Carregando pagina

Saúde > Exercício Físico

Exercícios de respiração e Yoga para ansiedade

Respirar não significa apenas colocar ar para dentro do corpo

Por: Paula Gonzalez Prabhadra

 
Imagem: Cedric PG, via Pexels

Quando nascemos, a primeira coisa que fazemos é respirar. Nosso pulmão se enche de ar e o que acontece? Colocamos para fora todo aquele ar novo que entrou com um belo choro... É a primeira nova sensação que experimentamos, ela é inata. Fazemos isso inconscientemente, e durante boa parte da vida - para muitas pessoas, durante toda a vida. Seguimos fazendo isso sem pensar sobre o assunto. Mas a respiração é muito mais do que uma habilidade inata. Quando feita conscientemente, pode transformar nossa maneira de viver e de lidar com nossas emoções.

A correria do dia a dia muitas vezes nos impede de simplesmente parar e respirar corretamente. Quando nos damos conta estamos tão estafados que mal conseguimos lidar com as situações mais simples, como a respiração. E uma boa respiração nos ajuda a controlar essa ansiedade e nos traz de volta para os detalhes do cotidiano que passam despercebidos. Isso significa que se atentamos para a nossa respiração estamos dando um passo muito importante para melhorar todo nosso estilo de vida.

Prana: a energia que flui pelo corpo por meio da respiração

Existem muitas técnicas que nos ensinam a controlar nossa respiração. Na prática do Yoga ela é peça-chave para que possamos encontrar nosso equilíbrio. Para os "yoguis", quando inspiramos não estamos apenas colocando "ar para dentro", mas também inspirando energia. Essa energia cósmica que envolve todos os seres vivos é chamada de Prana.

O Prana flui no nosso corpo através de milhares de canais de energia sutis chamados de "nadis" e pelos centros de energia chamados de "chakras". Com a prática de Yoga aprendemos a controlar e canalizar essa energia para nosso benefício e de outros. Cada postura (ásana) tem seus movimentos sincronizados com a respiração e, quando praticadas corretamente, nos permitem direcionar a energia do Prana para cada um de nossos chakras, promovendo a cura de diversas enfermidades do corpo e doenças psicossomáticas."Cada postura (ásana) tem seus movimentos sincronizados com a respiração e, quando praticadas corretamente, nos permitem direcionar a energia do Prana para cada um de nossos chakras, promovendo a cura de diversas enfermidades do corpo e doenças psicossomáticas."

+ Desvendando o significado dos Chakras

Dentro da filosofia do Yoga existem exercícios para controle da respiração chamados Pranayamas, que visam extrair o máximo de energia vital a cada respiração, levando, assim, esse Prana para cada célula do nosso organismo. Quando o nível de Prana aumenta, naturalmente nossa mente torna-se calma e positiva, mas só conseguimos nos beneficiar dessa energia quando a respiração se torna consciente.

A maioria das pessoas desconhece esses benefícios, pois estão desconectadas de sua própria respiração - por isso suas mentes são agitadas e inquietas. Quando a respiração não é controlada, nossa mente permanece instável, mas quando a controlamos conseguimos deixar nossa mente imóvel e permanecer no momento presente , o que é fundamental para nossa saúde mental.

A prática de Pranayamas mexe com energias sutis, por isso, o aprofundamento de sua prática é indicado apenas com orientação de um/a instrutor/a ou mestre de Yoga apta/o para isso. Porém qualquer pessoa pode iniciar exercícios de respiração básicos para acalmar a mente e, consequentemente, melhorar sua qualidade de vida.

+ Posturas de Yoga para equilibrar Chakras

Diferentes tipos básicos de respiração para acalmar a mente

No áudio abaixo, você aprende quatro exercícios de respiração. Basta dar "play" e experimentar as técnicas.

Caso prefira, você pode ter acesso ao conteúdo do áudio por meio do texto abaixo.

RESPIRAÇÃO INFERIOR (ABDOMINAL)

  • Sente-se ou deite-se. Mantenha a coluna ereta (ombros para trás e para baixo)
  • Inspire (ar para dentro) longa e profundamente pelas narinas, projetando o abdômen para cima; expire (ar para fora) pelas narinas, trazendo o abdômen para dentro, esvaziando totalmente os pulmões.
  • Durante o exercício procure não contrair a barriga, deixando-a relaxada.

RESPIRAÇÃO MÉDIA

  • Leve sua atenção para suas costelas.
  • Coloque as mãos nas costelas para que você perceba seu movimento.
  • Inspire e movimente as costelas como uma sanfona,para cima e para os lados.
  • Expire, tentando perceber as costelas fechando, indo em direção ao centro do seu peito.

RESPIRAÇÃO SUPERIOR

  • As mãos agora se posicionam nas clavículas.
  • Ao inspirar, os ombros se elevam naturalmente.
  • Inspire e movimente as costelas como uma sanfona,para cima e para os lados.
  • Ao expirar os ombros se projetam para baixo naturalmente.

RESPIRAÇÃO COMPLETA

  • Una as três fases da respiração: abdômem, costelas e peito.
  • Inspire estendendo o abdômen para cima, expanda as costelas e infle o peito.
  • Expire fazendo o movimento contrário, iniciando pelo peito, depois costelas e abdômen.

Seguimos com três ásanas básicos para exercitar a respiração:

Seguimos com três ásanas básicos para exercitar a respiração:

PADMÁSANA (POSTURA DE LÓTUS)

Coloque o pé direito sobre a coxa esquerda e o pé esquerdo sobre a coxa direita*. Encoste as mandíbulas e pressione a língua contra o céu da boca.

Seguimos com três ásanas básicos para exercitar a respiração:

Essa postura, que pode ser mantida no tempo que você achar confortável, ajuda a equilibrar a energia sexual, acalma a mente tornando-a alerta e desperta, é a postura indicada para meditação.

Seguimos com três ásanas básicos para exercitar a respiração:

*como a flexibilidade de cada corpo é variável, é importante adaptar essa postura ao seu corpo, entrelaçando suas pernas de maneira confortável.

Seguimos com três ásanas básicos para exercitar a respiração:

YOGAMUDRÁ

Sente-se em Bhojanásana (pernas cruzadas). Passe ambas as mãos por trás e segure o pulso esquerdo com a mão direita. Incline o tronco para frente, direcionando a testa e o nariz na direção do chão.

Seguimos com três ásanas básicos para exercitar a respiração:

Caso seja possível, encoste a testa e o nariz no chão durante o processo. Permaneça assim por oito segundos, com os pulmões totalmente vazios, então levante-se inspirando. Repita o movimento por oito vezes.

Seguimos com três ásanas básicos para exercitar a respiração:

Essa postura acalma o sistema nervoso e nos dá uma sensação de humildade.

Seguimos com três ásanas básicos para exercitar a respiração:

BALÁSANA (POSTURA DA CRIANÇA)

Nesta postura, o corpo permanece virado para o chão, em posição fetal. Os joelhos ficam flexionados, a canela em contato com o chão e o quadril em contato com os calcanhares.

Seguimos com três ásanas básicos para exercitar a respiração:

A cabeça é alongada para frente em direção ao chão - a testa pode tocar o chão. Os braços podem ser estendidos para frente, na mesma direção da cabeça ou para trás, ao longo do corpo.

Essa postura acalma o cérebro e ajuda a diminuir o estresse e a fadiga, aliviando dores nas costas e pescoço.

+ SOBRE YOGA

As 4 buscas do Yoga para resolver problemas

na vida

Posições de Yoga revelam seus desafios na vida
Posturas de Yoga para iniciantes

Yoga ajuda a ser mais independente

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR
Paula Gonzalez Prabhadra

Paula Gonzalez Prabhadra

Apaixonada por Yoga e Meditação, atualmente dedica-se aos estudos de Tantra Yoga e Aeryal Yoga. Pratica Yoga diariamente e participa da Equipe de Comunicação do II Festival Internacional de Yoga.

  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS