Carregando pagina

Saúde > Prevenção e Cuidados

Dia da Mulher em pleno carnaval

Preserve a saúde e priorize a alegria nestes dias de folia

 

Pensar em mulher e Naturologia quando o Dia da Mulher é comemorado em pleno Carnaval nos leva a uma reflexão importante! Como a mulher pode participar do Carnaval com uma presença feminina saudável e natural? É possível conciliar esses dois aspectos que, a princípio, parecem contraditórios?

Muitas vezes sentimos que o Carnaval explora a mulher em aspectos que não valorizam o feminino, como a falta de limites e de cuidados com a saúde física, emocional e social. Mas podemos usar uma expressão muito saudável, e às vezes esquecida, que é: "brincar o carnaval"!

Carnaval pode ser coisa gostosa de criança, jogar confete e serpentina, pular, pular, pular até cansar! Cantar marchinhas engraçadas, rir e dançar à vontade, sem hora pra dormir e pra acabar a farra! Paquerar, jogar conversa fora, se misturar na multidão e deixar rolar a brincadeira sem compromisso nem medo, durante alguns dias deixar de lado todas as preocupações e problemas e esvaziar a mente. Carnaval pode ser desfilar na escola de samba do seu coração, pode ser aquela viagem gostosa com um grupo de amigos, curtindo a festa numa cidade de interior, numa praia ou numa montanha.

Curiosamente, para muitas pessoas o carnaval é momento de introspecção, desintoxicação e revitalização. São muito comuns nesse feriado os cursos, workshops e retiros voltados para o autoconhecimento e a reflexão!

Mas o mais importante na sua escolha, como mulher, é não deixar de lado os aspectos femininos com o cuidado e a preservação. Mesmo num mundo em que os papeis estão confusos a mulher continua sendo o ser responsável pela gestação. Nada pode (até agora!) mudar isso. E se seu corpo, sua estrutura psicológica e afetiva, seu papel social confere à mulher essa enorme responsabilidade, é porque é ela quem detém a condição fundamental de criadora e mantenedora da vida. Claro que o homem é um participante indispensável, mas é no corpo da mulher que a gestação acontece e, em última instância, ela que decide a possibilidade de gerar ou não uma nova vida.

E porque estamos refletindo sobre tudo isso? Porque nesse Dia da Mulher comemorado no carnaval, cabe a nós decidirmos como queremos fazer nossas escolhas! Algumas dicas:

  • Prepare-se para seu programa, não só pensando na roupa ou fantasia que vai usar, mas quando, onde e como vai se alimentar. Claro que a bebida pode te ajudar a descontrair e brincar, mas se passar da medida vai estragar sua festa. Alimente-se e beba muita água!
  • O sono fora de hora por alguns dias vai mudar todo seu ritmo e humor. Tenha consciência de que precisa de um programa simples pra recuperá-lo após o feriado, privando-se de dormir de dia logo que tiver pela frente uma noite para dormir.
  • Aproveite estes dias quando todos estão expansivos e extrovertidos para fazer amigos, conhecer mais pessoas e ampliar seu círculo social.
  • Vivencie com consciência sua sensualidade e aproveite o prazer que seu corpo pode te proporcionar de maneira saudável. Dance, beije, namore e faça sexo com responsabilidade.
  • Não se exponha a riscos! Brinque num ambiente alegre e festivo, livre de brigas, situações violentas e excesso de álcool.

Neste Dia da Mulher, brinque o carnaval preservando a saúde e priorizando a alegria!

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Katia Leite

Com formação universitária em Naturologia, dedica-se a atendimentos individuais e em grupo em São Paulo. Busca nos elementos da natureza os instrumentos que ajudam a manter e recuperar a saúde. Saiba mais »

contato: katiaaj@hotmail.com
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS