Giane Portal
Por Giane PortalLeia em 5 min.30/06/2017 

Tarot e Erotismo

Arcanos podem trazer sugestões para diversificar a sua prática sexual.

Arcanos podem trazer sugestões para diversificar a sua prática sexual.

Tarot e Erotismo

Que tal utilizar o Tarot como inspiração erótica? Afinal, por ser um conjunto simbólico completo, o oráculo também pode ser relacionado à sexualidade. De uma forma mais literal, existem diversos baralhos com ilustrações eróticas. O “Kamasutra Tarot” e o “Manara: Erotic Tarot”, por exemplo, trazem imagens bem sugestivas em suas cartas. Entretanto, podemos buscar alusões ao universo sexual mesmo nas representações mais tradicionais.

Neste artigo estão algumas dicas sobre o que cada um dos Arcanos Maiores pode sugerir dentro do universo do erotismo. Você pode sortear uma carta como sugestão para o sexo, em uma ocasião específica. Depois disso, é só ler no slideshow abaixo seu significado. Você não precisa dominar a arte da leitura oracular para usufruir desses recursos, basta olhar para as cartas e deixar a imaginação fluir. Outra opção de jogo pode ser você mentalizar as seguintes perguntas: “Qual é a minha persona sexual no momento?”, “Qual a persona sexual do meu parceiro?”, “O que podemos tentar juntos?”.

Explorar novas possibilidades, além de ser divertido, pode lhe ajudar a viver a experiência sexual de forma mais plena, trazendo novos elementos à prática. Mas vale lembrar que para que seja bacana, você e a pessoa parceira precisam estar de acordo e se sentirem à vontade para experimentar. Vocês não precisam, é claro, explorar literalmente os significados das cartas conforme foi sugerido, e sim adaptar as práticas ao seu nível de interesse e conforto.

Clique no slideshow abaixo e confira o que os Arcanos Maiores sugerem no universo do erotismo.

SEU TAROT E O AMOR

+ Quer saber as principais previsões para sua vida afetiva? Jogue aqui uma versão mini gratuita do Tarot e o Amor e decida os seus rumos nesta área da vida.

Giane Portal

Giane Portal

Estuda Astrologia e Tarot há 16 anos e desde 2006 ministra cursos e palestras. Foi diretora social da Central Nacional de Astrologia e atualmente faz parte do Conselho Deliberativo desta organização.