deve carregar o mundo nos ombros.

Quem disse que todo questionamento precisa estar colado em sua resolução imediata? O resultado de encarar as dúvidas assim é uma pressão constante e insustentável.

É óbvio que muitos casos denotam uma atitude urgente, uma resposta na ponta da língua, e tudo bem. O que você deve ficar atento é a pressão por encontrar a clareza antes da hora, ignorando a maturidade e o tempo para tudo se ajustar.

Quer saber como usar a dúvida de forma benéfica e inteligente? Confira a seguir:

Saiba usar suas dúvidas como benefício para sua vida

  1. Mude o foco: Em vez de permitir o pensamento “E agora? Não sei o que fazer! Será que vai dar tudo errado?” direcione sua mente a ir por outro caminho. “O que mais é possível que eu não esteja percebendo? Como posso estar mais aberta para enxergar as possibilidades? Quais ações são urgentes e quais eu posso deixar amadurecer?”. Essas são algumas questões que servem para ordenar o pensamento. Aqui você pode ler um guia com frases de motivação para usar no dia a dia.
  2. Abuse da criatividade: Deixe que sua dúvida gere um diálogo criativo interno. Escreva sobre as possibilidades e coloque seus pensamentos no papel. Lançar as ideias é um caminho para quando a criatividade cessa e a ansiedade aumenta.
  3. Seja flexível: Lembre-se: não há verdade absoluta. Se existisse, não existiria a dúvida. Toda verdade é parcial. Por isso, somos seres plurais com escolhas e respostas diversas – e, por vezes, antagônicas.
  4. Deixe fluir: Não colhemos bons frutos forçando um sistema estressado a encontrar sempre as melhores respostas. Quanto mais estivermos confiantes na resolução, mais fluido será o resultado.
  5. Deixe o universo agir: A maior parte das nossas preocupações são experimentadas à toa – ou seja, uma grande fatia dos nossos medos não se concretizam. O tempo e a vida dissolvem questões, não é mesmo? E nem tudo precisa ser respondido imediatamente por nós. Na prática, nem toda resposta virá de nós. Algumas, a vida trará.

Faça a pergunta correta!

Cultivar certezas é uma delícia, né? Mas, conviver com as dúvidas também pode ser. São os questionamentos que ajudam a expandir nossa visão.

O mais importante não é a resposta correta, é a pergunta correta. Medite nela, abrace o ponto de interrogação. Faça as pazes com a temporalidade das coisas.

Perguntas expandem nosso campo, criam possibilidades, abrem portas, estimulam a criatividade. Questione-se: como posso ser mais consciente e feliz hoje?

Agora, deixe a vida te ajudar a responder!

Mari Mel Ostermann

Mari Mel Ostermann

Formada em Naturologia pela UNISUL, faz leitura de aura, é mestre em Reiki Essencial e co-fundadora do curso Integral Way (http://cursointegralway.com/). Trabalha em prol da liberdade das pessoas, combinando técnicas estudadas com suas vivências pessoais.

Saiba mais sobre mim