Carregando pagina

Família > Relações Familiares

Família em primeiro plano

Despender mais tempo aos familiares traz bem-estar como recompensa

 

Todos devem concordar que nem sempre é fácil viver em famíla, mas também admitem que é o ambiente onde mais crescemos, aprendemos e construimos as referências mais importantes de nossas vidas.

A família estrutura, dá segurança, ensina regras, pede tolerância: todas qualidades básicas para podermos viver bem em sociedade. É onde sabemos que somos amados, não necessariamente aceitos e compreendidos como gostaríamos, mas onde amamos e recebemos amor em troca.

Em todas as famílias humanas e do reino animal vemos que é instintivo defender, ajudar e proteger os parentes. Aquela velha história: "eu posso reclamar da minha família, mas se alguém de fora se atrever a fazer o mesmo, viro uma fera".

Aprendendo com os orientais

Hoje, nessa época tão materialista em que vivemos, nossas vidas exigem muita atenção ao trabalho, ao dinheiro e às relações sociais, que muitas vezes também estão ligadas ao trabalho e ao êxito profissional, social e financeiro. Acabamos deixando a família em último plano, despendemos a ela o pouco tempo que sobra - normalmente quando já estamos bem cansados. Ou ainda compensamos nossa ausência com presentes e mimos, estimulando ainda mais o consumismo. Os resultados disso não demoram a aparecer: crises nos casamentos, filhos carentes, depressão, solidão, obesidade e até comportamentos delinquentes.

Nas culturas orientais a família e os antepassados são honrados em formas de preces e rituais, uma visão muito bonita, que preza a continuidade da vida, inspirando sobretudo gratidão a todos aqueles que vieram antes de nós e permitiram a nossa existência. Nossos lares deveriam ser quentes, aconchegantes, vivos e acolhedores. Isso é construído com a convivência e a comunicação. "Nossos lares deveriam ser quentes, aconchegantes, vivos e acolhedores. Isso é construído com a convivência e a comunicação. " Com o olhar sobre quem amamos, sabendo o que acontece com essas pessoas, mostrando interesse em suas vidas, despendendo tempo para ouvi-las. É isso que queremos e de que precisamos.

E deixo claro que família se herda , mas também se escolhe. Sua família pode ser todos aqueles que você ama: parentes, amigos, vizinhos, parceiros de trabalho e até animais de estimação.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Karin Fromm

Fisioterapeuta e psicoterapeuta, atualmente estuda medicina ayurvédica. Atende em consultório particular em São Paulo e mantém um blog sobre saúde e prazer. Saiba mais »

contato: karinffromm@hotmail.com
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS