Previsões da Numerologia para o Amor em novembro de 2020

Saúde e Segurança são os principais temas do mês, veja as previsões para a sua vida

Previsões da Numerologia para o Amor em novembro de 2020

03Chegamos às previsões para o Amor em Novembro de 2020. Neste mês, estaremos no Mês Universal 6 de no Ano Universal 4, números que falam de Saúde e Segurança e representam a necessidade de desenvolver a capacidade de conciliar e tomar decisões justas.

Se não houver disposição para o diálogo no Amor em Novembro, a empatia para entender o ponto de vista da outra pessoa, o risco é maior para rompimentos, separações, fim de parcerias e de contratos.

Mas se há essa atitude diplomática, visando acordos justos para todas as partes envolvidas, a oportunidade é de formalizar laços, melhorar o companheirismo e colocar as relações num nível mais satisfatório.

O AMOR EM NOVEMBRO NA SUA VIDA

Veja qual é o número do seu Trimestre e Mês Pessoal você está aqui nas Previsões Numerológicas. Com esses números em mãos, veja abaixo quais são as previsões para o Amor em Novembro para a sua vida.

Você pode aproveitar e também ler as previsões para o Amor em 2021 aqui.

ANO PESSOAL 1 – TRIMESTRE PESSOAL 5 – MÊS PESSOAL 3

Para quem não está em um relacionamento: o desejo aqui pode ser de permanecer sem compromisso. Por mais que o 3 do seu Mês Pessoal sinalize romantismo maior, tanto o 5 quanto o 1 amam cuidar de seus próprios projetos e manter a sensação de independência e liberdade.

Você pode emanar magnetismo maior no amor em Novembro e esse poder de atração poderá apresentar oportunidades para aventuras românticas e sexuais.

Todavia, se comprometer vale só se o laço a ser iniciado não reprimir a sua autonomia e individualidade.

Para quem tem um compromisso: será fundamental neste mês, você conversar com a pessoa parceira para criarem soluções para um clima de mais romance e estímulo, inclusive sexual.

O desejo intenso por novidades e novas experiências, saindo da rotina, será o estopim para você ter ideias sobre novos programas e o começo de um ciclo de renovação em sua vida amorosa.

Se não houver essa receptividade de seu par, há risco de você sentir atração por outra pessoa ou atrair bastante a atenção de outras, envolvendo-se em flertes e em um eventual triângulo amoroso.

ANO PESSOAL 2 – TRIMESTRE PESSOAL 6 – MÊS PESSOAL 4

Para quem não está em um relacionamento: este provavelmente será o mês do ano em que você mais sentirá vontade de estar ao lado de alguém. O desejo por companheirismo, por segurança emocional, por troca afetiva repleta de amizade e carinho, estará acentuado.

Cuidado para não fazer uma escolha imatura apenas para suprir a carência de uma relação. Mas esse risco está reduzido. Porque se a outra pessoa não demonstrar que pode firmar um laço estável e duradouro com você, sem chances.

Caso você perceba esses pré-requisitos sendo atendidos, aí sim poderá construir as bases de um relacionamento de longo prazo.

Para quem tem um compromisso: eis um período que tanto poderá oferecer mais apoio (emocional e financeiro) quanto receber amparo da pessoa parceira, especialmente diante de algum problema de saúde ou familiar.

As responsabilidades domésticas tendem a ser maiores em novembro, além de ver detalhes no dia-a-dia e na convivência com seu par que enaltecerão divergências e diferenças.

Será fundamental diálogo e decisões conjuntas e justas para ambas as partes, a fim de criarem um nível mais seguro e satisfatório de união.

Inclusive, se você ainda não formalizou o laço com seu par, este é um ótimo período. Mas se as diferenças são irreconciliáveis e não estão com disposição para aparar as arestas, pode ser um mês de separação.

ANO PESSOAL 3 – TRIMESTRE PESSOAL 7 – MÊS PESSOAL 5

Para quem não está em um relacionamento: eis um mês que o desejo por liberdade, nem que seja de curtir o prazer de ficar só, lendo, vendo séries, estudando, estará forte.

