Augusto Cury
Por Augusto CuryLeia em 2 min.24/01/2018 
Como abandonar o celular e ser um bom companheiro de si mesmo

Como abandonar o celular e ser um bom companheiro de si mesmo

Estar em paz, sem usar aparelhos eletrônicos como bengala emocional

Sejamos francos, quem tem tempo para ficar horas e horas no celular é porque ainda não encontrou o seu propósito. Isso não é uma trapaça de autoajuda, mas é para que possamos refletir. Em um cotidiano normal, de uma pessoa que busca pela realização de seus sonhos, não há tempo para ficar horas e horas na frente de um smartphone.

+ Redes sociais nos afastam dos outros e nos tornam mais solitários

O que falta para uma pessoa que vê necessidade no uso de um aparelho celular para se sentir satisfeita e feliz é de algo ainda mais importante para superar a primeira opção. Nada é mais importante em nossa vida do que a realização de nosso propósito.

O que é um propósito?

Segundo o dicionário, propósito é:

“Grande vontade de realizar ou de alcançar alguma coisa”;

Ou

“O que se quer alcançar; aquilo que se busca atingir”

Em resumo, ter um propósito é ter um objetivo claro em sua vida. Sem um objetivo muito bem definido em mente, sua vida seguirá vagando, sem muito entusiasmo. Suas horas provavelmente ficaram aglomeradas na frente do celular, assistindo séries e filmes ou viciando em qualquer outra moda passageira do mercado de entretenimento.

Não cabe, neste artigo, passar dicas sobre como bolar uma estratégia para largar o celular ou pelo menos diminuir seu uso. Como deixar de carregá-lo, mudar seu smartphone para um aparelho mais simples e etc. Saiba que, nenhuma dessas mudanças seriam efetivas e, em pouco tempo, você estaria “viciado” em outra coisa.

Novamente, com um novo vício, teria seu tempo sendo consumido por algo que não agrega coisa alguma. Isso porque o problema não é seu celular, é você. Encare essa verdade e coloque-a em seu coração. Fazendo isso, estará muito próximo de quebrar as correntes da vida monótona para dar um passo gigantesco para uma vida de entusiasmo, aventura, conquistas e satisfação.

Como encontrar seu propósito?

Para saber qual é seu propósito, é necessário ter autoconhecimento. Isso quer dizer conhecer a si mesmo. O propósito, na maioria das vezes, está totalmente ligado a algo que lhe dá prazer, então comece por aí e responda às seguintes perguntas sobre você.

  • O que me dá prazer a tal ponto de eu fazer isso e não me cansar?
  • Ou ainda, o que eu poderia fazer o dia todo sem reclamar?

A resposta dessa pergunta pode provocar um pouco de vergonha, dependendo o quão diferente seja sua resposta. Mas, não se preocupe. Pode parecer um absurdo para os outros. Mas, para você, tenha certeza, é a resposta mais importante da sua vida.

Independentemente da sua resposta, provavelmente, você precisará de informação e de outras coisas para alcançar seu propósito. E é aqui que começa a sua jornada para largar o celular – ou qualquer outro vício emocional – por que irá listar tudo que precisa fazer para alcançar seu propósito (e que nesse momento já podemos chamar de meta), e irá planejar para que conclua cada uma das etapas até alcança-la.

Deixo esse desafio: faça uma autorreflexão agora. Encontre seu propósito e o transforme em meta listando todas as coisas que tem que fazer, até alcançá-lo.

Mais sobre o autor

Augusto Cury é médico psiquiatra, psicoterapeuta, pesquisador e escritor. O especialista é autor da Teoria Inteligência Multifocal, que analisa o processo de construção dos pensamentos. Ao longo de 30 anos de carreira, alcançou o reconhecimento nacional e internacional, tornando-se um dos autores mais lidos da última década.

O autor estará dando um curso de 4 semanas para solucionar definitivamente todos os transtornos emocionais e transformar 2018 no melhor ano da sua vida.

Augusto Cury

Augusto Cury

Augusto Cury é médico psiquiatra, psicoterapeuta, pesquisador e escritor. O especialista é autor da Teoria Inteligência Multifocal, que analisa o processo de construção dos pensamentos. https://go.hotmart.com/E7135014H