PUBLICIDADE

Você > Autoconhecimento

Sonhos: equilibrando opostos

Sonhar com situações extremas pede ajustes na maneira de agir

Por: Yubertson Miranda

 

Você já sonhou que tinha um tamanho bem maior do que verdadeiramente possui? Ou o oposto, que encontrava-se num corpo pequenino e as outras pessoas ao redor pareciam gigantes? Já sonhou que brigava com tudo e com todos, com muita raiva? Ou o contrário: permanecia com uma calma acima da média, até mesmo com uma postura muito passiva, enquanto os outros brigavam, estavam agitados e agressivos?

Quando você sonha com uma situação bem extrema pode ser um sinal para prestar atenção se não está agindo do jeito oposto ao do sonho. Porque uma das funções dos sonhos é compensar a atitude consciente. O psiquiatra C. G. Jung já falava da importância compensatória do inconsciente. Ou seja, sonhar é uma forma de equilibrar uma postura exagerada que estamos tendo no dia-a-dia, na atual fase de nossa vida.

Por exemplo: quando uma pessoa está muito passiva e acomodada, tende a sonhar que está brigando, liderando, se impondo, enfim, fazendo e acontecendo. Se a pessoa está se sentindo muito especial, vaidosa, importante e até mesmo com a sensação de que é superior aos outros, ela pode sonhar que tem uma altura menor que as outras pessoas. Ou que está num patamar abaixo ao ocupado pelos outros. Eis a função compensatória em ação.

Sonhos extremos, realidade exagerada

Assim, antes de efetivamente colocar suas habilidades detetivescas para interpretar seu sonho, valerá a pena verificar se a compensação não é a mensagem predominante. Geralmente esse recado dado pelo inconsciente tende a indicar a importância de diminuir o exagero de um comportamento, o qual está sendo expresso regularmente em seu cotidiano.

Claro que essa forma inicial de encarar os sonhos demanda honestidade e humildade. Porque aquele que está se considerando "todo poderoso" em seu universo diário dificilmente quer se ver como um ser humano, passível de erro. E muito menos buscará diminuir seu poder agressivo ou egoísta , por exemplo.Do mesmo modo, aquele que costuma deixar as outras pessoas tomarem as decisões mais importantes no trabalho e em casa não está muito disposto a ter mais iniciativa e coragem para fazer escolhas - e assim assumir as consequências das mesmas.

Então, se você puder incidir esse olhar franco e humilde nas mensagens compensatórias de seus sonhos, terá uma bela oportunidade de equilibrar determinadas atitudes exageradas que vem demonstrando. E evitar os dissabores das mesmas. Além de poder se abrir para mensagens mais profundas e instrutivas de seus sonhos, que vão além da compensação.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Yubertson Miranda

Yubertson Miranda é numerólogo, astrólogo e tarólogo. Formado em Filosofia. Ama encontrar significado nos eventos do dia-a-dia. É autor das análises numerológicas do Personare. Saiba mais »

contato: yubertson-revista@personare.com.br
  • e-mail
  • Imprimir

MATÉRIAS RELACIONADAS

E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS

NEWSLETTER

GRATIS
minimize close
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA A NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS