Carregando pagina

Futuro > Previsões e Tendências

Netuno em Peixes: a era da emoção

Trânsito ensina a declarar seu amor aos outros

 

Netuno está transitando por Peixes desde março de 2012, e logo naquele mês algo já estava no ar, embora nós não tenhamos nos dado conta. À época, o jornal britânico "The Telegraph" publicou uma matéria com o título "London 2012 Olympics: The Crying Games", que poderíamos traduzir livremente como "Londres 2012, as Olimpíadas do Choro". O texto, de autoria de Michael Leapman, comentava sobre a onda de choro e emoção das últimas Olimpíadas, e teve a (apropriada) ousadia de avisar: "estamos em uma época de um novo tipo de emocionalismo, na qual não só é aceitável, como também desejável, colocar tudo para fora, dando livre curso aos nossos sentimentos mais íntimos".

Ao ler esta crônica, lembro que fiquei chocada, pensando nestas pessoas que muitas vezes têm a incrível capacidade de perceber e captar tendências coletivas pouco antes ou no momento em que elas começam a acontecer.

A emotiva olimpíada de Londres foi primeira a ocorrer com Netuno já no signo de Peixes. O jornalista provavelmente desconhecia o que os astrólogos já sabiam: que Netuno, o planeta da emotividade, sensibilidade e poesia, ingressou em seu próprio signo, o que só ocorre uma vez a cada duzentos anos. Este é um acontecimento importante do ponto de vista astrológico, pois quando um planeta ingressa no signo que ele governa, é como um rei vivendo em seu próprio reino, sentando em seu trono e podendo se manifestar exatamente como deseja. E no caso do "Rei Netuno", podendo dar livre vazão à emotividade, criatividade, intuição e sensibilidade, características tanto deste planeta quanto deste signo.

A matéria do jornal britânico seguia descrevendo que tanto homens quanto mulheres sucumbiram à onda emocional generalizada naquela Olimpíada, que se espalhou igualmente dentre os comentaristas. Contaminar e espalhar são ações típicas do gigante azul, que também rege os vírus, as bactérias e todo o mundo invisível.

O comentarista completava: "para mim, isto tudo teve um efeito libertador, pois depois de uma vida inteira tentando conter minhas inclinações irremediavelmente sentimentais, eu sinto que posso finalmente sair do armário e confessar que sou um chorão inveterado". Emocionante.

A Astrologia vem sendo concebida como algo ligado apenas ao âmbito individual, muitas vezes restrita ao próprio signo. Porém, ela é muito mais ampla, servindo até mesmo para compreender civilizações, cultura e história. São os três planetas mais distantes do Sol, e que levam mais tempo para trocar de signo, que revelam as motivações ocultas de cada tempo: Urano, Netuno e Plutão.

Dos três, Netuno é associado à musica e tem uma permanência bastante longa por signo: 14 anos. Durante dois setênios, é como se escutássemos letras e músicas do estilo daquele signo. E é claro que isto com o tempo nos afeta. Experimente ficar alheio a uma música que esteja tocando, é praticamente impossível. Uma hora ela vai mexer com o seu estado de espírito e com o seu inconsciente.

De 1998 a 2012, quando transitou por Aquário, Netuno consagrou a música eletrônica, os DJs, a diversidade dos gêneros e os cantores com um perfil mais questionador. Aquário também rege os aparelhos. E Netuno, que dissolve barreiras, representou a música (Netuno) invadindo todos os meios eletrônicos (Aquário), deixando de estar restrita a discos de vinil, CDs e DVDs. Agora ela está em todo lugar, acessível a todos.

O novo tom de Netuno em Peixes

Desde que ingressou em Peixes, Netuno passou a tocar um novo estilo de música, usando esta palavra como uma metáfora para o clima emocional coletivo. Como este planeta atua de maneira sutil e subrreptícia, você está ouvindo algo novo, mas ainda não percebeu inteiramente o que é.

As descrições a seguir dirão respeito a possíveis comportamentos de quem já estiver totalmente mergulhado na nova onda. Algumas pessoas não reagirão exatamente conforme o descrito, mas é possível que você se reconheça em muito do que será dito.

Emoções à flor da pele

O "tom emocional" vem sendo mais sutil e delicado, desde 2012. Seu coração está mais sensível, delicado e você se emociona com maior facilidade. Você quer um pouco mais de poesia, beleza e transcendência. Quer acreditar que algo especial existe, e fica triste quando não vê isto acontecer. Muitas vezes, pergunta "se" e "quando" os seus sonhos (algo ligado a Peixes) irão se realizar.

Você está mais vulnerável às correntes emocionais, que ficaram mais rápidas e voláteis. Algumas vezes, se "resfria" com elas, ficando triste, chateado ou deprimido com maior facilidade. Mas seu coração também está mais criança e com pouco estímulo volta a sorrir e se alegrar.

Se enquanto Netuno esteve em Aquário (acionando, também, o signo oposto, Leão) você se preocupou muito com a sua imagem, de 2012 em diante, assim como o jornalista britânico, você passou a não ligar mais tanto para isto. Isto porque este não é o foco do signo de Peixes, que está mais preocupado com a própria emoção e coração. No entanto, às vezes você tem medo de desmoronar se deixar que as emoções tomem conta inteiramente de você.

Se você se apaixonou em algum momento desde 2012, ficou surpreso com a irracionalidade com que reagiu. Pode ter sentido fortes e profundas emoções invadirem a praia da sua razão em pouquíssimo tempo. Você se perguntou se esteve sob efeito de alguma loucura, um dos temas relacionados a Peixes, que, como o próprio nome já diz, vive nos rios e nos mares, em outra realidade que não a que nós, humanos, habitamos.

Coletivo é palavra-chave

Você não quer mais viver sozinho: precisa mais das pessoas. E está estranhando isto, porque durante o período em que Netuno transitou em Aquário, todo o seu ideal concentrou-se em ser independente e livre. Parece que esse modelo não lhe satisfaz mais, mas você ainda tem medo de mergulhar nas estranhas (e mais turbulentas) águas da emoção, em que suas defesas cuidadosamente construídas já não mantém você tão a salvo. Há momentos em que você se sente peregrino entre duas épocas muito diferentes, realizando uma transição estranha e em silêncio.

Mudanças vêm acontecendo desde 2012 e conectar-se às pessoas (Peixes) já lhe parece mais atraente do que manter distância delas (Aquário). No entanto, como é uma energia ainda nova, de vez em quando você pode sentir necessidade de se isolar e entender o que está acontecendo, além de organizar a sua cabeça, que, apesar de continuar funcionando muito bem, parece que ficou mais caótica e menos linear. As emoções chegam mais rapidamente à mente e você tem mais necessidade de música e beleza em sua vida como um todo. De alguma forma, depois de tantos anos de Netuno em Aquário, você se adequou aos valores deste posicionamento. Isto é, não cobrar, manter a independência, a distância, controlar as emoções, exigir pouco do outro e não se deixar ser exigido. Estes valores lhe pareceram corretos durante muito tempo, ainda que, nos últimos dois anos, possivelmente uma parte de você, mesmo que estivesse acostumada a eles, também se via exausta com tanto esforço em manter-se apartado, separado, racional e individual. Você se cansou de, na maior parte do tempo, não ter alguém em que se apoiar e hoje anseia cada vez mais por partilhar sua vida com outras pessoas - e isso no mundo real, não mais só nos computadores ou celulares.

Época sugere rapidez nos processos emocionais

Como o ingresso de um planeta em um signo não é algo estagnado, é como se as duas frequências - de Aquário e Peixes - estivessem presentes, e alguns estão ainda muito ajustados à energia antiga, enquanto outros já dançam sob um novo ritmo desconhecido, cujas regras desconhecem.

Nesta nova onda, às vezes suas próprias reações lhe assustam, pois o seu autocontrole reduziu bastante. Você se parece mais com os velhos e as crianças, pois seu ego está mais maleável e menos resistente. Na verdade, pode ter qualquer idade e não sente mais vergonha disso. Pode ter 60 anos e sentir que seu coração tem 20. E queria estar em um mundo que acreditasse nesta verdade, mas já não liga mais se isto não acontecer, a não ser no caso das pessoas que lhe importam.

Agora o seu lado que tem medo e é vulnerável está mais exposto, e você ainda não está sabendo bem o que fazer com isto. É como se as barreiras do seu coração tivessem sido removidas, mas você se sente estranho sem elas, como uma criança que teve as rodinhas extraídas da sua bicicleta.

Hoje lhe é mais difícil conter seu amor e afeto, e você se vê dizendo "eu te amo" para alguém que talvez nem conheça há muito tempo, mas com quem já sentiu uma forte afinidade. Embora fique perplexo com a recente rapidez com que os sentimentos acontecem e se instalam no seu coração, você reconhece que não está sendo superficial, pois percebe que a energia no centro do seu peito é mesmo real.

Declare seu amor

Você está menos verbal. Antigamente, almoçava agitado, talvez conversando com alguém, mexendo no celular ou com a cabeça a mil por ora. Hoje, às vezes só quer aproveitar aquele momento de refúgio para realmente comer e pensar um pouco. Sente que precisa de um pouco de calma, mesmo tendo ainda uma vida alucinada.

Na correria da vida, algumas vezes você tinha se perguntado se a sua capacidade de apreciar a beleza havia se extraviado, fosse com distrações ou com racionalizações, e hoje uma lua cheia no céu e um punhado de estrelas é capaz de alterar algo dentro de você, provocando uma emoção que você julgou que jamais sentiria novamente. Aliás, antigas emoções sepultadas vêm surgindo agora com toda a força, seja de saudade, de amor ou outra.

Você algumas vezes se sente mais desprotegido, se perguntando o que vai fazer com o coração mais bobo que ganhou. Fique tranquilo, daqui a pouco você vai se acostumar melhor a esta nova frequência. Entregue-se para a vida, que poderá ficar mais assustadora, mas será mais vibrante e bonita também, com menos esquemas mentais protetores e mais sentimento e intuição. Você não está vivendo em uma época com Netuno transitando em Peixes por acaso: o rei Netuno em seu trono tentará lhe ensinar a viver mais de acordo com seu interior e seus sentimentos . E isto nem sempre será fácil, pois as antigas regras não funcionarão tão bem quanto antes. Pelo contrário, quanto mais se agarrar a elas, tentando ser totalmente frio, controlado, autossuficiente e independente, mais terá a sensação de que coisas importantes escapam de você, principalmente o amor de quem mais lhe interessa.

Agora cabe uma pergunta: você já disse "eu te amo" hoje? Até quando vai esperar para dizer isto? Já se perguntou para que serve a vida? Alguém já lhe disse "eu te amo hoje"? Se sim, sorte a sua. E melhor ainda se você aprender também a falar. Você terá 14 anos para isto, mas quanto antes melhor.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Vanessa Tuleski

Mora no RJ e estuda astrologia desde 1989. Autora do livro Signos astrológicos - as doze etapas para a auto-realização, vendido através do site www.vanessatuleski.com.br. Ministrou cursos no Rio, São Paulo e Porto Alegre. Saiba mais »

  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS