Pesquisar
Loading...

Automassagem facial para aliviar tensões

Nosso corpo acumula tensões inclusive na fase e que precisam ser liberadas. Que tal fazer isso na sua própria casa e com suas próprias mãos?

O corpo acumula as tensões, o excesso de energia e emoções não digeridas ou descarregadas ao longo do dia. Por isso, é de extrema importância desenvolver consciência corporal para perceber os pontos que precisam ser liberados. Que tal fazer isso na sua própria casa e com suas próprias mãos? Neste artigo, compartilho o passo a passo da automassagem facial para aliviar tensões.

Benefícios da automassagem facial

Nosso corpo é o local onde a nossa alma habita, ou seja, pode ser visto como uma casa que precisa de cuidados e de limpeza. Assim, nosso rosto é a nossa porta de entrada, pois carrega tantas expressões que é impossível não transparecer o que estamos sentindo através do olhar. 

Vontade de chorar, de sorrir, gargalhar, ira, ódio e vontade de gritar. Se por algum motivo essas emoções não forem descarregadas ou expressadas, tendem a estagnar e se cristalizar no nosso corpo. 

A automassagem facial tem como proposta te ajudar a deixar seu rosto com um semblante mais tranquilo, aliviando as tensões em alguns pontos que eu vou mostrar na sequência. 

Aqui, você confere como a automassagem facial atua diretamente nos Chakras superiores e ajuda a rejuvenescer.

Passo a passo: automassagem facial para aliviar tensões

Preparo:

  1. Primeiro, sente-se numa posição confortável e faça de 5 a 10 respirações bem profundas. 
  2. Em seguida, comece a acariciar seu rosto. Sinta um pouco como você percebe sua face através das suas mãos. Depois, com os olhos fechados, observe e sinta a expressão do rosto de dentro pra fora. 
  3. Somente nesse momento, você conseguirá identificar os pontos de tensão na mandíbula, têmporas, globo ocular e espaço entre as sobrancelhas e, assim, fazer essa massagem com mais consciência e presença.  

Automassagem facial – parte 1

  1. Com uma das suas mãos, pressione seus três dedos (indicador, médio e anelar) e deslize na sua testa desde o ponto entre as sobrancelhas até o cabelo – repita 3 vezes.
  2. Posicione os indicadores no meio da testa e deslize até as têmporas – repita 3 vezes.
  3. Deslize os indicadores na parte superior dos olhos, fazendo uma leve pressão sempre da parte interna pra fora, e então contorne com indicador e polegar. Sempre de dentro pra fora – repita 3 vezes.
  4. Permaneça um tempo pressionando e fazendo movimentos circulares nas têmporas até chegar a um relaxamento.

Veja aqui essa primeira etapa em fotos: 

Automassagem facial – parte 2

  1. Agora, pare um pouquinho pra sentir a região do seu maxilar, perceba se você tem a tendência de tensionar os dentes ou se tem bruxismo. Faça alguns movimentos com a boca liberando bem os lábios.
  2. Pressione os polegares na mandíbula. Mesmo que você sinta desconforto, continue pressionando por alguns segundos , você perceberá que aliviará em seguida. Pode até colocar a mandíbula para frente enquanto aperta (ótimo para liberar a raiva!). Não hesite em liberar a sua voz.
  3. Com os polegares abaixo do queixo, no início do pescoço, deslize até próximo a base das orelhas (aqui você estará ativando seus gânglios linfáticos) – repita 3 vezes
  4. Leve suas mãos no seu peito puxando delicadamente a pele para baixo e alongue o pescoço, levando a sua cabeça para trás suavemente. Sinta o alongamento da região do pescoço e garganta. Leve a cabeça para um lado e permaneça alguns segundos e depois pro outro. Permaneça no mínimo 3 respirações em cada lado.

Veja aqui as fotos dos passos que mencionei acima:

Automassagem facial – parte 3 e final

  1. Faça uma pausa sempre se conectando com a respiração, provavelmente você já perceberá sua respiração mais expandida. Caso sinta necessidade, exale o ar pela boca.
  2. Puxe seu cabelo algumas vezes como mostra na imagem. Excelente pra quem tem a mente muito agitada ou pensamentos negativos.
  3. Leve as suas mãos no topo da cabeça, inspire, afaste as mãos e exale faça uma leve pressão na cabeça – repita de 3 a 5 vezes.
  4. Aqueça, friccionando as mãos e faça uma conchinha com elas, em seguida leve na região dos olhos , inspire essa energia sentindo aquecer e acalmar o globo ocular , depois na região maxilar e também em outro ponto que você sinta necessário. Sinta o calor das suas mãos. Receba essa energia e esse cuidado que você está se proporcionando.
  5. Finalize deitando ou permaneça sentado, desfrutando desse momento com você.

Veja aqui as imagens da parte final:

Espero que tenham gostado! Me escrevam ou me procurem caso queiram comentar ou precisem de ajuda.

Thaise Titon

Thaise Titon

Psicóloga Clínica, especializada em Psicologia Corporal e Professora de Yoga. Seus atendimentos acontecem de forma online.

Saiba mais sobre mim