Carregando pagina

Amor

Previsões numerológicas para o amor em 2018

Ano trará uma escolha a você: se unir com alguém ou separar

 
Imagem: Oziel Gómez (@ozgomz), via Unsplash

A simbologia do Número 2, que regerá 2018, tem tudo a ver com o amor. Na verdade, está explicitamente direcionada à arte de se relacionar. Tudo que é relativo ao dar e receber afeto tem ligação com o simbolismo do Número 2.

Vamos dissecar cada tendência que poderá ser percebida em nossa vida amorosa em 2018.

Laços afetivos tendem a ficar mais estreitos em 2018

O Número 2 espelha bem um laço de união mais estreito entre você e outra pessoa. Haverá uma maior disponibilidade em se relacionar. Quem está sem alguém, poderá se perceber mais carente de afeto e desejando se envolver emocionalmente, com grandes chances de iniciar uma relação. Quem está num relacionamento, ficará mais exigente com o nível de troca com a pessoa parceira. Ou seja, olhará mais atentamente para os mínimos detalhes que ajudam ou atrapalham a relação, para que esta fique mais satisfatória.

Por isso, o Número 2 pede receptividade para estar numa relação e o estreitamento do vínculo com a pessoa parceira por meio da harmonização e resolução do que há de discordante entre você e seu par. Essa será uma demanda constante em 2018.

E como estes ajustes para harmonizar e estreitar os laços afetivos merecem ser feitos, de acordo com a simbologia do Número 2? Por meio da diplomacia, do diálogo carinhoso. Saber ouvir o outro e falar de um jeito que o outro lhe ouça. Ambos entenderem os valores, gostos e desejos de cada qual. E as pessoas envolvidas estarem dispostas a ceder cada uma um pouco para colocar o nível de união e companheirismo num nível mais satisfatório para ambas as partes.

+ Descubra as 3 maiores forças que enfraquecem relacionamentos

Ano de aceitar e superar experiências passadas

O simbolismo do Número 2 é muito associado às memórias. Isto significa que, em 2018, você precisará digerir aquilo que foi vivido no passado. Em vez de ficar apegado a alguém com quem se relacionou, a uma frustração amorosa ou a um vínculo que foi muito nutritivo, use as lembranças e os sentimentos revividos como um trampolim para a maturidade emocional.

Não consegue esquecer um ex amor?

Não consegue esquecer um ex amor?
Apego ao passado pode prejudicar sua vida amorosa

Em outras palavras, reflita muito sobre o que foi bom e o que foi ruim na sua troca afetiva com alguém ou em seus últimos relacionamentos. Traga esse aprendizado para o presente, no sentido de aprender quais são as atitudes mais maduras emocionalmente que merecem ser expressas e vividas na atual relação ou numa próxima aliança amorosa.

Claro que, justamente por esse foco no passado, alguma pessoa com quem se relacionou ou se interessou poderá reaparecer. Não apenas em sua memória, mas marcando presença física em sua vida. Aproveite esta oportunidade para enxergar com clareza o que merece ser mantido em termos comportamentais no dar e receber afeto, e o que não serve mais para uma relação futura nutritiva.

Medo do conflito com o outro pode gerar reações agressivas

Outra tendência muito forte no simbolismo do Número 2 é um receio grande dos atritos. Confunde-se entendimento com aceitação passiva e pacata do que o outro quer, apenas para não desagradá-lo ou não correr o risco de ficar sozinho. Existe a tendência de sentir um desconforto grande diante dos conflitos e divergências, preferindo muitas vezes se calar, "engolir sapos" e não expor seus desejos para não se desentender com o outro."Existe a tendência de sentir um desconforto grande diante dos conflitos e divergências, preferindo muitas vezes se calar, "engolir sapos" e não expor seus desejos para não se desentender com o outro."

Todavia, a atitude de ficar quieto e guardar para si o que não está lhe satisfazendo no relacionamento é justamente o que vai provocar desentendimentos com a pessoa parceira. Porque muita mágoa é guardada nessa submissão e recolhimento, nessa postura de esconder o que gosta e o que desagrada, o que acha justo e o que acha injusto. Enfim, a panela de pressão vai ferver internamente e uma hora pode explodir. A explosão emocional do Número 2 é como se a pessoa agisse durante muito tempo como o personagem David Banner e virasse o incrível Hulk de repente, por não suportar mais se reprimir, se recolher, acatar passivamente os gostos e os desejos do outro.

Quando reconhecer que o melhor caminho é chamar a pessoa parceira para o diálogo assim que algo incomodar, machucar ou violentar sua vontade, você evitará esses episódios de reatividade emocional agressiva. Deixará de jogar na cara do outro - de um modo virulento - tudo aquilo que poderia ter saído de forma mais educada, carinhosa e madura, caso tivesse dialogado quando se sentiu ferido, invadido, abusado ou chateado com o seu par.

Encare as divergências e os conflitos como oportunidades de conhecer melhor o nível de compreensão e maturidade da pessoa parceira, bem como de colocar a relação numa base mais justa, unida e repleta de companheirismo. Assim, você não fugirá do incômodo e do desconforto dessas arestas e conseguirá apará-las de mãos dadas com quem se relaciona.

+ Como ser mais feliz no amor?

+ Liberdade para viver o amor do seu jeito

Uma escolha a fazer: união ou separação?

Por toda essa dinâmica comportamental associada à simbologia do Número 2, teremos em 2018 um aumento da taxa de divórcios e de casamentos. Basta notar na nossa vida quando vivemos um Ano, Trimestre ou Mês Pessoal simbolizado por este Número. São nessas fases que mais nos separamos e, ao mesmo tempo, mais amamos. Tudo dependerá da nossa atitude perante o que precisará ser ajustado em nosso relacionamento. E, claro, da disponibilidade do outro em também querer se entender.

É possível resgatar uma relação infeliz?

É possível resgatar uma relação infeliz?
Reflita se é hora de salvar ou terminar seu relacionamento

Se mesmo com os diálogos, os acordos e a tentativa de cada qual ceder um pouco, não houver um ajuste e uma intimidade mais nutritiva e satisfatória ao lado de quem você está, o caminho talvez seja o rompimento. Mas a separação não precisa ser brusca, vingativa, cheia de mágoas. Através das próprias armas estratégicas da diplomacia que o Número 2 representa, qualquer eventual separação também será feita num clima de respeito, justiça e carinho às lembranças do que houve de bom no vínculo de vocês.

Obviamente que, se você e seu par fizerem um pacto para aprimorar a maneira de se relacionarem e conviverem no dia a dia, especialmente os detalhes incômodos no jeito de ser do outro, as chances para criarem um novo nível de troca afetiva mais satisfatória e íntima entre vocês são maiores. Assim, poderá viver uma relação realmente prazerosa ao lado de quem você ama e que também te ama.

+ SOBRE NUMEROLOGIA E AMOR

Quais são seus maiores medos e barreiras no

amor?

O que seu Ano Pessoal revela para o amor?
Combinação da numerologia do casal

Numerologia revela qual tipo de pessoa você

atrai

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Yubertson Miranda

Yubertson Miranda é numerólogo, astrólogo e tarólogo e é graduado em Filosofia. Ama encontrar significado nos eventos do dia a dia. É autor das análises numerológicas do Personare. Saiba mais »

contato: yubertson-revista@personare.com.br
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS