Vanessa Tuleski
Por Vanessa TuleskiLeia em 3 min.08/04/2019 

Previsões astrológicas de 8 a 14 de abril de 2019

Exigências e intensidade convivem com desejo de troca nas relações

Com base no céu astrológico geral, as previsões astrológicas de 8 a 14 de abril de 2019 sugerem, num âmbito coletivo, desejo e troca nas relações.

Você confere neste artigo as tendências coletivas para a semana, que podem ser sentidas tanto por você como por pessoas próximas. Para entender também suas tendências particulares, após a leitura consulte seus trânsitos personalizados, no Horóscopo Personare.

Previsões astrológicas de 8 a 14 de abril

A semana tem vários desafios, mas também saídas e insights. O Sol faz contato com Saturno, e, a partir da metade da semana, também com Plutão. Isto aponta em lidar com responsabilidades e realidade (Saturno), e também com o potencial de emergir intensidade, conflitos e desconfianças (Plutão).

Nas relações afetivas, Vênus/Netuno deixa as pessoas mais sensíveis, idealistas, sujeitas tanto a se encantarem quanto se decepcionarem. Vênus, porém, faz bom aspecto com Saturno, indicando algo que estabiliza as relações e o conforto dos velhos amigos ou relações mais apoiadoras.

Vênus rege dinheiro e finanças e está em bom aspecto com Saturno e Plutão. Mas a conjunção com Netuno requer muito cuidado com investimentos e tem potencial de compras equivocadas e/ou desperdícios, seja pelo item adquirido ou pelo valor.

Mercúrio, por sua vez, também está envolvido com Saturno e Plutão, trazendo ao plano mental ponderação e profundidade. Mas uma quadratura com Júpiter pode dificultar o julgamento, pois é como se fosse uma lente de aumento, distorção ou exagero nublando um pouco a clareza. Também pode representar um dia a dia com muitas pequenas coisas para fazer.

Lidando com responsabilidades e realidade

Até sábado (13), o Sol quadra Saturno, contato que pode trazer problemas, adiamentos e empecilhos e/ou fazer você lidar com a realidade. Afinal, Saturno mostra as coisas como são, e não como gostaríamos que fosse.

Por exemplo, às vezes você não gosta do resultado de um exame, mas quanto mais cedo aceita e toma providências para mudar e/ou tratar, melhor. Alguns podem sentir uma sensação de cansaço e sobrecarga em função de responsabilidades, bem como lidar com algum tipo de frustração.

A partir de quarta-feira: desafios com intensidade

O Sol faz quadratura Plutão a partir da quarta-feira (10), podendo ser sentido antes, atuando até a terça-feira da semana seguinte (16). Da mesma forma, o contato acima traz desafios, como potencial de crises e/ou de finalizações de situações.

Sol/Plutão ajuda a focalizar exatamente o que não está bem, como se fosse um “raio X”. Disputas de poder podem acontecer por estes dias, bem como desconfianças e transformações não desejadas (ex: uma mudança no trabalho que não se esperava).

Há um aumento de intensidade, que você vai ter que saber como usar. Bem usada, esta intensidade pode ser voltada para a cura, para encerrar capítulos e recuperar o poder pessoal ou o rumo onde pode ter se perdido. Mal usada, faz você entrar em disputas que não interessam ou querer controlar algo ou alguém que está aquém do seu controle, como, por exemplo, as pessoas que são muito ciumentas e/ou obcecadas por outra pessoa.

Mantendo a visão ampla

De quinta-feira (11) em diante, em paralelo com o aspecto anterior, o Sol faz trígono com Júpiter, auxiliando a focar no positivo e enxergar além. A mistura dos dois aspectos pode nos fazer perceber coisas que envolvem perdas, mas também ganhos.

