Carregando pagina

Família > Relações Familiares

Yoga para pais e filhos

Aprenda como você pode restaurar as energias do seu pai com Yoga

 

É o mês dos Pais, nada melhor do que fazer uma surpresa para ele, ainda mais se for relaxante .... Você irá utilizar edredons, mantas ou cobertores, toalhas de banho, cadeira ou banco, parede e cinto, itens que você tem em casa.

Comece preparando um local limpo, arejado e com espaço suficiente para que ele possa se deitar. Utilize uma esteira ou toalha de praia entre seu pai e o chão, no asana em pé não ponha a toalha de praia. A iluminação deve ser, de preferência, indireta e suave. Caso queira utilizar música, selecione as que são para relaxamento com sons de vento ou água.

A série abaixo contém asanas que trabalham alguns elementos do nosso corpo, fogo, água e terra. Foram combinados de forma a restaurar o corpo físico e mental, aliviando as tensões e emoções. Aplique a série na ordem em que está. O ideal é que você faça a série antes de aplicá-la em seu pai.

Série restaurativa das energias do pai

Supta Baddhakonasana

Deixe pronto:

  • 1Dobre dois edredons (casal ou solteiro) ao meio. Se for de casal, dobre de novo ao meio. Coloque um sobre o outro e enrole os dois juntos bem apertados, o rolo fica com a largura menor que o tronco do pai e capaz de sustentar o peso dele.
  • 2Pegue uma manta ou cobertor e dobre até formar um quadrado (como um travesseiro baixo e achatado).
  • 3Dobre duas toalhas de banho até que formem pequenos quadrados, que possam ficar um em cima do outro.
  • 4Um cinto bem grande ou faixa de judô.

 

Entrada:

Sente seu pai com as pernas estendidas e juntas, coloque atrás dele o rolo de edredonsno sentido vertical(a ponta do rolo fica encostada no quadril dele). Peça que flexione as pernas, traga os pés o mais próximo possível do corpo e que deixe os joelhos se afastarem na direção do chão. Una as plantas dos pés. As toalhas dobradas em quadrados devem ser postas embaixo dos joelhos do pai.

Pegue a faixa, passe pelas costas, na altura do quadril. Uma ponta será passada pelo lado esquerdo e a outra pelo lado direito, de forma que as pontas possam ser puxadas para baixo,passando sobre os quadris, pelas pernas e embaixo dos pés. Dê um nó nas duas pontas para que não se soltem.

Peça que se deite sobre o rolo, pegue a manta dobrada e coloque embaixo de sua cabeça e pescoço.Os braços ficam ao longo do corpo apoiados no chão e relaxados.

Permanência:

3 minutos. A respiração é pelo nariz, procurando alongar a expiração de forma natural.

Saída:

Peça que junte os joelhos delicadamente, desamarre o cinto, faça com que role para o lado, saindo de cima do rolo. Para sentar, peça que empurre o chão com as duas mãos.

Efeitos:

A postura abre suavemente o peito, os quadris e a área da virilha. Melhora a respiração e a circulação. Acalma o sistema nervoso e revitaliza o ânimo.

Utthita Marichyasana

Deixe pronto:

  • 1Banco alto.
  • 2Toalha enrolada.

 

Entrada:

Coloque o banco junto a parede, seu pai de frente para o banco com o ombro

esquerdo encostado na parede. Coloque o pé esquerdo dele sobre o banco . Pegue a toalha enrolada e coloque embaixo do calcanhar direito dele. O quadril deve estar de frente para o banco. O cotovelo direito dele fica ao lado do joelho esquerdo, próximo à parede. A mão direita e antebraço apontados para cima, a mão direita apoiada na parede. O peito dele totalmente virado para a parede, os ombros nivelados, a mão esquerda apóia-se na parede.

Permanência:

1 minuto, a respiração é pelo nariz, procurando alongar a expiração de forma natural. Durante a permanência o pé direito deve empurrar o chão para manter a coluna alongada, a perna direita estendida com a batata da perna e coxa contraída. Com o quadril de frente para o banco, os ombros devem permanecer abertos e nivelados de frente para a parede. As mãos devem empurrar as paredes, o cotovelo direito empurra o joelho esquerdo e este joelho resiste ao empurrão.

Saída:

Peça que retorne o tronco, inspirando, deixando-o de frente para o banco. Tire o pé esquerdo de cima do banco e depois o calcanhar direito de cima da toalha. Repita o asana para o outro lado.

Efeitos:

Atenua as dores nas costas, ombros e quadris. Fortalece a musculatura do pescoço.Aumenta a mobilidade dos ombros e da parte superior das costas. Tonifica baço, fígado e rins. Melhora a constipação intestinal. O peito aberto melhora a respiração e a circulação, ajuda a aliviar a fadiga e a depressão.

Viparita Karani

Deixe pronto:

  • 1Dobre dois edredons (casal ou solteiro) ao meio (se for de casal, dobre de novo ao meio). Coloque um sobre o outro e enrole os dois juntos bem apertados, o rolo fica com a largura menor que a do tronco do pai e capaz de sustentar o peso dele.
  • 2Manta ou cobertor.

 

Entrada:

Ponha o rolo no chão, paralelo à parede, a uma distância de 10 centímetros. Se seu pai for alto talvez precise de uma manta dobrada sobre o rolo. Sente-o no rolo com o lado do corpo e o quadril direito em contato com a parede. Faça com que use as mãos para se apoiar, peça que se incline para trás e gire o corpo, que levante e apóie na parede primeiro a perna direita e depois a esquerda. As nádegas têm que ficar bem perto da parede, de preferência encostadas.Caso seu pai tenha se afastado da parede, quando se deitou, peça que flexione as pernas, apóie os pés na parede e utilize as mãos como apoio para erguer os quadris e levar as nádegas à posição correta. A base das costas e as costelas devem ficar apoiadas no rolo e os ombros e cabeça no chão. Os braços para os lados com os cotovelos flexionados e as palmas das mãos voltadas para o teto.

Se seu pai falar que está com as pernas muito tensas ou sentindo desconforto nas costas, peça que afaste um pouco as nádegas da parede.Se você observar que os ombros ficaram muito longe do chão, ponha uma manta dobrada embaixo do seu pai.

Permanência:

5 minutos, com os olhos fechados. A respiração é pelo nariz, procurando alongar a expiração de forma natural.

Saída:

Peça que flexione os joelhos e apóie os pés na parede, deslize o quadril para o chão, cruze as pernas em cima do almofadão (deixe-o nessa posição por 30 segundos). Após o tempo, faça com que role para o lado, apóie-se nos braços e sente.

Efeitos: Regula a pressão arterial, ajuda no alívio da enxaqueca e dor de cabeça, alivia as dores na coluna cervical e renova as energias reduzindo o estresse.

Savasana

Deixe pronto:

  • 1Dobre dois edredons (casal ou solteiro) ao meio (se for de casal, dobre de novo ao meio). Coloque um sobre o outro e enrole os dois juntos bem apertados, o rolo fica com a largura menor que a do tronco do pai e capaz de sustentar o peso dele.
  • 2Manta ou cobertor.

 

Entrada:

Sente seu pai com as pernas estendidas e juntas, coloque atrás dele o rolo de edredons no sentido vertical, a ponta do rolo fica encostada no quadril dele. Deite-o sobre o rolo, de forma confortável, pegue a manta dobrada e coloque embaixo de sua cabeça (2) e pescoço. Peça que relaxe as pernas e os pés. Os braços, devem ficar confortavelmente ao lado do corpo, com as palmas das mãos voltadas para o teto.

Permanência:

10 minutos. Respire naturalmente e transfira totalmente o peso do seu corpo para o rolo, deixando-se ficar cada vez mais leve, suave e relaxado.

Saída:

Peça que role para o lado, saindo de cima do rolo, ficando um pouco na postura fetal.Para sentar, peça que empurre o chão com as duas mãos, sem fazer força na coluna.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Rosine Mello

Formada em Educação Física, é praticante de Hatha Yoga desde 1998. Atua como professora desde 2005, certificada pelo Simplesmente Yoga. Atualmente estuda e pratica Iyengar Yoga. Saiba mais »

contato: rosine.mello@gmail.com
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS