Carregando pagina

Beleza > Estética

Em busca de boa aparência?

Acupuntura estética pode ser aliada na conquista da beleza saudável

 

Uma verdadeira corrida armamentista está se desenrolando diante de nossos olhos. As mulheres estão cada vez mais lindas, mais poderosas e gastam mais tempo e dinheiro com estratégias para melhorar a maneira com que se apresentam. Estamos admirados e as vezes até assustados com a beleza de nossas guerreiras, responsáveis por um crescimento sem precedentes deste arsenal de recursos que visam a boa aparência.

A multiplicação de técnicas cosméticas, suplementos dietéticos e a enxurrada de equipamentos ultra modernos que são lançados a cada ano dão uma dimensão deste fenômeno. De forma semelhante, inúmeras pesquisas científicas especializadas são criadas e anunciadas em função desta busca incansável pela beleza. A imagem dominante no mercado de estética transmite a impressão de que estaremos mais bonitos se acompanharmos a velocidade dessas novas descobertas, tendências e produtos. Em meio a tantas novidades estéticas, uma ideia menos sofisticada sobrevive: ser bonita é ser saudável."Em meio a tantas novidades estéticas, uma ideia menos sofisticada sobrevive: ser bonita é ser saudável."

Em busca de equilíbrio

A acupuntura estética ajuda a desenvolver essa noção, que é poderosa por sua simplicidade. Em alguns casos, suavizar as expressões de nossas guerreiras consiste em diminuir a rigidez de músculos viciados em "manter a guarda" para a batalha do dia-a-dia.

Noutras vezes, para condicioná-las melhor às exigências dessa batalha diária, é necessário canalizar a força vital e restituir o tônus, inibindo linhas e sulcos agressivos na face. Sempre o que vai se dissipando na aparência é um reflexo do equilíbrio conquistado na profundidade, mediante as agulhas e a reeducação de padrões. Assim, por exemplo, cuidando do coração se traz vitalidade ao rosto e saúde à pele pelo estabelecimento de uma boa respiração.

O trabalho e a orientação do acupunturista visa o florescimento da beleza através da construção de uma saúde equilibrada e a manutenção de uma boa capacidade de adaptação. Além disso, com uma maior consciência das práticas que combatem suas deficiências naturais, cada mulher vai adquirindo mais conhecimento acerca de si e o que deve fazer para levar uma vida mais feliz e confiante. É nesse equilíbrio que a verdadeira beleza se mostra.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Gustavo Lunz

Acupunturista e shiatsuterapeuta pela Academia Brasileira de Artes e Ciências Orientais. Graduando em Fisioterapia, atua em programas empresariais de qualidade de vida. Saiba mais »

contato: gustavo.lunz@gmail.com
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS