Carregando pagina

Você

Mais que lembranças congeladas

Reflita como suas fotos dizem muito sobre você

 

Cada foto sua é um espelho de um certo momento. Ela não se resume à imagem, mas evoca sentimentos, pensamentos, insights. Um álbum de fotografias é um resumo de nossos encontros, das nossas viagens, das festas que participamos, até mesmo de nossa vida religiosa.

Se você acompanha um grupo de fotografias de seus aniversários, por exemplo, poderá perceber que algumas pessoas estão sempre presentes, mesmo que nas fotos não estejam tão próximas a você. Outras pessoas aparecem em um determinado ano e permanecem por pouco tempo, mas de forma muito marcante.

Algo importante a se perceber nas fotos são os olhos. Eles podem revelar tristeza, entusiasmo, apreensão. Numa sequência de fotos suas, em diferentes idades, o que você percebe nos seus olhos?E o que você percebe nos olhos das pessoas ao seu redor numa foto?

Padrões repetitivos

Na Terapia Biográfica lançamos mão das fotos, principalmente num workshop chamado "Retratos da Vida". Nele, observamos as fotos inicialmente tentando deixar de lado o peso dos sentimentos a elas vinculados, prestando atenção a algum padrão repetitivo, como a posição do corpo, ou de alguma parte dele. Muitas vezes, as pessoas aparecem sempre numa mesma posição nas fotos, com a cabeça inclinada para um lado, com as mãos fechadas, com as mãos na cintura, olhando diretamente para a câmera, ou desviando o olhar da câmera. Não há interpretação desses padrões, somente o tomar consciência e buscar correlacionar com outras situações da história de cada um. Neste workshop pedimos que os participantes façam uma colagem com as fotos, e a forma como essas fotos são arrumadas na colagem são muito significativas.

As fotos podem contar a história da busca espiritual de uma pessoa. Não raro as pessoas levam fotos de eventos religiosos importantes para suas vidas, como batizado, primeira comunhão, casamento. É também muito importante observar como a relação de uma pessoa com a natureza pode evidenciar-se nas fotografias. Algumas pessoas levam montes de fotos na praia, em meio a flores, animais. Outras, paisagens urbanas predominam nas suas fotos.

Lembranças especiais

As fotos podem ser lembranças congeladas, mas é o seu olhar sobre elas que faz com que voltem a viver com força dentro de nós todos os sentimentos vividos então, e revelam muito de quem você é. Mais importante ainda, as fotos revelam sempre algo diferente a nosso respeito a cada vez que as contemplamos. A força latente nas fotos é um dos mais preciosos recursos de que dispomos para acessar a história da vida de uma pessoa e, por isso, são valiosíssimas na Terapia Biográfica.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Marcelo Guerra

Médico graduado pela UFRJ. Começou a carreira como Psicanalista e depois enveredou pela Homeopatia e Acupuntura. Ministra oficinas e palestras em todo o Brasil e atende em consultório no RJ. Saiba mais »

contato: marceloguerra@terapiabiografica.com.br
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS