Carregando pagina

Saúde > Exercício Físico

Pilates e qualidade de vida

Método restaura a vitalidade física e revigora a mente

 

O método Pilates, originalmente denominado por seu criador Joseph Hubertus Pilates como Contrologia, leva em consideração o movimento natural do homem, o respeito à sua anatomia e biomecânica, buscando a saúde e o bem-estar. O conjunto desses objetivos melhora a qualidade de vida e nos fornece mais energia vital.

Desde que a revolução industrial alterou drasticamente a rotina dos trabalhadores, impondo ao corpo a realização de movimentos repetitivos e automáticos, alienando a mente e dissociando corpo e espírito, o ser humano procura o equilíbrio entre o físico e o energético.

Partindo da observação da natureza, do movimento dos animais e do estudo profundo de anatomia, Joseph H. Pilates desenvolveu um sistema de exercícios que respeita os princípios de movimento do corpo humano. Contempla todas as dimensões do homem (física, mental e espiritual), desenvolvendo o corpo uniformemente, corrigindo posturas erradas, restaurando a vitalidade física, revigorando a mente e elevando o espírito.

Através dos movimentos naturais, realizados por meio de repetições apropriadas de cada exercício num determinado ritmo, se adquire o completo controle sobre o corpo. Alia-se o melhor da abordagem oriental de movimento, que prioriza a concentração, a percepção de si, o alongamento e a flexibilidade com a abordagem ocidental, que prioriza a força e o desenvolvimento físico.

Todo o método está baseado em seis princípios que pretendem devolver ao homem uma movimentação mais espontânea e consciente: o centro de força (powerhouse), a concentração, o controle, a fluidez de movimento, a precisão e a respiração.

  • 1O Centro de Força é o foco principal do método Pilates. Ele compreende a região abdominal, formando um cinturão que contempla toda a parte anterior e posterior do tronco, entre a região inferior das costelas e a pelve, dos músculos mais profundos aos mais superficiais. Sua principal finalidade é condicionar a musculatura abdominal, diminuindo a sobrecarga lombar.Todo movimento, por menor que seja, deve ser iniciado somente após a completa ativação do Centro de Força.
  • 2A concentração permite que se volte a atenção para o corpo todo enquanto se executa movimentos simples ou complexos. Exercitar-se com concentração e controle sobre todas as partes do corpo (e não somente sobre os músculos responsáveis pelo movimento principal) propicia a execução de movimentos corretos e seguros. Conseqüentemente, reduz-se a incidência de lesões.
  • 3O Controle é o domínio sobre os movimentos dos vários segmentos do corpo. Devem ser controlados todos os aspectos de cada posição durante os movimentos, de maneira a atingir a execução mais próxima da ideal.
  • 4A Fluidez é a maneira de executar dos movimentos de modo ritmado, coordenado, harmonioso e com uma dinâmica específica, sem movimentos bruscos, em uma sequência sem interrupções entre o exercício anterior e o seguinte. Desta forma, os movimentos são executados com segurança e qualidade, sem sobrecarregar grupos musculares ou articulares.
  • 5Todos os movimentos e as sequências do método Pilates têm uma maneira muito especifica de serem executados. Essa Precisão, aliada ao controle, permite uma exatidão de movimentos sem gastos desnecessários de energia ou movimentos acessórios, mantendo a naturalidade e a espontaneidade.
  • 6 "Mesmo que você não siga as outras instruções, aprenda a respirar corretamente", dizia Joseph H. Pilates.O controle respiratório é um ponto de grande importância na prática do método Pilates, pois todos os exercícios são acompanhados por uma inspiração e expiração completas, coordenadas com o movimento, determinando o ritmo e o tempo de duração de cada exercício. É a partir da contração profunda dos músculos abdominais, durante a expiração, que acontece o correto acionamento do centro de força. A respiração completa aumenta a capacidade respiratória, promove maior oxigenação do sangue, relaxa tensões e promove a integração entre o controle mental e os movimentos do corpo.

O método Pilates não é um protocolo de exercícios a serem executados em uma determinada ordem e de forma definida. Para atingir todos os seus benefícios é indispensável a orientação de um instrutor de Pilates certificado, estar disposto a resgatar a consciência e o controle sobre si mesmo, buscando a tão desejada integração e o equilíbrio entre corpo, mente e espírito.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Cristina Abrami

Cristina Abrami é diretora técnica do CGPA Pilates e reg, possui o selo internacional de Certified Pilates Teacher e é vice-presidente da Aliança Brasileira de Pilates. Saiba mais »

  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS