Carregando pagina

Carreira e Dinheiro > Vida Profissional

Não aguenta mais seu trabalho e deseja mudar?

Dicas de Coaching Generativo para se recolocar na profissão ou descobrir nova carreira

Por: Margarete Soares

 
Imagem: Bethany Legg (@bkontynski), via Unsplash

Embora a atual crise política e financeira seja motivo de reestruturações e desligamentos no Brasil, é a insatisfação na área de atuação, empresa ou cargo atual a principal causa de mudanças na carreira por parte dos profissionais. Eles desejam, acima de tudo, qualidade de vida, bem-estar e equilíbrio entre vida profissional e pessoal. Ok, vamos combinar que isso não é tarefa fácil para quem pretende ter, ao mesmo tempo, estabilidade profissional, crescimento na carreira e um bom salário. O fato é que, embora esse desejo esteja no imaginário de boa parte dos profissionais, a coragem para abrir mão do que já não agrada - mas pelo menos é "certo" - e partir em busca de um lugar que ofereça razoavelmente o que desejam, acaba sendo bloqueada pela insegurança em começar do zero."a coragem para abrir mão do que já não agrada - mas pelo menos é "certo" - e partir em busca de um lugar que ofereça razoavelmente o que desejam, acaba sendo bloqueada pela insegurança em começar do zero."

Também há casos nos quais o profissional não percebe seus talentos (ora, todos nós somos talentosos em alguma coisa) e nem os diferenciais que possui, pois estes podem estar inconscientemente camuflados.

O mercado de trabalho estimula a todo momento a competição, o "prove ser capaz" e isso muitas vezes acaba gerando a inércia e a entrada na zona de conforto por parte das pessoas, que costumam pensar: "tenho medo, pois não possuo tanto talento assim para me arriscar em outro lugar", "não me sinto seguro para fazer esse movimento", "acho que posso me arrepender, é melhor ficar aqui", "meu salário aqui é seguro e tenho contas para pagar".

Você se identificou com essa situação? Veja abaixo como o Coaching Generativo ajuda o profissional a se fortalecer e a se conhecer melhor para ser a melhor versão de si mesmo.

Estou insatisfeito no trabalho atual e quero mudar, mas não sei como conseguir uma recolocação

Como coach generativo e também consultora de carreira (trabalhei mais de 15 anos como consultora de RH em empresas multinacionais e hoje faço consultoria online), posso afirmar que só há uma maneira de mudar esse cenário. Quer saber a resposta? Querendo de verdade!

Infelicidade no trabalho tem relação com propósito de vida

Infelicidade no trabalho tem relação com propósito de vida
Coach em carreira ensina como descobrir sua missão e ser mais realizado

Isto pode parecer óbvio, mas não é. Costumo fazer um exercício com meus clientes quando a temática é essa. Pergunto a eles: "em uma escala de 0 a 10, o quanto você quer mesmo mudar a situação?". Muitas vezes a resposta é 5, 6... Ou seja, não é tão forte assim. Outras vezes o cliente responde 8 ou 9, mas com um olhar perdido, mostrando que nem ele sabe ao certo se quer tanto assim também.

Então, só muda quem quer de verdade e está disposto a olhar para dentro de si o que precisa ser trabalhado. Pode ser algum trauma que até hoje bloqueia a coragem, ou um velho padrão de comportamento familiar, como por exemplo: "sou advogado, assim como todos na minha família. Por isso, não tenho coragem de quebrar essa tradição". Enfim, são muitos os motivos. E só parte para a recolocação, ou seja, para uma mudança concreta e externa, quem na verdade está disposto a fazer uma transformação e faxina interna.

Além disso, é importante que você:

Além disso, é importante que você:

- Descubra ou desenterre sonhos antigos e metas deixadas de lado. Como? Reserve um momento em que esteja sozinho e não seja interrompido. Sente-se confortavelmente, feche os olhos e conecte-se com sua respiração por alguns minutos. Depois, ouça o áudio abaixo:

Além disso, é importante que você:

- Depois, estruture um plano de ação em busca do seu objetivo, mas sempre partindo do ponto do que quer de verdade para si, e não para agradar ninguém (cônjuge, família, amigos, manter o "status quo", etc).

+ Planeje suas metas com 4 perguntas

Além disso, é importante que você:

- Quando fizer isso, avance no plano de ação, como: acionar sua rede de contatos e mídias sociais em favor da recolocação. O LinkedIn é uma ferramenta poderosa na busca por uma oportunidade de trabalho, mas esta não é sua única utilidade. Também é possível publicar gratuitamente textos de própria autoria, fazer parte de fóruns de debate, trocar ideias, se informar sobre o que acontece nos diferentes segmentos e empresas... Aliás, essa é uma excelente maneira de fazer o processo de marketing pessoal para o mercado de trabalho, ou seja, mostrar-se ativo nas mídias sociais através de contribuições como essas expostas acima, e não apenas fazendo spam do currículo (isso não funciona!), simular entrevistas, entre outras. Além disso, é fundamental dedicar algumas horas por semana para o propósito desejado.

É um movimento de esforço intenso, porém eficaz!

E aí vem a pergunta: mas mudar num momento de crise?

Cá entre nós, há quantos anos vivemos uma crise no Brasil? E qual é a expectativa para que ela acabe? E mais: quando o país está bem economicamente, não necessariamente sua vida financeira acompanha o momento de progresso, já reparou?

A questão é: o melhor momento para mudar é aquele que faz sentido para você! Quanto mais estivermos certos do que queremos e do que faz nossos olhos brilharem, mais nos sentiremos seguros e preparados para a mudança, independente do contexto.

Exercício para quem ainda não sabe qual ocupação seguir

E para quem está começando uma nova carreira, investindo em uma nova ocupação ou entrando no mercado de trabalho, mas ainda não sabe bem o que pode ou gostaria de fazer, sempre recomendo o seguinte exercício:

Exercício para quem ainda não sabe qual ocupação seguir

1 - Numa folha em branco, descreva suas habilidades versus as atividades com as quais obtém satisfação e enxerga propósito, até ter uma ideia de possíveis áreas de atuação para você.

+ Aprenda a descobrir seus talentos

Exercício para quem ainda não sabe qual ocupação seguir

2 - Veja bem, é importante encontrar propósito nas atividades e não apenas ganhar dinheiro. São coisas diferentes e fazem toda a diferença na identificação de uma área de atuação. Se está dividido entre duas áreas distintas, pode fazer o mesmo exercício, mas separando o que o agrada tanto em uma área quanto na outra. A ideia é que o indivíduo perceba onde quer colocar energia, onde sente mais satisfação e congruência consigo mesmo.

+ Você já descobriu seu propósito de vida?

Exercício para quem ainda não sabe qual ocupação seguir

3 - Durante a sessão de Coaching Generativo, que seria uma forma avançada desse exercício, conduzo o cliente a entrar num estado no qual ele já atua na(s) área(s). Assim, poderá "sentir como se sentiria na nova ocupação", ou seja, já no papel que deseja ter no futuro. Se conseguir, você pode experimentar meditar e se imaginar nessa situação. Novamente, busque um momento onde esteja sozinho e não seja interrompido. Depois, ouça o áudio abaixo:

Exercício para quem ainda não sabe qual ocupação seguir

4 - Uma vez que estejam claras quais são as habilidades que possui e qual é seu propósito de vida, dar os passos em busca da primeira oportunidade profissional fica muito mais fácil e assertivo, o que inclui acionar uma rede de contatos, preparar seu perfil para o mercado / área de trabalho (ou seja, o primeiro currículo) e assim por diante.

+ sobre carreira

Como fazer uma mudança de profissão?

Reprograme sua mente para atingir o sucesso

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR
Margarete Soares

Margarete Soares

Coach generativo, psicóloga, consultora de carreira. Promove o empoderamento, resgate da autoestima pessoal e profissional e busca do autoconhecimento. Atendimentos virtuais. Email: contato@connect-coach.com

  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS

Holis é uma empresa do Grupo Personare