Carregando pagina

Diversão > Vida Social

Histórias marcantes de amizade

Depoimentos mostram valor dos verdadeiros amigos

 
Imagem: Stock Up

A amizade sincera é um tipo de amor que independe de laços de sangue, classe social ou econômica. Um amigo verdadeiro é aquele que está ao seu lado para superar os maiores desafios e, principalmente, apoiar você a ir mais longe.

Em homenagem ao Dia do Amigo, celebrado em 20 de julho, reunimos dois depoimentos de pessoas que tiveram a chance de saber o que é ter alguém tão importante ao seu lado. Priscila, que escreve para o Aventuras Maternas, conta que sua amizade com Samantha é tão profunda, que viveram experiências semelhantes ao mesmo tempo. Além disso, ela reflete sobre as lições que aprendeu em um dos momentos mais desafiadores que a amiga viveu.

Já Deise, autora do Viagem pelo Mundo, fala sobre como uma verdadeira amizade pode começar da forma mais inusitada: durante um sábado chato, em uma loja de livros. Conheça abaixo essas duas histórias e reflita: qual amigo tem um lugar de destaque na sua trajetória?

Priscila, autora do Aventuras Maternas

 
Priscila (esq.) com sua amiga Samantha

Eu e a Samantha começamos nossa história como sócias, nos tornamos amigas e nos deparamos com a maternidade ao mesmo tempo."Eu e a Samantha começamos nossa história como sócias, nos tornamos amigas e nos deparamos com a maternidade ao mesmo tempo."

Imagine duas jornalistas, com uma empresa em franco crescimento, workaholics, assustadas com a missão de ser mães e profissionais em tempo integral. Sabíamos que se uma parasse a outra também teria que parar, pois os bebês tinham praticamente o mesmo tempo de vida!

Pisamos no freio, organizamos a nossa vida e trabalhamos como nunca durante a gravidez. Dizemos que foi o momento mais produtivo de nossa vida profissional! Porque entre enjoos, consultas médicas e exames, contornávamos o tempo e estávamos em mil lugares ao mesmo tempo.

Tivemos o Theo e o Arthur na mesma época e compartilhamos nossas aventuras com os meninos diariamente. A partir daí uma nova fase surgiu, com dúvidas em como agir no dia a dia, como lidar com situações com as quais nem sempre estamos preparadas. Percebemos que muitas regras pré-concebidas caem por terra no momento em que você e seu filho começam a se relacionar. Não existe receita de bolo? Ou melhor, até existe, mas o dia a dia nos prega peças e, às vezes, temos que criar novos caminhos.

Com tudo isso, surgiu uma necessidade nossa de levar para o virtual o que já fazíamos na nossa rotina como mães, reunindo dicas de programação e lazer infantil, viagens, brincadeiras, eventos, festas infantis, comportamento, saúde, psicologia... Enfim, tudo o que uma mãe prática precisa e nem sempre tem tempo de procurar.

Nosso projeto acabou se tornando um pouco mais do que isso. Se transformou em nosso diário de bordo, a oportunidade que temos de desabafar, de encontrar respostas, opções e versões de outras mães que também estão vivenciando algo parecido com o que sentimos.

A Samantha enfrentou um câncer de mama este ano e começou uma terapia hormonal que a está fazendo enfrentar a menopausa muito antes da hora. E isso nos faz repensar nossa vida corrida, urgente e tudo que procrastinamos em relação à vida pessoal. Ela ficou doente, mas eu entendi, em mim também, os efeitos do que passou. Percebi como a vida é muito mais efêmera do que imaginamos, como nossos filhos tiram da gente a posição de vítima e nos transformam em guerreiras praticamente obrigadas a ser fortes e não desistir de lutar, mesmo quando a dor ou o desânimo parecem tomar conta do corpo e da alma. Entendi, ainda, que a amizade que construímos vai além de um compartilhamento profissional e materno.

Somos mães-amigas! Nos respeitamos, nos entendemos, conhecemos nossas neuras, nossas dores, nossos medos. E estamos juntas na alegria, na tristeza, na saúde, na doença, no sucesso ou no fracasso. E é por isso que nos consideramos aventureiras! Porque descobrimos em nossos desafios diários, um motivo para comemorar e agradecer, afinal eles sempre trazem sucesso no final!

Deise, autora do Vigem pelo Mundo

 
Deise (esq.) com a amiga Jacqueline, no show da banda que as uniu

Quero contar para você como eu conheci a minha melhor amiga, Jacqueline. Há exatos 11 anos, em 2005, eu estava muito feliz com a chance de ver a minha banda preferida pela primeira vez no Brasil, o Pearl Jam. A ansiedade era grande e a burocracia de trazer uma banda desse porte para São Paulo também: havia uma intensa negociação sobre onde aconteceriam os shows da banda, pois os moradores que viviam no entorno do Pacaembú não estavam muito felizes com o barulho e o transtorno que um show desse porte iria causar.

E eu segui esperançosa. Sempre que podia, ia até a loja de livros que iria vender os ingressos. Toda vez a mesma coisa: a minha vontade era de conseguir alguma informação em primeira-mão do tão esperado show. Em uma dessas idas, percebi que um DVD da banda estava tocando. Fui até lá. Fiquei alguns minutos assistindo, até que me dou conta de que havia uma outra menina ali também olhando para a TV sem piscar....era a Jacque.

Depois desse dia, combinamos de ir ao show juntas. E nunca mais nos desgrudamos. Já são 10 anos de amizade, 8 shows do Pearl Jam (incluindo um em San Francisco, na Califórnia) e uma amizade que não cabe no meu coração."Já são 10 anos de amizade, 8 shows do Pearl Jam (incluindo um em San Francisco, na Califórnia) e uma amizade que não cabe no meu coração."

Ela é minha irmã, confidente, madrinha do meu casamento e também será a melhor madrinha que o meu futuro filho ou filha terá.

Com ela eu aprendi a lidar com os problemas que aparecem de uma maneira mais leve, pois dificuldades todos temos, o que muda é o modo como as enfrentamos. Ela também me mostra, a cada dia, que podemos ser feliz com muito menos do que achamos. Até porque já temos tudo o que precisamos, é só respirar e olhar para o que conquistamos. Profissão, salário, dinheiro na conta, apartamento e carro do ano: as exigências são infinitas nesse mundo em que vivemos. Mesmo assim, a Jacque consegue ver o ser humano além de todos os rótulos e é isso que eu mais admiro nela.

Agradeço aos céus por ter colocado essa minha amiga em meu caminho, naquele sábado sem graça.

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Equipe Personare

Nós, da equipe Personare, também estamos em um processo constante de conhecimento sobre nós mesmos, sobre o mundo e sobre as relações humanas. Saiba mais »

contato: conteudo@personare.com.br
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS