Quer mudar de rumo profissional?

Florais ajudam a despertar talentos e direcionar quem está desmotivado

Diploma na mão, carreira de vento em popa, bom salário no fim do mês… Mas no peito uma insatisfação que se instalou e não quer mais sair. Ou foi a aposentadoria que chegou e abriu aquela brecha enorme na sua rotina e você não sabe como usar o tempo de maneira útil ou prazerosa.

Se você se identifica em alguma destas situações, saiba que não é o único a sofrer com a necessidade e/ou a dificuldade de dar uma guinada em sua vida profissional.

Mas, e agora, para onde ir? Para piorar a situação, você não tem nem noção de que direção seguir. Que nova profissão ou nova área escolher? O que estudar? O que fazer? Como começar de novo?

A resposta pode não parecer simples, mas saiba que ela existe: mude. Arrisque. Corra atrás do que lhe faz feliz.

A resposta pode não parecer simples, mas saiba que ela existe: mude. Arrisque. Corra atrás do que lhe faz feliz.

Sempre é possível desviar do caminho previsível e mudar de rumo.

Existe uma pequena gama de florais que ajudam a despertar talentos e vocações, além de direcionar aqueles que não sabem que caminho seguir na vida e se sentem perdidos ou desmotivados, como o Wild Oat (Bach), Silver Princess (Austrália) e o Iris (Califórnia).

São essências que ajudam no avivar de nossos desejos e habilidades interiores, permitindo mais clareza nas decisões e metas a serem atingidas na vida. A consequência é motivação para correr atrás dos objetivos e ter a satisfação de alcançá-los.

Uma inspiração

Nem sempre a situação financeira permite que você faça isso neste exato momento. Contas a pagar, prestações de apartamento, filhos na escola. Mas,

não desista! Pra despertar seu ânimo, leia abaixo o depoimento de Daniel Koslinsk, ex-jornalista e atual (e bem-sucedido) empresário da noite.

“Meu sonho sempre foi trabalhar com música. Quando escolhi fazer comunicação, foi pensando em trabalhar com crítica musical. O problema foi que, depois de dois anos trabalhando em redação, não conseguia me acostumar com horários preestabelecidos. Não me conformava em ter que estar presente na redação mesmo com todo o trabalho do dia pronto. Além disso, já ganhava mais dinheiro como DJ e produtor de festas e shows. Graças a algumas conjunções do destino, me senti seguro para mudar de rumo e apostar em empreendimentos próprios. Mesmo assim, com muitos ventos a favor, foi uma decisão, eu me lembro, bem difícil e cheia de apreensões. Mas hoje em dia não me arrependo nem um pouco.”

(Daniel é sócio da Casa da Matriz, do Teatro Odisseia, do Boteco Salvação e do Cinematheque. Também é um dos fundadores do bloco Empolga às 9, tudo no Rio de Janeiro).

Carolina Arêas

Carolina Arêas

Iniciou sua formação como terapeuta floral através do Healing Herbs, da Inglaterra, estudando as essências de Bach. Também trabalha com Reiki nível II e massoterapia ayurvédica, e é co-criadora do projeto "Word Rocks".