PUBLICIDADE

Carreira e Dinheiro > Aperfeiçoamento Profissional

Quer mudar de rumo profissional?

Florais ajudam a despertar talentos e direcionar quem está desmotivado

Por: Carolina Arêas

 

Diploma na mão, carreira de vento em popa, bom salário no fim do mês... Mas no peito uma insatisfação que se instalou e não quer mais sair. Ou foi a aposentadoria que chegou e abriu aquela brecha enorme na sua rotina e você não sabe como usar o tempo de maneira útil ou prazerosa.

Se voce se identifica em alguma destas situações, saiba que não é o único a sofrer com a necessidade e/ou a dificuldade de dar uma guinada em sua vida profissional.

Mas, e agora, para onde ir? Para piorar a situação, você não tem nem noção de que direção seguir. Que nova profissão ou nova área escolher? O que estudar? O que fazer? Como começar de novo?

A resposta pode não parecer simples, mas saiba que ela existe: mude. Arrisque. Corra atrás do que lhe faz feliz."A resposta pode não parecer simples, mas saiba que ela existe: mude. Arrisque. Corra atrás do que lhe faz feliz." Sempre é possível desviar do caminho previsível e mudar de rumo.

Existe uma pequena gama de florais que ajudam a despertar talentos e vocações, além de direcionar aqueles que não sabem que caminho seguir na

vida e se sentem perdidos ou desmotivados, como o Wild Oat (Bach), Silver Princess (Austrália) e o Iris (Califórnia).

São essências que ajudam no avivar de nossos desejos e habilidades interiores, permitindo mais clareza nas decisões e metas a serem atingidas na vida. A consequência é motivação para correr atrás dos objetivos e ter a satisfação de alcançá-los.

Uma inspiração

Nem sempre a situação financeira permite que você faça isso neste exato momento. Contas a pagar, prestações de apartamento, filhos na escola. Mas,

não desista! Pra despertar seu ânimo, leia abaixo o depoimento de Daniel Koslinsk, ex-jornalista e atual (e bem-sucedido) empresário da noite.

"Meu sonho sempre foi trabalhar com música. Quando escolhi fazer comunicação, foi pensando em trabalhar com crítica musical. O problema foi que, depois de dois anos trabalhando em redação, não conseguia me acostumar com horários pré-estabelecidos. Não me conformava em ter que estar presente na redação mesmo com todo o trabalho do dia pronto. Além disso, já ganhava mais dinheiro como DJ e produtor de festas e shows. Graças a algumas conjunções do destino, me senti seguro para mudar de rumo e apostar em empreendimentos próprios. Mesmo assim, com muitos ventos a favor, foi uma decisão, eu me lembro, bem difícil e cheia de apreensões. Mas hoje em dia não me arrependo nem um pouco."

(Daniel é sócio da Casa da Matriz, do Teatro Odisséia, do Boteco Salvação e do Cinematheque. Também é um dos fundadores do bloco Empolga às 9, tudo no Rio de Janeiro).

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Carolina Arêas

Iniciou sua formação como terapeuta floral através do Healing Herbs, da Inglaterra, estudando as essências de Bach. Também trabalha com Reiki nível II e massoterapia ayurvédica, e é co-criadora do projeto "Word Rocks". Saiba mais »

contato: carolinaareas@yahoo.com.br
  • e-mail
  • Imprimir

MATÉRIAS RELACIONADAS

E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS

NEWSLETTER

GRATIS
minimize close
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA A NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS