Carregando pagina

Você

Você se deixa influenciar?

Descubra sua verdade interior para que opiniões alheias não lhe afetem

 

Todos nós temos grandes convicções e crenças internas daquilo que é certo e errado. E, mesmo que não tenhamos muita clareza sobre elas, sabemos quem somos e onde residem nossos defeitos e qualidades.

De toda forma, por mais estranho que isso possa parecer, basta que alguém se mostre contrário a nós e todas essas certezas caem por terra instantaneamente. Podemos até lutar contra, questionar, argumentar, defender nossas ideias. Mas no fundo existe a dúvida, a insegurança, como se a visão do outro fosse tão correta e poderosa a ponto de nos tirar de nosso equilíbrio, antes tão inabalável.

Certezas e incertezas

Penso que isso acontece pelo fato das certezas que temos não serem tão certas assim a ponto de não suportarem a mínima contradição. Além disso, partimos do pressuposto de que a certeza tem que ser lógica e racional, quando não o é.

Certeza é um objetivo difícil de alcançar nesta vida, pois tudo é mutável e nosso olhar não abarca o todo a ponto de compreender todas as nuances que fazem os acontecimentos do mundo terem sentido.

Por isso, o que a gente pode fazer é sentir mais, ao invés de pensar mais, pois quando damos menos força à mente, o risco de ficarmos desprotegidos frente às opiniões alheias é muito menor. Como a mente está sempre cogitando, pensando e repensando ideias, as crenças baseadas na mente são sempre muito frágeis, já que elas ficam se alternando entre opostos como: devo fazer isso ou não, posso ou não posso, caminho x é melhor que y ou não?

Nossa intuição, por outro lado, é muito mais forte e valiosa, pois nos conecta direto com quem somos. Se agimos de acordo com nossa verdade interior, agimos com extrema coerência."Se agimos de acordo com nossa verdade interior, agimos com extrema coerência." Desse modo, mesmo que a razão condene ou não entenda, você "sabe"que tem que ser daquele jeito. E isso é o que lhe confere real poder.

Veja então algumas vantagens de agir com intuição. Você:

  • Não perde tempo se justificando para os outros;
  • Passa de alguém frágil para alguém forte;
  • Passa a saber mais claramente quem é e do que é capaz;
  • Sabe quando errou e se retrata;
  • Não fica mudando de ideia de acordo com a opinião alheia;
  • Não fica confuso ou com dúvida do que deve fazer;
  • Não se arrepende do que faz, pois o faz com consciência.

No próximo artigo conversaremos sobre como ativar sua intuição.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, é taróloga há mais de 15 anos. Estuda as abordagens desta prática, com o fim de decifrar a complexidade humana, abrangendo em suas consultas temas como feng shui, i ching, astrologia e numerologia. Saiba mais »

contato: vanne.furquim@gmail.com
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS