Carregando pagina

Amor > Relacionamento

Você é responsável por sua vida amorosa

Compreenda as verdadeiras raízes de seus conflitos nos relacionamentos

 

Muitas vezes, quando um relacionamento não está dando certo, temos a tendência a acreditar no "azar", no destino ou mesmo culpar as circunstâncias, as pessoas e até a cara metade pelas dificuldades que enfrentamos na relação. Vemos nosso esforço e dedicação, nossa vontade de fazer dar certo, mas mesmo assim as coisas desandam, as brigas acontecem e ainda que você se dê bem com a pessoa, o que você recebe dela não é exatamente aquilo que gostaria.

Pode ser, por exemplo, que você sonhe em ter ao seu lado uma pessoa mais romântica, enérgica, tranquila, econômica ou aventureira. Porém, como você não vê isso no dia-a-dia, acaba não conseguindo ser plenamente feliz e ainda acaba culpando o outro pela sua insatisfação.

E se eu lhe disser que você também tem responsabilidade pelo fato desta pessoa e deste relacionamento não serem o melhor que poderiam ser? Que tudo aquilo que você plantou no passado em forma de crenças, sentimentos e ações criaram a realidade na qual você habita agora?

É neste momento que entra a lei universal de ação e reação, tão conhecida por todos nós. Aquela mesmo que aprendemos nas nossas aulas de física ou em algumas brincadeiras. Afinal, quem esperou que uma bola jogada na parede não voltasse na mesma direção de onde veio? Porém, obviedades como essa se perdem quando o assunto é relacionamento, pois geralmente não conseguimos relacionar nossas ações com as reações que recebemos. É claro que a vida é bem mais complexa que um simples jogo de bola. Porém, com algum treino você pode começar a compreender as verdadeiras raízes de sua vida amorosa atual.

Melhore a vida amorosa

A Lei de Causa e Efeito, sobre a qual falamos hoje, diz que toda ação é força criadora. Como nada se perde no universo, todo sentimento ou pensamento que você possui irá desencadear acontecimentos ou mesmo materializar coisas que estejam vibrando na mesma sintonia. Por exemplo, se você vive repetindo que "os homens não prestam", está criando, sem perceber, uma realidade individual na qual os homens que fazem parte do seu cotidiano ou que se relacionam com você são todos imprestáveis.

É óbvio que existem homens maravilhosos ao seu redor, mas você não os enxerga, eles simplesmente desaparecem aos seus olhos, como se não existissem. Isso acontece porque você criou este pensamento, esta crença e parou de emitir a mesma energia que eles.

Por isso, se você ainda não tem o que deseja no amor, revise seu passado, suas crenças, pensamentos e sentimentos. Será que você queria mesmo uma pessoa romântica ao seu lado? Muita gente pode se cansar quando o outro é gentil ou presente demais. Se você sempre quis alguém sério e misterioso, com certeza ele não será romântico, nem irá revelar seus sentimentos e falar que lhe ama o tempo todo!

Com humildade e desapego é possível abandonar crenças que você vem carregando há muitos anos, mas que não funcionam. Afinal, querer casar e ter filhos não combina com o perfil de uma pessoa que preza a liberdade a qualquer custo, não é mesmo? Então desejar se relacionar com uma pessoa assim, por exemplo, é o mesmo que criar gratuitamente um conflito, do qual depois você terá dificuldade em sair.

Quer uma dica? Observe quem é a pessoa amada e o que ela oferece ao relacionamento. Isso pode revelar muito sobre você e as escolhas que têm feito. Depois, repita todos os dias: "eu sou feliz no amor". Se estiver com a pessoa certa, vocês se tornarão melhores a cada dia. Se não for a relação ideal, pelo menos você terá força e clareza para terminar e se abrir a quem está na mesma sintonia, e que não é apenas reflexo de crenças erradas que você mantinha.

Nos próximos artigos, continuaremos abordando maneiras de melhorar a vida afetiva, por meio das "7 leis do amor". Além da Lei de Causa e Efeito, nos aprofundaremos nestas outras temáticas:

  • Lei do Retorno
  • Lei Semelhante atrai semelhante
  • Lei do Silêncio
  • Lei da Projeção
  • Lei da Doação
  • Lei do Distanciamento

Conheça o livro Para que o Amor Aconteça e entenda como determinadas atitudes influenciam sua vida amorosa.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Vanessa Mazza

Graduada em Comunicação Multimídia pela UMESP, é taróloga há mais de 15 anos. Estuda as abordagens desta prática, com o fim de decifrar a complexidade humana, abrangendo em suas consultas temas como feng shui, i ching, astrologia e numerologia. Saiba mais »

contato: vanne.furquim@gmail.com
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS

Holis é uma empresa do Grupo Personare