Logo Personare vertical
Pesquisar
Loading...

Saiba tudo sobre Mercúrio retrógrado em janeiro de 2021

No dia 30/1, tem início o primeiro período de retrogradação do planeta das comunicações

Saiba tudo sobre Mercúrio retrógrado em janeiro de 2021

2021 tem seu primeiro Mercúrio retrógrado em janeiro. No dia 30/1, tem início o primeiro período de retrogradação do planeta. E desta vez será no signo de Aquário. Neste ano, vale lembrar, seis planetas ficarão retrógrados e você pode ver as datas aqui.

Com esta retrogradação é como se o Universo estivesse nos obrigando a colocar o “pé no freio” e a observar os passos que estamos dando. Fazendo com que a gente pare de seguir simplesmente caminhando com fome e fúria, conforme muitas vezes propõe Júpiter, que também está em trânsito por Aquário.

Mas o que esperar da retrogradação de Mercúrio em Aquário, este signo tão mental e futurista? Neste artigo, você pode entender a análise coletiva para Mercúrio retrógrado. Se você quiser entender as previsões para a sua vida, veja aqui qual casa astrológica será ativada pelo primeiro Mercúrio retrógrado de 2021.

A partir de 30 de janeiro, com o início de Mercúrio retrógrado em Aquário, será importante ficar de olho no aqui e agora. Em nossa necessidade de independência, podemos afastar demais as outras pessoas – especialmente porque o signo de Aquário não é dado a muita proximidade ou multidões.

Também podemos dizer “não” a algo que poderia funcionar apenas porque é tradicional. Aquário está sempre de olho no futuro e em causas e ideais. Logo, a pergunta é: como caminhar nesta direção sem se afastar muito do que é real e possível?

Só que a peculiaridade deste Mercúrio retrógrado que começa em janeiro é que o planeta está sendo tocado por Urano. Se em retrogradações “normais” nossos processos de pensamento e comunicação ficam “diferentes”, com essa retrogradação em Aquário no meio deste Mercúrio-Urano a energia rebelde poderá se acentuar ainda mais.

Tendências para este Mercúrio retrógrado de janeiro

A tendência é resistir a qualquer coisa ou pessoa que percebamos como uma limitação – ao nosso pensar, a nossa comunicação, ao nosso movimento. Embora isso seja ótimo para sair da estagnação, é preciso exercitar a paciência e evitar a impulsividade. Use a energia aquariana e seja muito inteligente em relação àquilo que você diz ou faz.

Durante este período, podemos tentar resgatar verdades nossas, códigos e valores há muito esquecidos que foram colocados para debaixo do tapete para respeitar determinações sociais. Agora isso não vai rolar.

Queremos explorar o não convencional, e isso em si não é o problema. Só é preciso atenção para ver como o faremos e para não usar esta necessidade para escapar de nossas responsabilidades.

Desafios e metas do primeiro Mercúrio retrógrado de 2021

Com esta retrogradação podem surgir problemas em amizades ou grupos, e aí cabe a você decidir se convém trabalhar sobre esses problemas ou, simplesmente, deixar a relação para trás. Mas lembre-se: não decida nada com Mercúrio retrógrado. Aproveite o período para coletar informações e só após o final do período, em 20 de fevereiro, tome decisões.

Em seu lado positivo, o momento favorece a reconexão com velhos amigos ou velhos grupos aos quais você pertenceu, mas com os quais – por alguma razão – perdeu o contato ao longo do tempo.

Como o movimento de Mercúrio agora é retrógrado, este pode ser um período de vermos muitos dos nossos sonhos e esperanças para o futuro serem revisados, suspensos, o que pode nos desestimular.

Será que tudo que queremos é inatingível? Novamente, evite decidir sobre o assunto. Muita água precisa rolar debaixo dessa ponte para que você possa decidir algo a respeito. Apenas navegue o período e espere.

Este período retrógrado acontece com um monte de planetas em Aquário – Sol, Vênus, Júpiter e Saturno – o que sugere que haverão revisões de todos os assuntos regidos por esses planetas: propósito, finanças, relacionamentos, estruturas, profissão e carreira.

Como a energia predominante é de Aquário, estamos definitivamente com vontade de mudar e abertos para fazer as coisas de forma diferente.

Mas com Mercúrio retrógrado e Saturno envolvidos (especialmente considerando a quadratura entre Saturno e Urano no dia 17 de fevereiro), temos que ser inteligentes, fazer as coisas da maneira certa e com intenções claras/éticas.

Assim, sobreviveremos a quaisquer águas turvas que tivermos que navegar.

Olá, essa matéria foi útil para você?
Marcia Fervienza

Marcia Fervienza

Astróloga há mais de 15 anos e psicóloga, atua como colaboradora em Astrologia para diversas revistas e possui trabalhos publicados em vários países. Oferece atendimentos astrológicos presenciais e virtuais. Saiba mais