Equipe Personare
  • Por Equipe Personare
  • Leia em 2 min.
  • 11/10/2017
  • Atualizado em 11/03/2019 às 19:52

O que é Inferno Astral?

Veja o conceito desse termo e descubra se ele realmente existe na sua vida | Glossário Personare

O que é Inferno Astral?

Você já deve ter perguntado ou afirmado para si mesmo se está passando por um Inferno Astral. Mas será que esse conceito existe mesmo?

Inferno Astral é uma invenção do século XX. Não há registros desse termo em nenhuma parte da literatura astrológica. Porém, é muito comum ouvir as pessoas afirmarem coloquialmente que estão passando por um Inferno Astral. Por quê? Quando alguém menciona viver um Inferno Astral, geralmente quer dizer que está passando por uma fase ruim. Em Astrologia, isso na verdade está relacionado a ciclos planetários que são um tanto quanto infernais. Portanto, não há um Inferno Astral propriamente dito, e sim, ciclos astrológicos negativos.

O INFERNO ASTRAL É O PERÍODO QUE ANTECEDE O ANIVERSÁRIO DE UMA PESSOA?

Além do termo Inferno Astral não existir em Astrologia, é errado dizer que ele ocorre no mês anterior ao seu aniversário. Na verdade, isso provém da ideia de que esse período deveria ser conturbado, já que é o encerramento de um ciclo astrológico. Contudo, os meses que antecedem o seu aniversário podem ser ótimos, ou não tão bons assim, e isso não tem nenhuma relação com Inferno Astral.

Caso queira identificar os trânsitos negativos, é aconselhável que você observe os trânsitos planetários que estão ativos no seu Mapa Astral, e lembre-se: eles vão variar com o passar dos anos, e cada ano é diferente do outro.

Para acompanhar os seus trânsitos a cada novo momento astrológico, basta fazer o seu Horóscopo Personalizado e avaliar o momento que você está passando agora.

Nossos especialistas

– Alexey Dodsworth é astrólogo há quase 30 anos, membro da MENSA, autor das análises de AstrologiaTarot e Runas do Personare e cursa doutorado em Filosofia e Ética em Veneza.

– Vanessa Tuleski é astróloga e realiza consultas astrológico-terapêuticas, pessoais ou à distância.

– Maria Eugênia de Castro, astróloga, também é fundadora e presidente da Sociedade de Astrologia do Rio de Janeiro.

– Clarissa de Franco é psicóloga e atua na temática da morte (perdas, luto e suicídio) e no debate entre religião e ciência, passando por temas como ateísmo e Astrologia.

– Marcia Fervienza é astróloga há mais de 15 anos, membro da American Federation of Astrologers e colaboradora em Astrologia para diversas revistas.

– Giane Portal é astróloga especializada em análise de relacionamentos, o que utiliza em seus atendimentos astrológicos. Faz parte do Conselho Deliberativo da Central Nacional de Astrologia.

Olá, essa matéria foi útil para você?
Equipe Personare

Equipe Personare

Nós, da equipe Personare, também estamos em um processo constante de conhecimento sobre nós mesmos, sobre o mundo e sobre as relações humanas. Saiba mais