Por exemplo, você pode estar há muito tempo cansado de um emprego e ser mandado embora. Sem dúvida, é uma perda. Mas pode ser que você já estivesse alimentando dentro de si uma mudança de área, um novo curso e pode perceber na perda um ganho, uma oportunidade de fazer as mudanças desejadas.

O aspecto também ajuda a manter a visão mais ampla. Por exemplo, a quadratura Sol/Plutão pode fomentar o lado reativo, compulsivo, por causa da intensidade, mas o trígono é você realmente enxergar o contexto de forma mais global. Também pode ajudar a emprestar otimismo diante de crises e situações.

Sensibilidade nos relacionamentos

Até sexta-feira (12), Vênus conjunto a Netuno pode tender a idealizações nas relações e encontros ou o contrário, decepções. Os dois planetas têm afinidade um com o outro, por representarem cada um uma instância do amor: Vênus como o amor humano e Netuno como o amor divino.

Contudo, é também uma combinação complexa, devido à natureza ambígua de Netuno, que é o planeta dos estados transcendentes, das grandes conexões, mas também dos enganos, ilusões, idealizações e perda de limites. Com Vênus/Netuno, podemos sonhar, sentir faltas e carências e também nos decepcionar. Nestes dias, ficamos mais sensíveis e sonhadores. A permeabilidade à arte e beleza, e às trocas, porém, tão especial com Vênus em Peixes (signo, justamente, regido por Netuno), fica ainda destacada.

Por causa de toda esta ambiguidade do planeta azul, pessoas solteiras que conhecerem alguém vão precisar se atentar para não ficar apenas com a primeira  imagem. Afinal, pode ser que corresponda mais a idealizações e expectativas pessoais do que à realidade.

Como Vênus também rege finanças, negócios e parcerias comerciais, dada a toda esta nuvem de fumaça (Netuno), se possível, é melhor não iniciá-los agora, pois algo pode ainda não estar claro e haver chance de decepção. Ou mesmo, no caso de negócios, perdas lá na frente, além de potencial de desperdício de dinheiro por estes dias e compras equivocadas.

Tome cuidado também com procedimentos estéticos mais invasivos, regidos por Netuno, em especial se não conhece quem os realiza.

Erotismo se acende a partir da metade da semana

Além da conjunção com Netuno, Vênus faz contatos positivos com Saturno e Plutão. Isto dá um toque de estabilidade aos relacionamentos e também ajuda a atenuar a intensidade de Sol/Plutão, dando uma alternativa para que conflitos nas relações apareçam, mas tenham uma chance de ser resolvidos com maturidade (Saturno).

A combinação Vênus/Plutão, presente a partir de quarta-feira (10), pode fomentar o erotismo nas relações afetivas, seja as que estão iniciando ou em compromissos. Mas isto vai estar em um pouco de disputa com responsabilidades, desafios e até cansaço, como foi explicado no tópico “lidando com responsabilidades e realidade”.

Maior dificuldade em fazer julgamentos

Mercúrio faz sextil com Saturno até a metade da semana, indicando um lado de bom senso nos pensamentos, já que Saturno é o planeta da cautela e avaliação. Mercúrio está em ótima sinergia com Plutão até sábado (13), ajudando a enxergar tudo com mais profundidade.

Porém, uma inclinação contrária a estes dois aspectos é a quadratura de Mercúrio com Júpiter, o que pode dar um tanto de dispersão mental e tendência a exageros. Apesar das ajudas de Saturno e de Plutão, pode ser mais difícil fazer julgamentos por estes dias, e chegar no ponto exato para entender uma situação ou caminho a tomar.

O cotidiano também pode estar mais cheio, com muitas coisas para resolver. E eventualmente as pessoas também ficam mais tagarelas e/ou com dificuldade de concentração.

Vanessa Tuleski

Vanessa Tuleski

Vanessa Tuleski mora no RJ e dá consultas astrológica-terapêuticas pessoalmente ou à distância, focando no que o céu tem a dizer, mas também no que o livre arbítrio pode fazer.