Por mais que você possa ter algumas aventuras românticas e sexuais, questionará se realmente quer um vínculo mais íntimo.

A tendência de manter-se livre sem compromisso sério poderá prevalecer sobre o lado que almeja mudanças por meio de um relacionamento mais estreito.

Por mais que você esteja emanando ar de mistério e sedução bem envolvente, o receio de se entregar e aprofundar um relacionamento existirá. Caso tenha a coragem de se abrir e criar intimidade, poderá ser uma paixão daquelas

Para quem tem um compromisso: o momento pede que você tenha mais espaço na vida a dois em novembro de 2020. Ficar mais na sua, descansando ou estudando, será fundamental.

E, quando der, buscar novos estímulos para criar um nível mais intenso de prazer, inclusive sexual, com a pessoa parceira.

A insatisfação diante da rotina e o anseio por um vínculo bem mais profundo poderão impelir você a descobrir o que deve ser mudado no seu relacionamento para melhorar o convívio.

ANO PESSOAL 4 – TRIMESTRE PESSOAL 8 – MÊS PESSOAL 6

Para quem não está em um relacionamento. neste mês, o desejo por um vínculo repleto de companheirismo e segurança emocional e material será considerável.

Todavia, por mais que esteja num clima romântico, os dois pés estarão firmes no chão. Possivelmente, você só entrará num vínculo se realmente perceber que o mesmo pode durar, ser estável a longo prazo.

Caso haja essas condições, você poderá começar a edificar as bases de um vínculo em novembro.

Para quem tem um compromisso: alguns conflitos e embates de vontade poderão ser marcantes entre você e seu par neste mês.

Divergências, especialmente quanto ao modo de lidar com o dinheiro, de cuidar da saúde e de lidarem com as questões familiares, poderão demandar uma dose extra de diplomacia e senso de justiça, a fim de apararem as arestas e criarem um nível mais maduro na união de vocês.

ANO PESSOAL 5 – TRIMESTRE PESSOAL 9 – MÊS PESSOAL 7

Para quem não está em um relacionamento: eis um mês excelente para refletir sobre sua vida emocional e alguma história de amor do passado.

Extrair desse balanço afetivo lições importantes, especialmente a respeito de certos hábitos e medos que não quer mais leva-los para uma nova relação.

Por isso, no amor em novembro, talvez você não esteja com receptividade para se envolver com alguém. Até porque estará provavelmente dedicando-se bastante a algum estudo, viagem, terapia e curso.

Para quem tem um compromisso: neste mês, você precisará ter mais tempo para si, seja estudando, refletindo sobre seu passado ou simplesmente para fazer um curso, pesquisa ou balanço existencial.

Aproveite esses momentos de mais retiro, devidamente comunicados à pessoa parceira, a fim de não se distanciar emocionalmente e esfriar a relação por conta da não verbalização desse seu desejo introspectivo.

Será importante perceber o que não se sustenta mais no dia-a-dia da convivência entre vocês, a fim de mudar seu comportamento e propor mudanças que farão a relação renascer com mais profundidade e propósito.

ANO PESSOAL 6 – TRIMESTRE PESSOAL 1 – MÊS PESSOAL 8

Para quem não está em um relacionamento: se você estava precisando de coragem para tomar a iniciativa de conquistar alguém e começar um relacionamento, o momento mais apropriado deste ano chegou.

O dinamismo e a assertividade dos Números 8 e 1 estão aí ao seu dispor para iniciar uma nova história de amor. Se bobear, pode até mesmo ser com alguém com quem se relacionou. Porque a simbologia do 8 costuma apontar o reencontro.

Para quem tem um compromisso: neste mês, dê uma atenção redobrada a uma atitude que pode ser muito “pilhada” de sua parte dentro do relacionamento.

Você poderá se perceber com mais impaciência, agressividade e impondo a sua vontade de um jeito muito ditatorial. Consequentemente, isso poderá deflagrar conflitos acirrados com a pessoa parceira.

Tente liberar essa energia efervescente em atividades físicas e ao se dedicar a algum projeto ou desafio profissional. Tente propor ideias práticas a serem implementadas em seu relacionamento, a fim de colocar seu relacionamento num nível maior de união.

ANO PESSOAL 7 – TRIMESTRE PESSOAL 2 – MÊS PESSOAL 9

Para quem não está em um relacionamento: este é um período que, diante da possibilidade de se envolver com alguém, os medos da intimidade, de se entregar e sofrer uma rejeição ou traição virão à tona.

Mesmo se não houver essa oportunidade, você poderá estar relembrando alguma relação passada. Aproveite para refletir profundamente sobre os hábitos, crenças e atitudes sabotadoras do amor.

E, quando começar uma nova história, deixar tudo isso no passado, desapegando-se de pessoas ou comportamentos que não foram satisfatórios dentro de um relacionamento.

Para quem tem um compromisso: neste mês, você poderá doar-se mais ao seu par. Algum sacrifício pessoal será demandado de você, a fim de oferecer conselhos e seu apoio emocional à pessoa parceira.

Talvez quem precisará desse amparo será você. O importante, em novembro, é melhorar sua maneira de dar e receber afeto, nem se doando em excesso, com dificuldades de dizer não, nem se trancar emocionalmente por perceber com mais medos de perder a pessoa amada.

Compartilhar o que você está sentindo e dar vazão ao seu romantismo poderá criar um novo nível de intimidade e cumplicidade em seu relacionamento.

ANO PESSOAL 8 – TRIMESTRE PESSOAL 3 – MÊS PESSOAL 1

Para quem não está em um relacionamento: eis um excelente período para você iniciar um relacionamento. Porque tem a coragem e iniciativa do 1, o romantismo e desejo de se relacionar do 3; e a a capacidade de concretização do 8.

Sendo assim, se quer tomar a decisão de conquistar alguém e começar uma relação, aproveite!

Para quem tem um compromisso: em novembro, você poderá ter a iniciativa de propor ideias para que a sua relação amorosa tenha mais diversão e prazer, inclusive sexual.

É um período para iniciar uma fase de mais estímulo e trocas de ideias com seu par. Apenas tenha uma atenção maior para não impor seus pensamentos.

Como o 1 e o 3 simbolizam fertilidade e o universo infantil está em destaque num ciclo como esse, engravidar ou adotar podem acontecer. Ou simplesmente conviverem mais com alguma criança da família.

ANO PESSOAL 9 – TRIMESTRE PESSOAL 4 – MÊS PESSOAL 2

Para quem não está em um relacionamento: eis um período muito favorável para iniciar um relacionamento afetivo. Porque tanto o 2 quanto o 4 apontam para uma tendência a querer estar em boa companhia.

Junta com o romantismo tanto do 2 quanto do 9, pronto, eis um ciclo apropriado para se unir a alguém e desfrutar de um companheirismo satisfatório em novembro.

Mas apenas se você perceber que o outro lhe transmite segurança, tanto emocional quanto prática. Daí você poderá se soltar gradualmente e envolver-se emocionalmente com essa pessoa.

Para quem tem um compromisso: novembro aponta para uma fase de muitos ajustes entre você e seu par. Alguma divergência ou conflito poderão acontecer, assim como demandar muita diplomacia, ponderação e compreensão.

Entender os valores e a perspectiva da pessoa parceira e, ao mesmo tempo, expor o que gosta e o que não gosta, o que quer e o que não quer mais na convivência de vocês.

Daí vocês poderão sair de uma fase insatisfatória e começarem um novo ciclo, num nível de união mais estreito e cativante.

Olá, essa matéria foi útil para você?
Yub Miranda

Yub Miranda

Yubertson Miranda é numerólogo, astrólogo e tarólogo e é graduado em Filosofia. Ama encontrar significado nos eventos do dia a dia. É autor das análises numerológicas do Personare. Saiba mais