Carregando
PUBLICIDADE

Beleza > Estilo

A moda dos pingentes de sal grosso funciona?

Enfeites protegem de energias negativas, mas uso pede moderação

Por: Simone Kobayashi

 

Tem sido cada vez mais comum a presença de pingentes de sal grosso enfeitando os pescoços e os pulsos das pessoas. Geralmente usados em cordões e pulseiras, esses enfeites costumam, mais do que embelezar, serem usados como uma espécie de "amuleto" de proteção. Mas será que essa moda realmente protege as pessoas de energias negativas?

O sal grosso é, na verdade, um cristal de sal. O cristal é uma formação específica e organizada dos elementos, como átomos, moléculas ou íons, em um padrão tridimensional bem definido, que se repete formando uma estrutura com uma geometria específica. Visto no microscópio, o sal grosso revela que é um cristal, formado por pequenos quadrados ou cubos achatados.

E os cristais têm propriedades específicas e especiais. Essas pedras podem ser usadas para equilibrar, energizar, limpar e harmonizar nosso campo energético. O cristal de sal - ou o sal grosso - não é exceção. A mais conhecida característica do cristal de sal é sua propriedade de absorção do excesso energético. Usamos para neutralizar os campos eletromagnéticos negativos ou, como são mais conhecidas, as "energias negativas".

No Japão, o sal é considerado um purificador poderoso. Tradicionalmente os japoneses jogam sal nas soleiras das portas sempre que uma visita menos bem-vinda vai embora. O objetivo é limpar a carga energética que a pessoa pode ter deixado na casa.

Aqui temos o banho de sal grosso e o antigo escalda-pés (mergulhar os pés em água bem quente, misturada com sal grosso), que têm o poder de neutralizar a eletricidade do corpo. Também é um ótimo jeito de relaxar e descarregar de um dia particularmente "pesado". E para espantar o "mau olhado" ou evitar visitas indesejáveis, algumas pessoas têm o costume de colocar uma fileira de sal na soleira da porta ou um copo com água e sal grosso do lado esquerdo da entrada.

Uso dos pingentes pede moderação

Bom, então isso significa que usar um pingente de sal grosso vai limpar seu campo energético? Sim, mas não todo dia e nem toda hora. O cristal de sal é tão eficiente que acaba descarregando demais a energia da pessoa, quando usado em excesso. Precisamos nos limpar de influências negativas, mas, ao mesmo tempo, precisamos nos energizar também. Para isso, use seu pingente quando e onde ele será realmente útil. Depois disso, reponha suas energias, por meio do uso de cremes de ervas (sugiro o alecrim) ou outro cristal ou pedra que energize e esteja de acordo com o que você busca no momento.

Outra opção para se reenergizar depois de usar o pingente de sal grosso é preparar um banho verde de alecrim. Separe de dois a três galhos da erva e lave-os bem. Em um recipiente de vidro ou porcelana (evite aqueles feitos de ferro, alumínio ou plástico, para que não interfiram nas propriedades do alecrim) coloque dois copos cheios de água mineral ou do filtro, e desfolhe o alecrim dentro da água. Depois pegue um punhado do alecrim e esfregue a erva até a água ficar verde. Pronto! Tome seu banho normalmente e, por fim, jogue a mistura verde de alecrim pelo corpo. Se quiser, coe a mistura antes de jogá-la no corpo. Você vai sentir se mais leve e energizado. O banho pode ser feito até uma vez na semana.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Simone Kobayashi

É terapeuta holística e autora do livro "Pedras e Cristais - Em Busca do Equilíbrio". Ministra cursos de Geoterapia (em SP e via internet) e de todos os níveis de Reiki. Saiba mais »

contato: simonekn@gmail.com
  • e-mail
  • Imprimir

MATÉRIAS RELACIONADAS

E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS

Holis é uma empresa do Grupo Personare

NEWSLETTER

GRATIS
minimize close
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA A NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS