Carregando pagina

Casa > Decoração

Feng Shui para a casa nova

Dicas ajudam a harmonizar principais cômodos do lar

 
Imagem: Dollar Photo Club

Se há algo na vida que temos certeza é que tudo está em constante mudança. Desde uma consideração macro, como as estações do ano, o dia e a noite se transformando, até chegar a nosso espaço mais íntimo, que é nosso próprio ser. E isso também vale para quando mudamos para uma casa nova, afinal, é o espaço que escolhemos habitar. Nessa avaliação de escolha, fatores importantes precisam ser considerados, pois uma casa nova e diferente certamente trará novas referências, possibilitando diferentes percepções do indivíduo que estará inserido nesse local.

Alguns cuidados são muito importantes ao escolher um imóvel, porém, antes é preciso estar atento à sua sensibilidade e percepção, notando e sentindo qualquer informação que lhe vier ao conhecer o local pela primeira vez. Sua intuição será mais eficiente se estiver conectado aos seus sentidos quando entra no lugar.

Casa deve ter iluminação direta do sol

Quando buscamos harmonia energética para uma casa ou um imóvel, é muito importante considerar a parte externa, a posição da casa no terreno e as construções vizinhas, que não podem impedir a incidência da luz solar chegando ao seu imóvel. A iluminação, o calor e a energia que o sol proporciona são fundamentais para a saúde interna do local e ainda evitam insalubridades, como mofo e umidade, indesejáveis para o equilíbrio das energias do ambiente. Portanto, esse é o primeiro fator que consideramos na busca dessa harmonia energética e dinâmica na qual o Feng Shui pode auxiliar em seu novo espaço.

Já trabalhando na parte interna, é interessante fazer uma limpeza energética no local, que pode ser realizada com ervas, flores, plantas e incensos pelo próprio morador ou por um profissional indicado. Essa ação irá proporcionar saída de energias antigas e entrada renovada de vibrações, que virão com o novo morador.

Parte interna: como equilibrar energeticamente o ambiente?

Com essas sugestões, sua futura casa estará pronta para receber a harmonização de ambientes na parte interna, equilibrando energeticamente o local. Para a decoração e o posicionamento de móveis no Feng Shui, cada ambiente pode ser desfrutado de acordo com sua função da melhor forma possível. O que vale para a casa toda é, sem dúvida, manter o equilíbrio entre cores, tamanhos, iluminação e ocupação de espaços livres no cômodo. Seguem abaixo algumas dicas:

  • Para a entrada da casa: importante que seja permitida uma boa circulação dos moradores, sem nenhum objeto atrapalhando o caminho. A porta, por exemplo, precisa estar em perfeitas condições de uso, sem móveis ou objetos que impeçam o movimento de abrir e fechar. Para causar uma boa impressão logo na entrada, um tapete de boas-vindas e objetos bonitos de decoração podem transmitir a sensação de aconchego e simpatia para quem chega.
  • Para a sala de estar: este é o local onde recebemos amigos e desfrutamos a convivência. Por isso, a disposição dos móveis precisa dar a sensação de acolhimento, com sofá e poltronas distribuídos de modo que todos possam se ver e se comunicar facilmente. Sendo assim, evite colocar o sofá com as costas voltadas para a porta de entrada, por exemplo. Se houver uma mesa de centro, cuide para que ela não restrinja o fluxo de passagem dos convidados e moradores no dia a dia.
  • No dormitório: é no quarto onde passamos a maior parte do nosso tempo, portanto, garantimos a qualidade desse tempo mantendo o ambiente com a sensação de tranquilidade. Para isso, escolha cores mais claras, que podem acalmar, como os tons pastéis, por exemplo, e ainda evite deixar objetos de trabalho por perto, pois podem direcionar para atividades contrárias ao descanso e relaxamento.
  • Na cozinha: organização e limpeza são fundamentais nesse local, onde a saúde e a abundância são representadas pelos alimentos condicionados e servidos, e pelo cuidado com as comidas escolhidas, que garantem a saúde e o vigor físico e mental para um dia com uma excelente energia. As cores laranja e amarelo na decoração podem estimular a área da nutrição, enquanto o verde estimula o consumo dos alimentos mais naturais, fundamentais para nossa saúde e bem-estar.
  • No banheiro: atenção redobrada com eventuais vazamentos de água, manter a tampa do vaso sempre fechada, assim como os ralos e a porta. Na decoração, podem ser usadas algumas plantas ou mini vasos de flor que não necessitem de luz solar, se for o caso. Boa limpeza e aromas podem trazer uma energia mais agradável nesse local.
  • Quintal ou varanda: cuide para que tenha espaço destinado ao que deseja nesses locais, impedindo guardar coisas que nunca são usadas. Se houver a lata de lixo, mantenha-a fechada e distante de qualquer porta de acesso à casa. Se tiver um bom espaço, use nele plantas, mini-horta e ainda árvores frutíferas, que estimulam a prosperidade.

Esses são os principais cômodos que mais atendem uma casa e podem, com essas dicas, serem mais eficientes em sua função física e energética, auxiliando o equilíbrio e a harmonização da casa como um todo. A sensação de bem-estar ao longo do dia refletirá nos moradores, proporcionando melhor qualidade de vida.

Refletindo sobre o trabalho do Feng Shui na contribuição da harmonização de ambiente, percebemos que é uma via de mão dupla: o indivíduo emprega atitudes dentro de casa que refletem na sua vida pessoal, mas também é preciso sempre atenção e cuidado com seu desenvolvimento e aprimoramento pessoal. Afinal, sem essa via, a estrada se interrompe, bloqueando canais importantes para que o Feng Shui realize seu trabalho com eficiência e melhores resultados.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Adriana Di Lima

Professora e Consultora de Feng Shui e Astrologia Chinesa, agrega a Medicina e a Sabedoria Oriental Chinesa em atendimentos. Saiba mais »

contato: adrianadilima@gmail.com
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS