Pesquisar
Loading...

Ansiedade e enxaqueca: aprenda 6 formas de reduzir sintomas

Estudo mostra que dor de cabeça tem relação com preocupação excessiva

A razão para a sua enxaqueca pode ter nome: ansiedade. Ou seja, o modo como você vem lidando com as responsabilidades e os afazeres pode estar causando sintomas físicos, como dores de cabeça. Como prevenir ansiedade e enxaqueca? É o que veremos a seguir.

Por que ansiedade causa enxaqueca?

A ciência já provou a relação entre enxaqueca e ansiedade. Segundo estudo do neurologista Mario Peres, divulgado pela Sociedade Brasileira de Cefaléia, 88% das pessoas com mais de 18 anos que sofrem com as incômodas dores de cabeça, também apresentam características como preocupação em excesso e sofrimento por antecipação – típicas da ansiedade.

Ao sentir ansiedade, os substratos que promovem a sensação de bem-estar, paz ou tranquilidade sofrem uma queda na produção e não são transmitidos de maneira satisfatória para o corpo.

“A inquietação e o nervosismo fazem o cérebro enviar uma mensagem de alerta para o organismo. Depois disso, o corpo dispara seus sistemas de defesa, como a dor, por exemplo, dando espaço para uma crise de enxaqueca”, explica Peres.

Além da ansiedade, tensão muscular, dificuldades de concentração, problemas na qualidade do sono e cansaço também foram encontrados em 85% das pessoas que sofrem do mal.

A pesquisa ainda mostrou que mulheres têm até três vezes mais chances de sofrerem dores de cabeça.

Como prevenir ansiedade e enxaqueca?

O neurologista acredita que a prática de exercícios físicos e a psicoterapia podem ajudar a pessoa a relaxar e a viver melhor. Veja aqui uma lista de consultas online com especialistas do Personare.

Além disso, a alimentação correta e a adoção de alguns hábitos simples costumam amenizar o problema.

“Não é recomendável passar muito tempo sem comer e ingerir bebida alcoólica e cafeína em excesso. Quem sofre de enxaqueca também deve evitar alimentos como chocolate, adoçantes, condimentos, gorduras, e leite e derivados”, afirmou o especialista.

Veja mais dicas técnicas e ações simples que também ajudam a controlar a ansiedade:

  1. Alimentos para amenizar a ansiedade
    Muitas vezes, quando estamos com ansiedade, não conseguimos pensar no momento presente e se realmente aquele alimento será a solução. Por isso, recorremos à comida, algo mais fácil e acessível. Há alimentos que podem amenizar a ansiedade (confira aqui).
  2. Alimentos que podem aumentar a ansiedade
    Assim como existem alimentos que podem auxiliar no controle da ansiedade, existem alimentos que pioram o quadro. Veja aqui quais são.
  3. Florais e óleos essenciais para ansiedade
    Volte-se para o momento presente com a ajuda da terapia floral combinada também com essências da Aromaterapia. Veja aqui lista de florais e óleos para ansiedade.
  4. Plantas medicinais que combatem a ansiedade
    Aquele tradicional chazinho pode ser muito eficaz. Confira aqui algumas plantas amplamente conhecidas no Brasil e eficazes contra a ansiedade
  5. Como controlar a ansiedade com a respiração
    Ao respirar de um jeito controlado, começamos a mudar internamente. Mexemos com os nossos sistemas nervoso e cardíaco e mudamos nossas emoções. Dessa maneira, relaxamos e controlamos a ansiedade. Veja aqui como controlar a ansiedade com a respiração.
  6. Meditação para controlar a ansiedade
    Não percebemos nem as oportunidades que se apresentam, por pura distração ou falta de presença. É por esta razão que a prática da meditação para ansiedade pode ajudar muito. Você está disposto a tentar? Veja aqui uma meditação guiada para ansiedade.
Personare

Personare

A equipe Personare é formada por pessoas que estão em processo constante de conhecimento sobre si mesmas, sobre o mundo e sobre as relações humanas. Compartilhamos aqui conteúdos apurados junto aos nossos mais de 100 especialistas em diferentes áreas holísticas, como Astrologia, Tarot, Numerologia e Terapias.

Saiba mais sobre mim