Carregando pagina

Carreira e Dinheiro > Vida Profissional

Afinal, o que faz um astrônomo?

Conheça um pouco mais sobre esta profissão no Brasil

 

Muita gente ignora o fato de que existe a profissão de astrônomo no Brasil. Existem astrônomos amadores extremamente talentosos e com grande experiência em observação celeste. Mas, academicamente falando, existe a formação em Astronomia, oferecida pela Universidade de São Paulo e pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Em outras Universidades, é possível se formar em Física e fazer uma especialização em Astronomia. Até porque, o astrônomo nada mais é do que um físico especialista em fenômenos espaciais. Tanto que a formação de um astrônomo é praticamente igual à formação de um físico, em termos de matérias obrigatórias: Cálculo Diferencial e Integral, Física, Laboratório de Física, Mecânica Quântica etc.

E o que faz um astrônomo? A área de atuação do profissional é bastante ampla. A maioria segue carreira acadêmica e trabalha com pesquisa. Outros, trabalham em observatórios. Em geral, a demanda é por pessoas que desejem seguir carreira acadêmica e se dedicar também ao ensino da Astronomia. Muitos astrônomos brasileiros trabalham na NASA, agência espacial norte-americana, que se revela um sonho não tão distante quanto parece à primeira vista. Estima-se que por volta de 30 brasileiros trabalhem na NASA.

Para estudar Astronomia, não basta gostar da ideia de olhar pro céu em busca de imagens bonitas. É preciso uma sólida base em Física e Matemática para ser um astrônomo."Para estudar Astronomia, não basta gostar da ideia de olhar pro céu em busca de imagens bonitas. É preciso uma sólida base em Física e Matemática para ser um astrônomo."

O estudante recém-egresso na Universidade precisa ter pelo menos o gosto pelas ciências exatas ou a disposição para aprender a gostar, caso contrário irá se desapontar.

Dia do Astrônomo

Que existe o dia do médico, o dia do dentista, o dia da secretária e tantos outros dias que homenageiam os mais diferentes profissionais, muita gente já sabe. O que muitos desconhecem é que existe também o dia do astrônomo! Em verdade, no Brasil esta homenagem é recente, foi uma iniciativa do Estado do Rio de Janeiro e ainda se limita à esfera estadual. O dia 2 de dezembro foi instituído no Rio de Janeiro como sendo o "dia do astrônomo" em homenagem ao Imperador Dom Pedro II, que fazia aniversário neste dia, e foi um grande incentivador da Astronomia. Existe também o dia internacional da Astronomia, comemorado internacionalmente em 8 de abril, a cada ano.

Além disso, o ano de 2009 foi considerado "Ano Internacional da Astronomia", em homenagem ao fato de, 400 anos atrás, Galileo Galilei ter pela primeira vez apontado um telescópio para o céu e visto detalhes da Lua, Marte, Júpiter e Saturno, e ainda por cima ter descoberto que Júpiter também tinha satélites.

Aos que se interessarem em saber mais sobre a carreira de astrônomo, fica a sugestão de que visitem o blog Mulher das Estrelas, em que a astrônoma brasileira Duilia de Mello, que trabalha na NASA, responde a 30 questões muito comuns quando o assunto é "Astronomia", como "o que é preciso para ser um astronauta" ou "como fazer para trabalhar na NASA?".

Esta matéria foi útil para você?

SOBRE O AUTOR

Alexey Dodsworth

Astrólogo há quase 30 anos, é escritor, membro da MENSA e atualmente cursa doutorado em Filosofia e Ética em Veneza. Tem ampla experiência em ensino de Filosofia, já tendo sido consultor da UNESCO e assessor especial no Ministério da Educação. Saiba mais »

contato: alexey-revista@personare.com.br
  • e-mail
  • Imprimir
E-mail para receber matérias da Revista

RECEBA NOSSA NEWSLETTER

NOVAS MATÉRIAS A CADA 15 DIAS

Holis é uma empresa do Grupo Personare