Carregando pagina

Família > Relações Familiares

Qual percepção você tem sobre sua mãe?

Posição lunar sugere como é relação com figura materna

 

Na Astrologia, o astro que representa nossa relação com a figura materna é a Lua. Ela fala de uma projeção, de um modo como enxergamos nossa mãe. Portanto, a Lua aborda muito mais nossa mãe "interna" do que a figura real de quem nos gerou ou quem nos cria. Isso quer dizer que a Lua pode orientar-nos acerca de que tipo de expectativas, sentimentos e ideias projetamos na imagem de mãe. Por exemplo, alguns acreditam que uma mãe deve ser uma cuidadora que organiza a rotina, não deixando faltar alimentos, dinheiro... Essa pessoa pode sentir, dependendo de algumas características de sua Lua, que sua mãe interna sempre gera carência nesses aspectos. Para outra pessoa, mãe é aquela que escuta e apóia nos momentos de dúvida. Se a Lua dela estiver em mau aspecto com Vênus, por exemplo, haverá sempre uma sensação de não acolhimento.

Por isso, além de analisar o signo da Lua, é preciso também verificar os aspectos e a casa onde ela se encontra no mapa astral. Outro fator importante quando falamos de mãe é analisar a casa da infância, representada pela quarta casa astrológica. Como não é possível fornecer todas essas análises num único artigo, faremos uma descrição resumida no funcionamento da Lua nos signos.

A seguir você poderá conferir alguns elementos para que reflita sobre sua relação com sua mãe, lembrando que a imagem real dessa figura especial vai muito além de suas projeções sobre ela. O que importa nessa reflexão é que você compreenda que está em si mesmo a chave para mudar a percepção sobre sua mãe, dentro de alguns limites, é claro.

Para saber onde e como se encontra sua Lua, veja aqui seu Mapa Astral Mini.

Lua em Áries

Uma Lua em Áries tem uma mãe interna bastante agitada e exigente. Isso quer dizer que a pessoa com essa Lua pode sentir que sua mãe está sempre cheia de atividades e que tem muita iniciativa e opinião, às vezes dominando as discussões de modo meio bruto. Quem tem essa Lua pode achar que a mãe nunca tem tempo para a casa e a família, pois está sempre correndo e fazendo coisas "mais importantes", sentindo uma certa dose de admiração pelas realizações da mãe, mas também uma pitadinha de raiva.

Lua em Touro

Para você que tem Lua em Touro, sua mãe deve ser aquela supermãe, que faz bolo e leva onde você estiver, que ajuda em sua vida financeira, que estimula a produção de artesanatos manuais e está sempre pronta a defender a cria. A Lua em Touro é marca de quem se sente superprotegido nas questões materiais e práticas, mas também pode se sentir invadido por uma mãe muito presente e possessiva, que opina e participa de todas as escolhas e etapas da vida do filho. Aproveitando o lado bom, eis uma forte mãe interna, com quem sempre se pode contar.

Lua em Gêmeos

Já quem tem Lua em Gêmeos geralmente sente que a mãe é uma pessoa que faz muitas atividades ao longo do dia, mas pode ter dificuldade em responder claramente quando lhe perguntam: "o que sua mãe faz?". Isso quer dizer que a pessoa não vê um foco único nas tarefas da mãe e pode senti-la distante emocionalmente, uma vez que podem conversar sobre fatos, notícias, tempo, sobre a crise mundial, mas fica difícil conversar sobre seu sentimento de rejeição, por exemplo. O lado bom é que essa mãe interna é dinâmica, inteligente e pode estimular o crescimento profissional e intelectual, apoiando mudanças.

Lua em Câncer

A Lua em Câncer é marca de quem espera muito de sua própria mãe, e por tal motivo, geralmente pode se decepcionar com as reações emocionalmente exageradas dela. Essa Lua ajuda no sentimento de cuidado, proteção, carinho, mas pode dar a sensação de que estamos sempre sendo invadidos pela nossa mãe, que sabe o que está se passando conosco, mesmo quando não queremos. Para quem tem Lua em Câncer, mentir para a mãe é uma "roubada", pois geralmente é pego em contradição. O lado bom é se sentir amada e protegida, embora não exatamente do modo como se espera.

Lua em Leão

Quem tem Lua em Leão possui uma mãe interna poderosa e confiante, que ajuda a se projetar com força no setor profissional e social. De emoção geralmente mimada, essa pessoa pode reagir mal quando algo lhe falta. Uma das dificuldades encontradas nesse posicionamento é um sabor de que está sempre competindo por espaço com a mãe, como se precisasse o tempo todo provar seu valor em inteligência, beleza, poder... A dica é desenvolver a generosidade, facilitando uma boa resposta do outro lado.

Lua em Virgem

A Lua em Virgem se traduz em uma mãe interna que estimula os estudos e os aprendizados práticos da casa e da vida. Quem tem essa Lua pode sentir que a mãe está sempre atarefada com a casa, tendo uma preocupação excessiva e quase incansável com limpeza e arrumação. Isso impulsiona a pessoa a corresponder a esses padrões exigentes, podendo gerar estresse. Além disso, há uma valorização da discrição do papel da mulher, por isso, a pessoa pode sentir que precisa ser humilde e discreta para ganhar a admiração da mãe.

Lua em Libra

Quem tem a Lua em Libra possui uma mãe interna elegante e aparentemente cordial, que se esforça para agradar e receber bem a todos. Eis uma figura interna que estimula o refinamento, a busca por explorar a sensibilidade, as artes, por ouvir boa música. Entretanto, essa mãe pode ser muito idealizada, dificultando lidar com as próprias imperfeições. Isso quer dizer que para corresponder a uma mãe assim é preciso um esforço redobrado em ser bom moço, o que certamente pode cansar.

Lua em Escorpião

A Lua em Escorpião caracteriza uma mãe interna dominadora, inteligente, intuitiva, manipuladora e possessiva. É difícil esconder algo dessa mãe, que está sempre ali, farejando o que fazemos de errado. Essa mãe doa mas exige, cuida mas cobra, estando sempre em um dos extremos emocionais de grande amor ou de grande cobrança. O estímulo à competitividade nas relações também ocorre. O lado bom é o estímulo à coragem de seguir em frente sem lamentações, renovando as forças.

Lua em Sagitário

A Lua em Sagitário mostra que a pessoa vê a própria mãe como moderna e otimista, como alguém que gosta de ar livre, de liberdade, de boas conversas e boas músicas. Tendo uma figura expansiva e generosa de mãe, pode sentir que lhe faltam limites, expondo-se a situações de perigo com mais frequência que a maior parte das pessoas. As emoções são geralmente enfatizadas pela mãe, por isso a pessoa pode se tornar bastante alegre, um pouco ingênua e instável.

Lua em Capricórnio

Lua em Capricórnio é marca de uma mãe tradicional, que estimula o crescimento de acordo com o que "deve ser feito", ou seja, estudar, construir uma carreira, casar, agir corretamente, manter-se financeiramente... Essa Lua pode indicar falta de espontaneidade e uma postura um pouco racional, na medida em que se preocupa muito com o cumprimento do protocolo e com parecer sempre adequado. As pessoas com essa Lua se sentem cobradas por corresponder a grandes expectativas, tendo medo de rejeição e muitas vezes se sentindo solitárias e abandonadas, como se precisassem cuidar de suas próprias mães. Em geral, saem de casa cedo para não dar e não ter trabalho.

Lua em Aquário

Que tem Lua em Aquário percebe a mãe como inovadora. Geralmente, essa mãe é uma figura que estimula a criatividade, os estudos e as boas conversas, mas é também uma pessoa de quem não se sabe o que esperar. A mãe interna da Lua em Aquário é sociável, tem mente aberta, instigando sempre mudanças e novidades, detestando quem fica parado no tempo. Não obstante, essa mãe é também intelectualmente interessante, incentivando a liberdade dos filhos. Por isso, os filhos de Lua em Aquário geralmente se tornam amigos de suas mães e admiram sua capacidade de estar à frente de seu tempo.

Lua em Peixes

Finalmente, chegamos à Lua em Peixes, marca de uma mãe interna idealizada. Quem tem essa Lua muitas vezes pode sentir que a mãe foi uma sofredora, que aguentou muito da vida, atribuindo à mesma uma qualidade de heroísmo. Essa mãe tende a ser sensível, profunda e mística, e, embora seja carinhosa, precisa ser cuidada pelo filho, como um reconhecimento por tudo o que ela fez. As pessoas com Lua em Peixes desenvolvem um sentimento muito amoroso e cuidadoso pelos outros, especialmente pelos que sofrem. Sonhadores, podem viver paixões divididas entre um amor possível e um amor idealizado.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Clarissa De Franco

É psicóloga e cientista da religião. Atua na temática da morte (perdas, luto e suicídio) e no debate entre religião e ciência, passando por temas como ateísmo e Astrologia. Saiba mais »

contato: clarissadefranco@hotmail.com
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS