PUBLICIDADE

Você > Autoconhecimento

Jeito especial de ser mulher

Especialistas da Revista contam porque são mulheres únicas. E você?

Por: Equipe Personare

 

Sabe aquela especialista da Revista que escreve os artigos com os quais você se identifica tanto? Embora provavelmente ela tenha algo em comum com você, tem também razões para se considerar uma mulher única e muito especial. Quer descobrir quais são as qualidades das quais ela se orgulha e as imperfeições que busca aceitar? Confira os depoimentos abaixo e se inspire para escrever o seu também. Ao longo de março, em comemoração ao Mês de Mulher, incluiremos aqui declarações sobre o jeito de ser mulher de nossas leitoras. Você pode participar incluindo um post sobre o tema em seu blog, na nossa comunidade no Orkut ( http://www.orkut.com.br/Main #CommMsgs?cmm=126056&tid=5444356607079144929) ou lá no Facebook ( http://www.facebook.com/pages/Personare/102612499944?ref=ts). Os testemunhos selecionados por nossa equipe serão publicados numa nova matéria, no dia 29/03. E então, o que faz de você uma mulher sem igual?

Adoro a simplicidade de ser naturalmente mulher, e uma mulher do século 21. Olhar no espelho e poder dizer: "Eu sou o máximo porque choro quando estou triste, rio quando estou feliz, xingo quando estou brava, arregaço as mangas e boto a mão na massa na hora de decidir, faço dengo, seduzo, me entusiasmo, fico insegura, perco o rebolado quando dou um fora, me visto fora da moda, adoro besteirol, amo minha profissão, gosto de chegar em casa, tenho um prazer imenso em papear e aprender com meu filho..." Por tudo isso sou especial como tantas mulheres, e sou única porque sou a Celia! Uma das melhores coisas que aconteceu comigo foi ter deixado de ser modesta, e assim poder reconhecer as minhas virtudes e também minhas imperfeições: sem elas eu não seria eu!Celia Lima, psicoterapeuta

Meu jeito de ser mulher é meu, único, diferente. Não me identifico com piadas sobre compras, cartões de crédito ou vaidade. Não faço qualquer coisa por uma maquiagem ou um sapato. Mas tenho também algo em comum com todas mulheres, que me faz sentir parte deste grupo maravilhoso: protejo minhas crias, filhos ou ideias. E sou muitas, como a maioria absoluta de nós são filhas, mães, esposas, namoradas, companheiras, amigas, tias, profissionais, donas de casa, colaboradoras, voluntárias... Em casa são médicas, psicólogas, faxineiras, nutricionistas, secretárias, massagistas de sua família sem precisar de curso nenhum. São as que preservam, observam, cuidam, educam, constroem e melhoram o mundo diariamente.Kátia de Arantes Leite, naturóloga

Eu sempre sou mulher quando me apaixono por tudo aquilo que é vivo e sinto esta enorme vontade de cuidar, aninhar, ver crescer e dar frutos. Sou mulher quando me preocupo com o bem-estar alheio e penso em mil maneiras de trazer sorrisos e curar dores. Sou muito mulher quando quero a tudo embelezar, cuidando dos mínimos detalhes, levando harmonia e alegria, onde existe apenas a cinza seriedade masculina. Sou mais mulher ainda quando concilio com a palavra, ao invés da força e busco a cooperação ao invés da competição. Enfim, sou mulher quando deixo que o divino invada meu dia a dia, possibilitando que outros possam dessa energia, absorver.Vanessa Mazza, taróloga

Sou libriana com ascendente em sagitário, amo a liberdade, o belo, a natureza. Não vivo sem praia, adoro caminhar, amo a humanidade. Crio minhas metas, aponto a minha flecha e chego onde quero. Às vezes ao chegar não gosto e reinicio a caminhada, faz parte do caminho, mas no geral tudo que construo é sólido. Professora de coração e por profissão, ensino, compartilho conhecimento. Conhecimento e educação são as maiores riquezas que posso dar. Sou exigente e as vezes até um pouco dura com meus alunos, para que eles descubram que podem ir além. Sou filha, irmã, tia, dona de casa. Um dia ponderada, em alguns momentos estressada, um dia fui esposa, um dia namorada, outro dia amante e todos os dias, na roda da vida, simplesmente mulher.Rosine Mello, professora de Yoga

Ninguém melhor que meus amores para falar de mim. Eles disseram que eu sou tranquila, mas pareço brava. Que tenho uma personalidade forte e reservada, que sou sempre fiel aos meus princípios. Quando perguntei para minha filha ela disse que não tem palavras para me descrever como mãe ou mulher, pois não sou nem uma característica e nem o seu oposto, sou sempre as duas. Doce e dura, palhaça e séria ... Seria isso bom ou ruim? Com certeza isso me faz ser única. Eu diria que sou uma mulher intensa, que amo muito tudo. Eu sou o que sou! Regina Restelli, terapeuta energética

Mil facetas da Simone. Não, não são tantas facetas assim, mas a cada uma delas sou inteira. Quando sou a mãe Simone, sou por inteiro. Quando sou a terapeuta, a amiga, a irmã, a professora, idem. Em cada uma sou inteira, dedicada e um pouco diferente da outra, mas na essência todas elas são uma. Por isso sou única, como todas nós mulheres, únicas e especiais.Simone Kobayashi, terapeuta holística

Meu jeito de ser mulher é estar motivada, com energia e garra. Faço tudo ao mesmo tempo e, às vezes, percebo que faltam horas no meu dia para conseguir fazer tudo que eu planejei. No início de cada dia busco a motivação de prosperar, seja no trabalho, nos relacionamentos, no meu autoconhecimento. Sigo minha intuição e procuro fazer tudo com equilíbrio e discernimento. E todas as noites faço um balanço de quanto o meu dia foi produtivo. Solange Lima, terapeuta holística

O meu jeito de ser mulher é simplesmente o jeito Thaise de ser. Procuro ao máximo expressar o melhor que nasce dentro de mim e ser eu mesma sem seguir um padrão externo, mas o padrão que segue a minha própria experiência de vida e intuição. Reverencio o sagrado feminino todos os dias, orando, meditando e colocando o Yoga em prática. Como mulher respeito cada ciclo que vivencio. Gosto de embelezar e nutrir meu corpo, mas principalmente a minha alma seguindo a fluidez da natureza e os ciclos da Lua. Assim, sinto que incorporo cada vez mais quem eu sou.São várias facetas que fazem parte do meu ser: guerreira, destemida, tímida, extrovertida, introspectiva, alegre, sensível e, neste momento, mãe amorosa.Ultimamente vivencio o meu jeito de ser mulher sendo mãe plenamente, me doando incondicionalmente ao meu filho. E escuto minha intuição e deixo o instinto feminino e puro tomar conta de mim. Assim encontro meu equilíbrio.Thaise Titon, professora de Yoga

Sou uma mulher que vive as mil facetas do cotidiano com disciplina, alegria e entusiasmo. Sei que é fundamental cuidar do meu bem-estar equilibrando o corpo, a mente e a alma para me sentir feliz e melhor fazer o meu trabalho. Acima de tudo, não esqueço de buscar a harmonia dentro e fora de mim. Com isso, demonstro meu lado feminino e vaidoso.Bruna Rafaele, terapeuta metafísica

Meu jeito de ser mulher é respeitar e ouvir a mãe Terra. É me inspirar e seguir a mãe Maria. É ser coração e razão. Agir de acordo com minha consciência. Não me calar com injustiças. Ser diplomata quando posso ajudar a resolver situações difíceis. Ser filha, esposa, mãe, tia, amiga, trabalhadora e cidadã. Amar sempre a tudo que faz e as pessoas. Mas meu equilíbrio é o principal, independente de qualquer pessoa. O que busco é a luz e a evolução. Amo ser mulher!Nydia Monteiro, musicoterapeuta

Mulher multitarefas, positiva, sonhadora, alegre e incansável. Mãe, filha, amiga, profissional, estudante, blogueira...Me apaixono e me entrego em cada projeto, cada consultoria, cada texto.Quando o assunto é meu filho, a magia não tem limite...Geminiana que sou, me torno criança e entro nos sonhos imaginativos e criativos do meu pequeno pisciano! Cris Ventura, consultora de Feng Shui

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Equipe Personare

Nós, da equipe Personare, também estamos em um processo constante de conhecimento sobre nós mesmos, sobre o mundo e sobre as relações humanas. Saiba mais »

contato: conteudo@personare.com.br
  • e-mail
  • Imprimir

MATÉRIAS RELACIONADAS

E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS

NEWSLETTER

GRATIS
minimize close
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA A NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS